Documents

Boletim Ano 7 nº 282

Description
Boletim Informativo semanal da Igreja Evangélica Congregacional de Higienópolis
Categories
Published
of 2
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
  Distribuição gratuita Contato Endereço : Rua Darke de Matos, 108,Higienópolis, CEP: 21051-470 Telefone :(21) 2280-4405 Depósitos e Transferências: Banco do Brasil | Agência: 3120-8 | C/C: 9950-3Igreja Evangélica Congregacional de HigienópolisCNPJ: 42.202.093/0001-87 Internet Endereço: http://iechigienopolis.blogspot.com/  E-mail: iechigienopolis@gmail.comNotícias, arquivo de boletins, serviços, estudos bíblicos, fo-tos e muito mais! Visite nosso site. Pastor Pr. Roberto Mazzucchelli   Telefones: (21) 2417-8007 | (21) 2417-1724 Celular:  (21) 8889-3895 | (21) 9783-0665 E-mail: robertoabrigo@hotmail.com Atendimento Pastoral: Quarta-feira a partir das 14:00 horas Sexta-feira a partir das 14:00 horas Notícias 01 de Junho de 2012 -   Igrejas domésticas são invadidas naChina 31 de Maio de 2012 - Portas Abertas ministra seminário paraadolescentes da Ásia Central 30 de Maio de 2012 - Igrejas são queimadas em Zanzibar  29 de Maio de 2012 - Político de Zanzibar culpa cristãos por  perda das eleições Essas e muitas outras notí- cias você encontra em:  portasabertas.org.br  Carta a Diogneto Domingo da Igreja Perseguida  Edição Especial:   DIP Ano 7 nº 285.  Rio de Janeiro, 3 de Junho de 2012 E na verdade todos os que querem viver piamente emCristo Jesus padecerão perseguições. 2 Timóteo 3:12   Rua Darke de Matos, 108 | Higienópolis Rio deJaneiro | RJ | CEP: 21051-470Tel.: 2280-4405    Domingo da Igreja Perseguida   O que é?   O DIP – Domingo da Igreja Perseguida -é um evento patrocinado pela Portas Abertas,que tem o objetivo de conscientizar a Igreja brasileira sobre a violação dos direitos de crençados cristãos ao redor do mundo. Em pleno século 21, cerca de 100 milhõesde cristãos enfrentam hostilidade e perseguição reli-giosa pelo simples fato de seguir a Cristo. Essa into-lerância acontece de várias maneiras: por meio dogoverno, da sociedade e, principalmente, da família.E as consequências da fé são, muitas vezes, encar-ceramento, agressões físicas e psicológicas, amea-ças, perda de emprego, além da morte.Para amenizar essas dificuldades, a Portas Abertas realiza o DIP todos os anos, como forma demobilizar os cristãos livres para orar, divulgar e aten-der às necessidades dos cristãos que não têm vozprópria, em países como Coreia do Norte, Irã, Afega-nistão, Eritreia, Nigéria, Colômbia, entre outros.Por isso, quando nós nos comprometemos aorganizar este evento, estamos representando cris-tãos de todo o mundo que não desfrutam da mesmaliberdade de fé e de expressão de amor a Deus, co-mo nós fazemos.Realizar o DIP significa lembrar-se e agir emfavor dessa parte do Corpo de Cristo que necessitade oração, de modo que sua realidade seja divulga-da entre os cristãos brasileiros. Afinal, menos de 25mil brasileiros estão envolvidos diretamente com acausa da Igreja Perseguida  – esta que enfrenta per-seguição religiosa.   C   M   K    L   H   J   F   R    D    A    O   N   F   R    B   M   K    L   F   E   R    O   S    A    I   L   E   E   E    V    E   T    Y    J   B    A    G   D   C   B   I   T   R    L   I    A    D   E   L   P    A    M   N   L   N   K    O   S   U   T   L   F    A    I   H   N    A    F   R    G   B   M   S   N   B   I   C   F   K    L   O   T   U   R    R    S   I   O   M   S    A    D    A    S   E   I   R     A    L   O   B   G   M   F   O   R    P   O   Caça-Palavras De acordo com o texto de Romanos 12.4-5, perce-bemos que um membro do corpo não pode fazer nada so-zinho. É necessária uma parceria para que o corpo viva emharmonia. Um não é mais importante que o outro, pelo con-trário, cada membro está ligado a todos os outros .Também em I Coríntios 12.25-26, a Bíblia ensina aimportância da unidade, a fim de que não haja divisão nocorpo, mas, sim, que todos os membros tenham igual cui-dado uns pelos outros . E, claro, a alegria de um membro éa alegria de todos, assim como o sofrimento de um é o so-frimento de todo o corpo.Por isso, quando um cristão é perseguido, tortura-do ou morto por causa de sua fé, todos nós, da igreja que élivre e não enfrenta tamanha hostilidade religiosa, devemossofrer com eles.Os cristãos perseguidos não são heróis. São ho-mens e mulheres como nós, que sentem medo e insegu-rança, mas vivem sua fé de forma tão intensa a ponto deencarar a morte, que nos ensinam como perseverar emmeio a muitas dificuldades. Muitos, infelizmente, não supor-tam a pressão e acabam negando Jesus. Você consegueimaginar seu filho sendo ameaçado de morte bem à suafrente? Ou sua esposa, ou seu marido?Eles vivem uma realidade muito distante da nossa,mas na oração podemos nos aproximar deles. Podemosnos unir a eles. Podemos ser um com eles por meio daintercessão e da ajuda nos projetos em que a Portas Aber-tas atua, para amenizar o sofrimento dessa parte do Corpo.Distribuição de Bíblias e materiais cristãos, treina-mentos para pastores e líderes, além de professores, ajudasocioeconômica (como pequenos empréstimos, para a a-bertura de negócios), cursos de alfabetização, socorro e-mergencial em caso de catástrofes naturais e apoio jurídicoaos cristãos presos injustamente  – tudo isso faz parte dosprojetos que a Portas Abertas realiza em favor da IgrejaPerseguida. Todas as doações e recursos passam por au-ditoria anual e os doadores têm acesso aos resultados. Encontre 5 Países que sofrem de perseguição! 1. Coreia do Norte ( Coreia ) 2. Afeganistão   3. Arábia Saudita ( Arabia )   4. Somália   5. Irã      Em 2012, o tema é Um com eles .       D   I    P
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks