Documents

Boletim 04-09-2016 Colorido

Description
Boletim Dominical da Congregação Presbiteriana de José de Freitas.
Categories
Published
of 2
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
    Visitante, seja bem-vindo em nosso meio! Se você deseja oração, aconselhamento, visita ou estudo bíblico, fale com o Pr. André pessoalmente ou através dos contatos: (86) 99955-0234 e pr.andrealoisio@gmail.com. Estamos à sua disposi-ção para lhe ajudar espiritualmente no que for preciso.    Vida espiritual dos irmãos    Irmãos enfermos    Irmãos em disciplina    Parto da irmã Fabiana    Exame de ressonância magnética da irmã Luiza    Parentes descrentes    Catecúmenos    Visitantes    Programa de Rádio “Mensagem de Salvação”      Salvação do povo de José de Freitas    Fim da violência em José de Freitas    Crianças e adolescentes vítimas de pedofilia    Evangelização e plantação de igrejas no Piauí    Pastores e missionários ao redor do mundo    Países onde há perseguição: Turquia    Avivamento da Igreja de Cristo no mundo    Eleições municipais    Brasil em sua crise política, econômica e moral    Volta de Jesus “ Tendo sustento e com que nos vestir, estejamos contentes ”  (1 Timóteo 6.8). Pergunta 84:  O que merece cada pecado? Resposta:  Cada pecado merece a ira e a maldição de Deus, tanto nesta vida como na vindoura. Referências:  Gl 3.10 T 2.10 Mt 25.41. 4 DE SETEMBRO DE 2016 ANO 2 –  Nº 35 Nosso propósito é glorificar ao Deus Triuno, Pai, Filho e Espírito Santo, reconciliando os pecadores com Ele por meio da fé em Jesus Cristo e preparando os santos para servi-lO em cada área da vida. Rua José Lages, 369. Centro. José de Freitas-PI. Próximo ao Teatro Municipal. Domingo, 8h30:  Escola Dominical Domingo, 17h:  Culto Solene Terça-feira, 19h:  Reunião de Oração Quinta-feira, 19h:  Reunião de Doutrina    Oração das 18h:  Todo dia, às 18h, em particular.      Ceia do Senhor:  Hoje, no Culto Solene.      Almoço de Confraternização:  Quarta-feira, dia 07/09 (feriado), às 12h.      Reunião dos homens:  Sábado, dia 10/09, às 18h.      Reunião das mulheres:  Sábado, dia 10/09, às 18h.      Alimentos para os necessitados:  Traga um quilo de alimento não perecível para montarmos uma cesta básica para uma família necessitada.  Programa “ Mensagem de Salvação ”   Rádio Cidadania (87.9 FM) Todas as sextas-feiras, das 8h às 9h Nosso Site www.ipjosedefreitas.com.br Nossa Página no Facebook www.facebook.com/ipjosedefreitas Conselho da Igreja Presbiteriana da Piçarra Rev. Renato Sousa (99954-1810 / pr.renatosousa@gmail.com) Rev. André Aloísio (99955-0234 / pr.andrealoisio@gmail.com) Presb. Cleber Leite (98832-2574 / cleberfleite@hotmail.com) Presb. Denilson Silveira (99421-8600 / denilson.silveira1@gmail.com) Junta Diaconal da Igreja Presbiteriana da Piçarra Diác. Paulo Silva (98856-7861 / paulo.silva.04@hotmail.com) Diác. Rodrigo Santos (99400-0808 / rasantosmed@yahoo.com.br) REUNIÕES SEMANAIS SEJA BEM-VINDO! BREVE CATECISMO PARA MEMORIZAR AVISOS ADMINISTRAÃO MÍDIA MOTIVOS DE ORAÇÃO    falsos testemunhos, blasfêmias” (Mt  15.19-20). Quando a causa é identificada, há condições de se buscar o remédio adequado. Aqui se percebe a insuficiência de éticas humanistas reducionistas, que analisam apenas aspectos sociológicos e antropológicos da cor-rupção na política, deixando de incluir a dimensão pessoal: ego-ísmo, maldade, crueldade, despotismo, avareza, inveja, cobiça. O protestantismo reformado prega uma conversão interior dos go-vernantes e dos governados a Deus, que se arrependam do mal e pratiquem obras de justiça. 5) Por fim, o conceito de graça comum (concedida a todos) en-sina que há princípios gerais que, se seguidos e aplicados, produ-zirão a ética na política. Segundo este conceito, Deus abençoa a humanidade em geral com virtudes e qualidades, independente-mente das convicções religiosas e políticas das pessoas. É por este motivo que encontramos quem se professa cristão e não tem ética, e encontramos a ética funcionando pelas mãos de quem não se declara cristão. Ao reconhecer a graça comum de Deus, a fé reformada entende que o caminho para a ética na política não é necessariamente converter todos ao cristianismo e nem colocar em cargos políticos quem se professa cristão, mas contribuir para que os princípios acima mencionados sejam reconhecidos e exercidos por todos, independentemente da convicção religiosa. Não custa sonhar que um dia a fé reformada, mediante a pujan-ça da Igreja, possa influenciar nosso país e moldar nossa cultura com uma cosmovisão bíblica, oferecendo as bases morais, espiri-tuais e lógicas para ética na política. Artigo completo:  http://tempora-mores.blogspot.com.br/2013/ 09/etica-na-politica-uma-visao-reformada.html    Chamada à adoração Saudação * Leitura bíblica: Salmo 113 * Oração de invocação e louvor * Hino: 5 (Trindade Adorada)    Contrição Leitura bíblica: Êxodo 20.1-17 Oração silenciosa de contrição Oração de gratidão Declaração do perdão: Gálatas 2.19,20 Hino: 334 (A Conversão)    Edificação Leitura do Antigo Testamento: 1 Reis 21 Cânticos: 95 (Buscai Primeiro o Reino de Deus), 172 (Não Há Deus Maior) * Leitura do Novo Testamento: 1 Timóteo 6.3-10 LITURGIA DO CULTO SOLENE A Visão Reformada quanto à Política Pr. Augusus Nicodemus Lopes O principal conceito da visão reformada quanto à política é que somente Deus tem poder absoluto. Desse conceito decorrem vários princípios que moldam a visão reformada da política e apontam o caminho da ética. Menciono alguns deles. 1) A fé reformada faz a clara distinção entre Igreja e Estado, mas vê toda autoridade como procedente de Deus (Rm 13). Os governantes são vistos como servos de Deus neste mundo, para através da política e do exercício do poder promover o bem co-mum, recompensar os bons e punir os maus. Como tal, haverão de responder diante de Deus pela corrupção na política, pela insensibilidade e pelo egoísmo. A visão do cargo político como sendo uma delegação divina desperta no povo o devido respeito pelas autoridades, mas, ao mesmo tempo, produz nestas autori-dades o senso crítico do dever. 2) A fé reformada resiste ao conceito da soberania absoluta do Estado, “um produto do panteísmo filosófico alemão” (Abraham Kuyper) e ao conceito da soberania absoluta do povo, conforme defendido pela revolução francesa. O poder reside em Deus. Tanto o poder do Estado quanto do povo são delegados por ele visando a organização da humanidade. Como consequência, a fé reformada defende que nenhum ser humano tem poder sobre outro, a não ser quando delegado por Deus, ao ocupar um cargo de autoridade. 3) Já que o poder não é intrínseco ao ser humano, mas uma delegação divina, deve-se resistir pelos meios corretos a quem exerce o poder político em desacordo com a vontade de Deus. Esta vontade divina para os governantes se encontra claramente expressa na Bíblia, como por exemplo, nos Dez Mandamentos. Entre eles encontramos proposições como “não furtarás”, “não dirás falso testemunho”, “não matarás”. Esses mandamentos refletem absolutos éticos presentes em todas as civilizações, em função de todos os seres humanos levarem em sua constituição a imagem e semelhança de Deus  –  com maior ou menor precisão, em função da imperfeição moral existente na humanidade. Ne-nhum governante tem imunidade contra a Lei de Deus. Na tradi-ção protestante reformada, resistir à corrupção na política é dever de todos e a vontade de Deus para cada cristão verdadeiro. 4) A corrupção na política é vista pela fé reformada como tendo srcem primariamente no coração dos seres humanos. A Bíblia afirma que não há sequer uma pessoa justa neste mundo. “Todos pecaram e car  ecem da glória de Deus” (Rm  3.23). Jesus Cristo disse que é do coração dos homens e das mulheres que proce- dem “maus desígnios, homicídios, adultérios, prostituição, furtos, PASTORAL * Oração por iluminação Pregação Oração pastoral Afirmação de fé: Credo Apostólico    Comunhão Palavras da instituição: 1 Coríntios 11.23-29 Exortação Consagração e comunhão do pão e do vinho Oração de gratidão Oração Dominical * Cântico: 9 (Salmo 11)    Despedida * Oração final * Benção: Hebreus 13.20,21 * Amém tríplice *  Igreja em pé Passagem:  1 Timóteo 6.3-10 Série: A Igreja como Organização:   Exposições em 1 Timóteo Pregador:  Pr. André Aloísio O. da Silva Tema: _____________________________________  ___________________________________________ Anotações: ________________________________  ___________________________________________  ___________________________________________  ___________________________________________  ___________________________________________  ___________________________________________  ___________________________________________  ___________________________________________  ___________________________________________  ___________________________________________ ANOTAÕES DO SERMÃO
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks
SAVE OUR EARTH

We need your sign to support Project to invent "SMART AND CONTROLLABLE REFLECTIVE BALLOONS" to cover the Sun and Save Our Earth.

More details...

Sign Now!

We are very appreciated for your Prompt Action!

x