Documents

Sedutor Master - Noes Das Teorias de Seduo

Description
NOÇÕES DAS TEORIAS DE SEDUÇÃO - SUMÁRIO Sedutor Master 1. Introdução, 2 Explica, de forma resumida as origens do aprendizado da sedução e apresenta-lhe a sua história e motivação. 2. Princípios da naturalidade, 3 Projeção Fisiológica, Adequação Vocal, Atitude e Integralização 3. Aprimorando seu jogo, 6 Jogo Indireto e Jogo Direto – Definição, Princípios e Técnicas 4. Tabela de valores comparativos, 11 Saiba das diferenças entre os dois estilos. Um verdadeiro manual comparativo. 5. Paradigma da
Categories
Published
of 30
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
    NOÇÕES DAS TEORIAS DE SEDUÇÃONOÇÕES DAS TEORIAS DE SEDUÇÃONOÇÕES DAS TEORIAS DE SEDUÇÃONOÇÕES DAS TEORIAS DE SEDUÇÃO ---- SUMÁRIOSUMÁRIOSUMÁRIOSUMÁRIO   Sedutor Master 1.   Introdução, 2 Explica, de forma resumida as srcens do aprendizado da sedução e apresenta-lhe a suahistória e motivação. 2.   Princípios da naturalidade, 3 Projeção Fisiológica, Adequação Vocal, Atitude e Integralização 3.   Aprimorando seu jogo, 6  Jogo Indireto e Jogo Direto – Definição, Princípios e Técnicas 4.   Tabela de valores comparativos, 11 Saiba das diferenças entre os dois estilos. Um verdadeiro manual comparativo. 5.   Paradigma da simplicidade: dar o que elas querem, 13 O que as mulheres querem? Saiba como e por que o DIRECT pode funcionar com as super gatas. 6.   Paradigma da estruturabilidade: indirect game, 14 Entendendo mais a respeito da estruturabilidade do Indirect Game. 7.   Noções dos 18 tipos de Greene, 15 Tenha noções dos Tipos de Greene para turbinar sua sedução. 8.   Os tipos de Greene e o DIRECT GAME, 27 Como juntar os tipos de Greene com o jogo direto? Saiba como! 9.   Passos para uma interação indireta, 27 Um mapa básico para o indirect game. 10.   Passos para uma interação direta, 28 Um mapa básico para o direct game. 11.   Glossário das palavras mais usadas, 29 Está perdido em nossos termos? Consulte o Glossário. 12.   Conclusão, 30    NOÇÕNOÇÕNOÇÕNOÇÕES DAS TEORIAS DE SEDUÇÃOES DAS TEORIAS DE SEDUÇÃOES DAS TEORIAS DE SEDUÇÃOES DAS TEORIAS DE SEDUÇÃO   Sedutor Master 1. Introdução As teorias de sedução surgiram pelanecessidade de o homem progredir comopessoa. Surgiram da necessidade de ohomem descobrir de que formas elepoderia ter sucesso em sua vida amorosa,com o menor número de erros possíveis.Vários foram os gurus que se dedicaram aestudar e a praticarem bastante osmétodos que eles mesmos propuseram.Alguns quiseram se usar da hipnose paraconseguir seus intentos. Outros, dapsicologia reversa. Outros, de umapsicologia reversa melhorada. E aindaoutros, queriam provar aos primeiros queeles não precisavam de toda aquelaartilharia se quisessem seduzir.Em 1989, um americano chamado “RossJeffries” resolve entregar sua vida nasmãos da Programação Neurolinguística(PNL) após ler o livro “Sapos emPríncipes” dos fundadores da PNL. Paraele, o uso de estratégias hipnóticas éconveniente e é visto como forma delevar as mulheres a se sentirem especiaiscom todas as emoções dos padrões delinguagem, uma ferramenta efetiva,porém, de grande dificuldade para oaprendizado.Para David deAngelo, com seu método“Double Your Dating”, “Estandoarrogante, convencido e divertido são osmelhores meios para atrair uma mulher”.São palavras dele.Sob a ótica de Mystery, atração deve serestabelecida obrigatoriamente antes doconforto.Para swinggcat, o homem nunca pode daro que uma mulher quer. Deve-se vencê-lapelo cansaço com toda manipulaçãopossível.Todos esses autores acima possuem algoem comum: o fato de não revelar seuinteresse diretamente como meio deexpressar valor. A essa filosofia depensamento chamamos de INDIRECT.Alguns gurus vieram depois e pensaram:“Eu desafio a todos da comunidadeamericana de sedução que eu posso ficarcom a mulher que eu quiser mostrandointeresse”. Venceram o desafio e criou-sea filosofia do DIRECT GAME. RonLouis/David Copeland, GunWitch,BadBoy, Dimitri, RazorJack seenquadram nessa modalidade e tem algoem comum: o fato de revelarem seuinteresse diretamente como meio deexpressar valor.  Não se preocupe com essas frentes desedução agora: iremos detalhá-las mais afrente. Por agora, vamos detalhar osconceitos básicos. Vamos estudar agoraos princípios da naturalidade.    NOÇÕES DAS TEORIAS DE SEDUÇÃONOÇÕES DAS TEORIAS DE SEDUÇÃONOÇÕES DAS TEORIAS DE SEDUÇÃONOÇÕES DAS TEORIAS DE SEDUÇÃO   Sedutor Master 2. Princípios da Naturalidade 2.1 Princípio da Projeção Fisiológica Na sedução, fisiologia tem o seu papelmuito importante: o de ajudar você arelaxar. Se você tiver preocupado comqualquer outra coisa, você não irá relaxar.Isso equipara-se a fazer sexo pensandoem problemas. Não será bom, e não teráeficácia nenhuma.Certa vez, eu estava apreensivo naaproximação já que estava preocupadocom problemas de faculdade e outrascoisas. Fiz a interação certinha. No finaldas contas, ela me deu um número detelefone falso. Qual é a explicação? Elaviu que eu estava apreensivo. Estandoapreensivo fiquei incongruente com meusatos.Sua fisiologia deve estar em acordo como que você quer. Isso é congruência.Você pode me perguntar: “Se isso écongruência, como vou aprender coisasnovas?”. Ora, passando pela fase deincongruência. Para que isso sejapossível, você deve centrar ao máximosuas metas.Então, esteja ao máximo relaxado, tantomentalmente quanto fisicamente.Outro grande meio de projetar suafisiologia é externar sua energia. Estejasempre de bom humor. Sorria sempre quepuder, seja educado, cumprimente epaquere as moças. Como? Sendobrincalhão, sorrindo, alegre. Expresseenergia!Pequenas atitudes ajudam e muito emuma coisa: posição de poder e destaque.  Seja através de energia ou não, umaposição de destaque sempre é atraente.Afinal, já reparou como mulheres sãomuito atraídas por policiais e bombeiros?Por que? Eles ocupam uma posição depoder, como se fossem heróis. Asmulheres tendem a pensar que vocêpoderia ser o herói delas, caso ocupasseum cargo desse. 2.2 Princípio da Adequação Vocal Sua voz é aguda? Você fala depressa?Sim? Então é hora de mudar isso.Considere o simples fato de consultar umfonoaudiólogo, caso ache conveniente.Para seduzir, é conveniente ter uma vozmais lenta, pausada e grave. A fisiologiairá seguir sua adequação vocal e, porconseqüência você irá relaxar. Alémdisso, uma voz mais lenta e relaxadapassa uma sensação de liderança e éatraente para as mulheres (sem contar omistério de querer saber o restante do quevocê irá falar). 2.3 Princípio da atitude A atitude sempre faz a diferença.Sempre! É pela atitude que você saberáquais suas reais chances de ficar ou nãocom ela. Se você ficar aí chupando dedo,que garantia você irá ter?E quais são os benefícios da atitude? Melhoria contínua – Tomar atitude levavocê a melhorar continuamente suasinterações, prever erros e acertos esempre alcançar sucesso. Há um grande    NOÇÕES DAS TEORIAS DE SEDUÇÃONOÇÕES DAS TEORIAS DE SEDUÇÃONOÇÕES DAS TEORIAS DE SEDUÇÃONOÇÕES DAS TEORIAS DE SEDUÇÃO   Sedutor Master princípio funcionando aqui: a atitude levaao sucesso, e o sucesso atrai sucesso(LOUIS, Ron e COPELAND, David).Você reduz seus erros, visando atingir aexcelência. Vale lembrar também que“Melhoria contínua” é um princípio da“Gestão pela Qualidade Total” dosserviços da Administração de Empresas,aplicado a sedução. Congruência e Calibração – Lembraquando falamos em congruência? Vocêirá conseguí-la exercitando sua atitude. Aatitude o leva à calibração do jogo, que éa própria melhoria contínua vista acima. 2.4 Princípio da Integralização(conversação) O princípio da integralização é um dosmaiores princípios na sedução. Tambémchamado de conversação ou captura deatenção. O que é rapport? Ser social eponto final. Por que essa definição?Porque se sermos sociáveis e faladoresiremos adquirir habilidades de construçãode rapport naturalmente. Simplesmenteconcentre em conversar e mostrarentendimento – “Entendo, sei como é..”.Se quiser gerar eco repetindo as palavrasmais usadas por ela, pode, desde que nãofuja ao princípio da naturalidade.Abaixo, oferecemos algumas ferramentaspara serem usadas dentro da conversação. 2.4.1 Histórias Contar histórias é um grande hábitodentro da sedução. Visa criarfamiliaridade, valor social, rapport econexão.As histórias basicamente podem serdivididas em histórias normais, históriasde valor e histórias românticas. Histórias normais – São histórias quesão contadas para jogar a conversa fora.São aquelas utilizadas “para encherlingüiça” ou preenchimento de buracos.Um fato desprovido de significação ouvalor. Visam capturar atenção e fazê-larir, caso sejam engraçadas. Servem para opreenchimento de lacunas e ligação aoutras histórias e assuntos. Histórias de Valor – São histórias quevisam colocá-lo numa posição de poder,atendendo ao princípio da projeçãofisiológica. O valor é subcomunicado enão é dito diretamente. Considere, paranosso estudo, o simples ato de colocar achave de uma Ferrari em cima da mesacomo uma demonstração de valor feitacorretamente. Seria incorreto dizer quevocê teria uma Ferrari, pois ela veria issocomo forma de compensação por algoque você não tem e vangloriação. Sãohistórias de valor: viagens nacionais ouinternacionais, aventuras, vida agitada,status social(não revelado através dehistórias e sim por atitudes), entre outras. Histórias Românticas – Você já andoude barco num local paisagístico? Andoupor trilhas a dois? Observou o pôr-do-sol? Observou as andorinhas sumindo noinfinito? Como foi aquele beijo dearrepiar? Conte a ela! Históriasromânticas estabelecem conexão edespertam interesse inconsciente da partedela. É importante atender ao princípio danaturalidade, sempre! Você também podeusar perguntas, se preferir e depois
Search
Tags
Related Search
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks