Documents

SEGURANÇA NO TRABALHO - Plano de segurança e avaliação de riscos em uma empresa de panificação

Description
ESCOLA TÉCNICA EGÍDIO JOSÉ CURSO TECNÓLOGO DE SEGURANÇA DO TRABALHO LUCIELLI BARRETO OLIVEIRA SEGURANÇA NO TRABALHO: Plano de segurança e avaliação de riscos em uma empresa de panificação Trabalho apresentado ao professor xxx ministrante da disciplina xx como forma de avaliação. EUNÁPOLIS - BA AGOSTO/ 2012 A empresa fictícia Panificadora Pote de Mel foi idealizada finalidade de apresentar um plano de segurança e saúde no trabalho, criação de mapa de riscos e pontuar qual conduta deve ser a
Categories
Published
of 9
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
  ESCOLA TÉCNICA EGÍDIO JOSÉCURSO TECNÓLOGO DE SEGURANÇA DO TRABALHOLUCIELLI BARRETO OLIVEIRASEGURANÇA NO TRABALHO: Plano de segurança e avaliação de riscos em umaempresa de panificação Trabalho apresentado ao professor xxx ministranteda disciplina xx como forma de avaliação. EUNÁPOLIS - BAAGOSTO/ 2012    A empresa fictícia Panificadora Pote de Mel foi idealizada finalidade de apresentar umplano de segurança e saúde no trabalho, criação de mapa de riscos e pontuar qual condutadeve ser adotada pelo técnico de segurança do trabalho, ou seja, formular as diretrizes para aimplantação de alguns programas e ações preventivas em Segurança e Saúde no Trabalho(SST). Estes programas e ações abrangem toda a empresa, referindo-se à área industrial,considerando os setores da produção (panificação, confeitaria e salgados), administração deprodução e as áreas comuns (estoque, câmara fria, refeitório, depósito de farinha de trigo,banheiros feminino e masculino).A Pote de Mel é uma padaria de conveniência, localizada em bairro residencial,atuando a 8 anos no mercado. Além dos produtos próprios: padaria, confeitaria, e serviços debar e lanchonete, oferece uma gama de produtos de conveniência. 1 Organização do trabalho Em seu quadro de colaboradores a empresa possui um total de 12 funcionários, osquais podem ser subdivididos em: 7 homens e 5 mulheres, com idades entre 23 e 52 anos. Ograu de escolaridade é caracterizado pelo ensino fundamental ou ensino médio completo. Oregime salarial varia entre um (1) a dois (2) salários mínimos por mês, de acordo com o tempona empresa e a responsabilidade adquirida. Não há na empresa um plano de carreira e salário.Destes, 1 operador de caixa, 3 balconistas, 2 padeiros, 2 auxiliares de padeiro, 1confeiteiro, 1 salgadeira, 1 auxiliar de serviços gerais, 1 administradora (que atua tambémcomo operadora de caixa).A padaria funciona no horário de 06h às 22h (segunda à sábado). Aos domingos ohorário é reduzido das 07h às 12h. Os empregados almoçam na própria panificadora e ointervalo para essa refeição é de 11h30min às 14h30min. Cada funcionário possui direito aduas pausas diárias de 15 minutos. Na empresa não há procedimentos nem protocolos quantoao registro, à comunicação, à investigação e à análise acidentes de trabalho e doençasocupacionais. 2 Características A edificação da Pão de Mel é constituída de alvenaria e pé direito acima de 3 m. Naárea industrial, as paredes são azulejadas e com piso cerâmico. A iluminação é natural,auxiliada por artificial. A ventilação ocorre de forma natural, através de janelas e aberturas enão possui sistemas de ventilação auxiliar (exaustores e/ou coifas).Possui banheiros masculino e feminino que são utilizados também como vestiários.Entre as máquinas e equipamentos utilizados estão: amassadeira, batedeira, cilindro demassa, modeladora, forno elétrico e a gás e câmara climatizada.O armazenamento da farinha é realizado em setor independente, sobre estrados demadeira, sem espaçamento entre pilhas e paredes. Os demais produtos secos são armazenadosem salas separadas, sobre prateleiras e os perecíveis em câmara fria.O abastecimento de água é realizado pela rede pública, há filtragem da água para aprodução de pães e para o consumo dos trabalhadores.O controle de pragas é realizado periodicamente por serviço terceirizado.  O lixo é posto em sacos plásticos e retirados pela coleta pública e os líquidos (óleo defritura) são descartados na rede de esgoto. 