Documents

bege 1

Description
roteiro cinema
Categories
Published
of 7
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
  Estou em uma cidade bege.Os prédios, mesmo os coloridos com outra cor:bege.A tardezinha,o bege doura.É mais fácil amar Goiânia no por do sol.oris ! ulher, #o$em, %& e poucos anos.'elaza ! ulher, transe(ual, )& anos.*o+o iguel ! omem, portugu-s, % anos./ena &0 ! E(t. 1 /ruzamento da rua %) com a rua &), /entro de Goiânia. 2em mo$imento, imagem fria 1 anh+/ena &% ! 3nt. 1 /ama de 'elaza ! anh+ de domingo'elaza sentada na cama, com os pés no ch+o. /orpo ereto, m+os sobre os #oelhos e rosto tampado com uma espécie de argila. 3magem de oris obser$ando.'elazaEu sou uma personagem. 4+o por ser ilustre ou importante, como diz o dicionário. 2ou personagem tal$ez por 5u- por debai(o desta coisa toda 5ue me faz eu me chamar 'elaza, e(ista outra pessoa, t+o forte e presente 5uanto.Ao mesmo tempo sou performance. Ao mesmo tempo sou até o dese#o do cafu6u 5ue eu peguei ontem, delicioso, por sinal. 2ou rainha de todo lugar.7uando passo meu creme facial fico poética, estudada. É minha máscara social. 2ou s8 'elaza, bicha e cansada.oris7ue bonito. *á pensou em escre$er isso9'elazaoris, escre$er alguma coisa é eternizar ela. E a nica coisa 5ue eu 5uero eternizar nesse mundo s+o os domingos e essa sensa6+o mara$ilhosa de ter minha cara cheia de creme de abacate.As duas sorriem./ena &) 1 3nt. 1 7uarto de oris ! ;ardeoris está de costas, olhando a #anela. 28 se $- a silhueta de oris. oris con$ersa com alguém 5ue n+o aparece no 5uadro.orisÉ bom olhar pela #anela. Ainda mais da5ui. O horizonte da cidade continua nas pessoas 5ue conseguimos $er sumir de $ista.'elaza as isso é a nica $erdade 5ue eu sei 5ue eu acredito: as pessoas  somem de $ista. E a gente consegue $er. oris abre a carteira de cigarro.'elaza pega um cigarro, coloca na boca e acende. O rosto fica tampado de fuma6a. /ena &< ! E(t. ! /ruzamento da rua %) com a rua &), /entro de Goiânia. 2em mo$imento, imagem fria 1 4oite/orta para/ena &= ! E(t. 1 Ei(o1Anhanguera 1 anh+'elaza espera o >nibus no ponto. 4+o está cheio. Alguém passa e olha com desdém. Ela n+o responde. /ena &? ! E(t. 1 A$enida Anhanguera. @ários $endedores ambulantes, pessoas caminhando com sacolas./ena & ! 3nt. ! 2upermercado ! ;ardeBhora do almo6o'elaza abre uma $asilha 5ue trou(e de casa, com almo6o, senta e come. A parede atrás tampada de cai(as. /ena & ! 3nt. ! 2upermercado ! ;ardeBhora do almo6o'elaza numa parede de cai(as de cer$e#a, fuma um cigarro. Codo, $assoura e balde encostados do lado dela. O /olega de trabalho entra em 5uadro, e senta, no canto, também com uma marmita, preparando para comer.../olega de trabalho *á almo6ou9'elaza*á./olega de trabalho4+o te $i es5uentando a comida na cozinha.'elaza4+o gosto de comida 5uente. Acho 5ue sempre perco muito tempo de $ida assoprando comida 5uente. /ena &D ! E(t. ! Cua ! ;ardeB2ol #á abai(ando'elaza atra$essa a rua. As pessoas olham, a câmera $- a imagem de longe. Ela n+o olha para os lados.  /ena 0& ! 3nt. ! Escada ! ;ardeB2ol se pondo'elaza abre a porta 5ue dá para a escada, entra e fecha a porta. Cespira fundo. 2obre correndo, dei(ando s8 a silhueta./ena 00 ! 3nt. ! 'anheiro 1 4oite'elaza toma banho. etalhe no rosto. A água cai e se mistura Fs lágrimas no rosto de 'elaza. 2om de batidas na porta. e fora...oris@ai 5uerer café9'elaza uito e sem a6car.oris;+o pre$is$elH/ena 0% ! 3nt. ;arde ! /ozinhaetalhe da água fer$endo no fogo./ena 0) ! 3nt. ;arde ! 7uarto de 'ec'elaza termina de acender o cigarro. Iega a (cara de café, toma um gole.'elaza@ou embora.oris olha para ela. Jicam um tempo se olhando. oris deita no colo de 'elaza. /âmera foca em oris, 5ue olha pra 'elaza de bai(o para cima.'ec KoffL eu nome é 'ec. oro no centro de Goiânia. 4+o conhe6o outros lugares, todos os choros e risos 5ue ti$e foram a5ui. oro sozinha por op6+o e alugo um 5uarto do meu apartamento como forma de me redimir espiritualmente. /on$i$er com pessoas, por mais insuportá$el 5ue se#a, ele$a a gente de algum #eito. 'elaza $eio e $ai. Eu fico, esperando. /orta para*anela. /ena 0< ! E(t. 4oite ! ;erminal de >nibus ulher 0emora esse >nibus9oris4+o sei. ulher 0  @oc- n+o tem cara de 5uem gosta de con$ersar com gente estranha.orisEngano seu. 4+o gosto de con$ersar com gente conhecida. Gente estranha é 8timo, n+o te conhece, dá pra ser um psicopata e fingir ser um padre. ulher 0@oc- é psicopata9oris come6a a rir e a ulher 0 também ri. oris coloca os fones de ou$ido e olha pra frente./ena 0= ! E(t. 4oite ! Mnibus'ec #ogada no banco, com fone de ou$ido. e $ez em 5uando olha pra fora. Nm rapaz obser$a. O rapaz tira um lambe lambe da bolsa, prepara com cola e prega na parede do >nibus. Está escrito: M atrasado, *esus #á $oltouP. Os dois descem #untos no mesmo ponto./ena 0? ! E(t. 4oite ! Ionto de >nibus*o+o iguel@oc- o encontrou9orisOi9*o+o iguel*esus. @oc- o $iu por a9oris sorri*o+o iguel*o+o iguelHoris acena com a cabe6a.*o+o iguel entregando um papel /heguei há pouco em Goiânia. Ireciso arran#ar um lugar de $erdade pra morar. 2e souber de algum, me liga ou manda mensagem. 2e 5uiser sair pra tomar uma catuaba, pode ligar também.oris pega, concorda e $ira a es5uina. /ena 0 ! 3nt. 1 /ozinha da casa de oris e 'elasa ! anh+oris está fazendo café. 'elasa entra na cozinha.oriso#e é feriado de 5u-9'elasa sentando-se
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks