Documents

Operacao e Manutencao do Petroleo e Gas -Natal- Mossoro.pdf

Description
Download Operacao e Manutencao do Petroleo e Gas -Natal- Mossoro.pdf
Categories
Published
of 49
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
    CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA   C C u u r r s s o o  T T é é c c n n i i c c o o  d d e e  N N í í v v e e l l  MMé é d d i i o o  S S u u b b s s e e q q ü ü e e n n t t e e  e e m m   O O p p e e r r a a ç ç ã ã o o  e e  MMa a n n u u t t e e n n ç ç ã ã o o  d d a a  P P r r o o d d u u ç ç ã ã o o  d d o o  P P e e t t r r ó ó l l e e o o  e e    G G á á s s  N N a a t t u u r r a a l l   P P l l a a n n o o  d d e e  C C u u r r s s o o   Aprovado através da Resolução nº 05/2007-CD, de 12/03/2007 In n    ú    s s t t r r ia    a       Francisco das Chagas de Mariz Fernandes DIRETOR GERAL Belchior de Oliveira Rocha DIRETOR DE ENSINO  Adjair Ferreira Barros CHEFE DE DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE INDÚSTRIA / UNIDADE SEDE Caubi Ferreira de Souza Júnior COORDENADOR DO CURSO TÉCNICO DE NÍVEL MÉDIO SUBSEQUENTE EM OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO DE PETRÓLEO E GÁS NATURAL Raimundo Nonato Tânia Costa SISTEMATIZAÇÃO DO PLANO DE CURSO Dante Henrique Moura COORDENAÇÃO GERAL Maria das Graças Baracho CONSULTORA Leonor de Araújo Bezerra Oliveira REVISÃO LINGÜÍSTICA    Sumário 1. Apresentação ............................................................................................................................................. 4   2. Justificativa  ................................................................................................................................................ 4   3. Objetivos  ..................................................................................................................................................... 5   OBJETIVO GERAL ................................................................................................................................5   OBJETIVOS ESPECÍFICOS ....................................................................................................................5   4. Requisitos e formas de acesso ............................................................................................................. 5   5. Perfil profissional de conclusão do curso .......................................................................................... 6   6. Organização curricular  ............................................................................................................................ 7   6.1 MATRIZ CURRICULAR ....................................................................................................................7   6.2  PRÁTICAS PEDAGÓGICAS PREVISTAS .............................................................................................8   6.3  PRÁTICA PROFISSIONAL ................................................................................................................8   7. Critérios de aproveitamento de estudos e certificação de conhecimentos  .............................. 8   8. Critérios de avaliação da aprendizagem ............................................................................................. 9   9. Instalações, equipamentos e biblioteca .............................................................................................. 9   9.1  INSTALAÇÕES ,  EQUIPAMENTOS E BIBLIOTECA DA UNIDADE SEDE ......................................................9   10. Pessoal docente e técnico administrativo  ..................................................................................... 10   QUADRO GERENCIAL DA ÁREA PROFISSIONAL DE INDÚSTRIA ................................................................10   DOCENTES .......................................................................................................................................10   QUADRO DOCENTE  –  CURSO TÉCNICO EM OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO DA PRODUÇÃO DE PETRÓLEO E GÁS .......................................................................................................................................................11   11. Certificados e diplomas  ...................................................................................................................... 11   anexo I – programas das disciplinas ...................................................................................................... 12     4 1. Apresentação O presente documento trata da estrutura curricular do Curso Técnico de Nível Médio Subseqüente em Operação e Manutenção da Produção do Petróleo e Gás Natural, na área de Indústria, na forma de Plano de Curso. Este projeto de curso está fundamentado nas bases legais e nos princípios norteadores destes níveis explicitados na LDB nº 9394/96 e no conjunto de leis, decretos, pareceres e referenciais curriculares que normatizam a Educação Profissional Técnica de Nível Médio no sistema educacional brasileiro. Estão presentes também, como marco orientador desta proposta, as decisões institucionais traduzidas nos objetivos desta instituição e na compreensão da educação como uma prática social, os quais se materializam na função social do CEFET-RN de promover educação científico-tecnológico-humanística, visando à formação do profissional-cidadão crítico-reflexivo, competente técnica e eticamente e comprometido efetivamente com as transformações sociais, políticas e culturais e em condições de atuar no mundo do trabalho, na perspectiva da edificação de uma sociedade mais justa e igualitária, através da formação inicial e continuada de trabalhadores; da educação profissional técnica de nível médio; da educação profissional tecnológica de graduação e pós-graduação; e da formação de professores fundamentadas na construção, reconstrução e transmissão do conhecimento. 2. Justificativa  A realidade atual, dado aos avanços científicos e a implementação de novas tecnologias aplicadas ao processo produtivo, apresenta-se de forma dinâmica e complexa. Nessa perspectiva, o CEFET-RN está redirecionando sua prática educativa para se adequar ao novo contexto, visando ao desenvolvimento de conhecimentos e atitudes que auxiliem aos alunos a melhor se relacionarem com as exigências presentes hoje na sociedade, condição básica para favorecer a convivência social, responsável, crítica e humanizadora; propiciando, assim, não só sua inserção no mercado de trabalho como também a educação continuada com vistas a atender às novas demandas da sociedade e do mundo do trabalho. Nesse cenário, considerando-se pesquisas do mercado de trabalho no setor industrial e potencialidades de desenvolvimento no Estado do Rio Grande do Norte, que vem cada vez mais se afirmando aos setores ligados à área de indústria, particularmente, o da indústria do Petróleo, constata-se que o profissional da Área de Indústria encontrará espaço de ocupação em diversos setores da economia do Estado. O Rio Grande do Norte tem se destacado no setor de produção mineral, principalmente por estar localizado numa região geográfica, a Bacia Potiguar (RN/CE), que detém a segunda posição na produção de petróleo no país, superior a 100 mil barris/dia, e a primeira em produção terrestre.  Além disso, a produção de gás natural atinge 75 milhões de metros cúbicos por ano e supre as demandas de quatro Estados através do Gasoduto Nordestão, constituindo um fator atrativo para a ampliação do parque industrial. Existe, portanto, potencial para absorver uma parcela significativa dos investimentos previstos para o setor de petróleo e gás natural, que devem atingir, nesta década, cifras da ordem de 100 bilhões de dólares, com uma conseqüente ampliação de postos de trabalho que acompanhará a evolução da indústria do petróleo no Brasil. Estima-se que serão criados cerca de 50 mil novos empregos diretos e indiretos em todo o País, o que torna necessário o direcionamento de esforços para formação de profissionais para essa indústria, a fim de que estas projeções sejam viabilizadas. Isso exposto, pode-se concluir que iniciativas com o objetivo de fomentar a criação de novos cursos técnicos, objetivando o atendimento da demanda profissional desse setor, não são somente oportunas, como até imprescindíveis. É válido acrescentar que, com o atual enfoque da educação profissional, passou a existir uma preocupação maior em relação às necessidades dos setores produtivos, a partir da formulação de currículos flexíveis e adequados à realidade desses setores, sendo de grande importância, para tanto, a aproximação e o estreitamento das relações das instituições de ensino com as empresas. Hoje, mais do que nunca, as empresas do setor petrolífero anseiam por iniciativas desse tipo, em razão de que faltam profissionais qualificados dentro dos padrões exigidos, em decorrência dos novos conceitos advindos das necessidades tecnológicas do setor nos últimos anos.
Search
Tags
Related Search
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks
SAVE OUR EARTH

We need your sign to support Project to invent "SMART AND CONTROLLABLE REFLECTIVE BALLOONS" to cover the Sun and Save Our Earth.

More details...

Sign Now!

We are very appreciated for your Prompt Action!

x