Documents

AFETIVIDADE NA SALA DE AULA o olhar Walloniano sobre a relação professor-aluno na educação infantil - GRAZYELLE FARIA

Description
FACULDADE ALFREDO NASSER INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO CURSO DE PEDAGOGIA AFETIVIDADE NA SALA DE AULA: o olhar Walloniano sobre a relação professor-aluno na educação infantil Grazyelle Iaccino Faria APARECIDA DE GOIÂNIA 2010 GRAZYELLE IACCINO FARIA AFETIVIDADE NA SALA DE AULA: o olhar Walloniano sobre a relação professor-aluno na educação infantil Artigo Científico apresentado ao Instituto Superior de Educação da Faculdade Alfredo Nasser como requisito para conclusão do Curso de Pedagogia,
Categories
Published
of 24
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
  FACULDADE ALFREDO NASSERINSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃOCURSO DE PEDAGOGIA AFETIVIDADE NA SALA DE AULA: o olhar Walloniano sobre a relaçãoprofessor-aluno na educação infantil Grazyelle Iaccino Faria APARECIDA DE GOIÂNIA2010  GRAZYELLE IACCINO FARIA AFETIVIDADE NA SALA DE AULA : o olhar Walloniano sobre a relaçãoprofessor-aluno na educação infantil Artigo Científico apresentado ao Instituto Superior deEducação da Faculdade Alfredo Nasser como requisito paraconclusão do Curso de Pedagogia, sob orientação da ProfºMs. José Calixto de Souza Pires. APARECIDA DE GOIÂNIA2010  FOLHA DE AVALIAÇÃO DA PRODUÇÃO DO TRABALHO AFETIVIDADE NA SALA DE AULA : o olhar Walloniano sobre a relaçãoprofessor-aluno na educação infantil Aparecida de Goiânia, ____ de Dezembro de 2010 EXAMINADORES Orientador: Profª Ms. José Calixto de Souza Pires  –  Nota: ____/70Primeiro examinador  –  Prof.(a) Ms. ----- - Nota: ____/70Segundo Examinador  –  Prof.(a) ----- - Nota: ____/70___________________________________________________________________________Média parcial  –  Avaliação da Produção do Trabalho: ____/70  AFETIVIDADE NA SALA DE AULA : o olhar Walloniano sobre a relação professor-aluno na educação infantil Grazyelle Iaccino Faria *  José Calixto de Souza Pires ** Resumo : Este artigo procura expor a afetividade na concepção de HenryWallon. Para isso, também é exposto algumas considerações de Piaget,Vigotsky para contrapor as ideias deste teórico, referência para o trabalho. Oestudo parte do relacionamento que existe entre professor e aluno, emespecial, nas primeiras séries iniciais, que a criança ao chegar à escola, deixao laço familiar, para entrar em um meio diferente do que vive. Então, é ummomento de alterações na sua vida social, portanto, a afetividade na relaçãoprofessor e aluno é muito significativa. Diante disso, o estudo tem por   objetivo geral   analisar a consequência da afetividade sob o olhar Wallonianona relação professor-aluno na educação infantil. De forma específica: 1.Discutir os principais aspectos da afetividade na teoria de Wallon; 2.Examinar a afetividade no desenvolvimento da criança; 3. Investigar aafetividade no espaço da escola; 4. Analisar a consequência da afetividadesob o olhar Walloniano na relação professor-aluno na educação infantil. Parabuscar dados, o trabalho usou do levantamento bibliográfico sobre o tema.Concluiu que ao existir a afetividade nessa relação escolar, possibilitamelhores disposições para superar as dificuldades que possam acontecer, adeterminação de não aceitar as derrotas, atenuar os conflitos com asdiversidades, uma maneira de tornar amena uma situação difícil, que favorecea busca de um objetivo em sala de aula. Palavras-chave : Afetividade; Desenvolvimento; Criança; Educação Infantil. INTRODUÇÃO A boa relação entre professor e aluno é fundamental para o processo ensinoaprendizagem, pois quando a criança da educação infantil chega à escola, está deixandoa segurança do lar para descobrir outras formas de relacionamento. Por isso, éimportante que a criança se sinta segura e incentivada para que possa desenvolver-se deforma saudável e sem traumas.A afetividade desenvolve-se de acordo com os estágios que Wallon propõe paraentender o desenvolvimento humano, que são: estágio impulso-emocial que abrange oprimeiro ano de vida; estágio sensório-motor e projetivo que vai até o terceiro ano; * Acadêmica do 8º período do Curso de Pedagogia da Faculdade Alfredo Nasser. * * Orientador do artigo.
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks