Documents

Dissertação - Pesquisa-Ação Sobre a Ação Docente Na Construção de Uma Prática Dialógica de Leitura

Description
Pesquisa-Ação Sobre a Ação Docente Na Construção de Uma Prática Dialógica de Leitura.
Categories
Published
of 170
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
    PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP ELIZABETH KASUE OSHIRO KOBASHIGAWA PESQUISA-AÇÃO SOBRE A AÇÃO DOCENTE NA CONSTRUÇÃO DE UMA PRÁTICA DIALÓGICA DE LEITURA MESTRADO EM LINGUÍSTICA APLICADA E ESTUDOS DA LINGUAGEM SÃO PAULO 2011    PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP ELIZABETH KASUE OSHIRO KOBASHIGAWA PESQUISA-AÇÃO SOBRE A AÇÃO DOCENTE NA CONSTRUÇÃO DE UMA PRÁTICA DIALÓGICA DE LEITURA MESTRADO EM LINGUÍSTICA APLICADA E ESTUDOS DA LINGUAGEM Dissertação apresentada à Banca Examinadora da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, como exigência parcial para a obtenção do título de Mestre em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem, sob orientação da Profa. Dra. Mara Sophia Zanotto SÃO PAULO 2011  E R R A T A: Vygotsky – o interacionismo página 47 - 4º parágrafo, excluir nas 3ª e 4ª linhas “Em seus estudos, Vygotsky deixa muito clara a influência decisiva das relações sociais no desenvolvimento intelectual”. Paradigma Qualitativo página 67 - citação de Barbier (2007, p.29), na 1ª linha, a tradução da expressão “Action-Research” é “Pesquisa-Ação”. O Contexto da pesquisa página 68 - 3º paragráfo, 9ª linha, a sigla “ETE” significa “Escola Técnica Estadual”. O Contexto da Pesquisa   página 69 - 1º parágrafo, 2ª linha, a sigla “EM” significa “Ensino Médio”. Participantes da vivência página 69 - incluir no 2º parágrafo, na 3ª linha, “Grupo focal, segundo Gatti (2005), refere-se a um grupo com um número de seis a 12 pessoas, no caso específico desta pesquisa alunos, para se realizar a vivência de leitura. Segundo a mesma autora: ”grupos maiores limitam a participação, as oportunidades de trocas de ideias e aprofundamento no tratamento do tema” (2005, p. 22). Além disso, a vivência de leitura com pequenos grupos facilita a gravação do evento em áudio. Participantes da vivência página 69 - incluir no 1º parágrafo: Os alunos participantes da vivência de leitura são jovens entre 17 e 19 anos de idade. Alguns trabalham, outros cursam a ETE (Escola Técnica Estadual) ou cursos do Senai durante o dia. Todos moram com a família e têm o apoio e o incentivo familiar no que se refere aos estudos e aos planos para o futuro. Pensar Alto em Grupo página 72 - 4º parágrafo, 3ª linha, onde se lê “protocolo verbal”, leia-se “pensar alto em grupo”.   Referência Bibliográfica: página 141 - incluir: MOITA LOPES, Luis Paulo (1998) Discursos de Identidade na sala de aula de leitura em língua materna: a construção da diferença. In Signorini, I. (Org.) Lingua(gem) e Identidade. Campinas:Mercado de Letras.      BANCA EXAMINADORA  ______________________________ Profa. Dra. Helena Gordon Silva Leme  ______________________________ Profa. Dra. Dieli Vesaro Palma  ______________________________ Profa. Dra. Mara Sophia Zanotto
Search
Similar documents
View more...
Tags
Related Search
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks
SAVE OUR EARTH

We need your sign to support Project to invent "SMART AND CONTROLLABLE REFLECTIVE BALLOONS" to cover the Sun and Save Our Earth.

More details...

Sign Now!

We are very appreciated for your Prompt Action!

x