3 Riscos Os riscos ocupacionais são decorrentes dos procedimentos das rotinas de trabalho doprocesso em que se insere o trabalhador, bem como dos equipamentos ou máquinas, dosambientes e das relações de trabalho. Estes podem comprometer a segurança e a saúde doscolaboradores, dependendo da natureza, concentração, intensidade e tempo de exposição(SESI, 2008).Estes riscos podem ser categorizados e descritos da seguinte forma:    Riscos FísicosSão considerados como agentes de risco físico: o ruído, a vibração, a umidade, asradiações ionizantes e não ionizantes e a temperatura extrema (frio e calor). Na indústria dapanificação, foram identificados os agentes: ruído e calor.O ruído é som indesejável e nocivo à saúde dos trabalhadores. Além das alteraçõesauditivas, pode ocasionar distúrbios de equilíbrio, do sono, psicológico, social e nos sistemascirculatório, digestivo e reprodutor.O calor é uma condição ambiental de temperatura elevada, provocada por fontesnaturais ou artificiais. Associado ao tipo de atividade desenvolvida, pode ocasionar fadiga,fraqueza, tontura, dor de cabeça, desidratação, cãibras, mal-estar e irritações na pele.    Riscos QuímicosSão considerados como agentes de risco químico: poeiras, fumos, gases, vapores,neblinas e produtos químicos em geral.Os agentes químicos encontrados na panificação foram: produtos de limpeza e poeirada farinha de trigo. A poeira, independente da quantidade e tamanho da partícula, pode seralergênica, causar problemas respiratórios e dermatológicos, dependendo da suscetibilidadede cada trabalhador.    Riscos BiológicosOs agentes biológicos são os microrganismos (fungos, vírus e bactérias), parasitascomo ácaros e outros. Estão presentes no ambiente de trabalho, através de vetores (homem,gato, rato e inseto), lixo e embalagem contaminada.Algumas características do ambiente da panificação, como: umidade relativa do ar,temperatura acima de 25 °C e presença de matéria orgânica, favorecem a proliferação deagentes biológicos.Este risco pode causar alterações de saúde como alergias, verminoses, micoses einfecções (toxoplasmose e leptospirose).    Riscos ErgonômicosOs agentes de risco relacionados à ergonomia são aqueles que interferem no equilíbrioentre o trabalho e o homem, podendo provocar danos à saúde do trabalhador por alterações  psicofisiológicas, como também comprometer a segurança no ambiente de trabalho e aprodutividade.A ergonomia considera que o ambiente laboral deve ser adequado ao homem,portanto, cada posto de trabalho deve ser adaptado ao trabalhador no desenvolvimento de suastarefas.Na indústria da panificação os agentes ergonômicos preponderantes foram: aorganização do trabalho (horário de início da jornada de trabalho, postura no trabalho erepetitividade das tarefas), levantamento, transporte manual e manuseio da sacaria de farinhade trigo (50 kg).    Riscos de AcidentesO risco de acidente é decorrente de situação inadequada no local de trabalho,resultando em lesão corporal e/ou traumas emocionais.Os riscos de acidentes estão presentes em ferramentas defeituosas, máquinas, equipa-mentos ou parte destes, pisos e degraus irregulares e/ou escorregadios.O principal agente causador de acidentes na área industrial da panificação é omanuseio de materiais em alta temperatura e de utensílios de corte.Segundo o SINDIPAN/AIPAN (2003) observa-se que em 1996, 70% dos acidentes dosetor eram com máquinas. Em cima desta quantia, cerca de 50% das doenças e acidentesgraves foram ocasionados cilindros de massa. Por conseguinte, elaborou-se, ainda no mesmoano do levantamento, acordos para proteção de segurança nestas máquinas novas e usadas.Fazendo com que houvesse instalação de dispositivos de segurança para evitar a exposição dotrabalhador. Com o passar dos anos, esses acordos foram estendidos e oficializados em formade Norma Regulamentadora (NR 12  –  Máquinas e Equipamentos).Além de acidentes com máquinas de cilindro de massa, existem uma série de fatorespresentes na jornada de trabalho daqueles que trabalham na industria de panificação. Estasoferecem riscos à saúde dos colaboradores e podem ser agravados em doenças laborais: asobrecarga física e desconforto muscular, posturas forçadas e inadequadas ao manusear o maquinário ou ao trabalhar nas bancadas, DORT’s, o transporte, levantamento e manuseio manual de cargas, o constante contato e/ou inalação de farinha de trigo, a influência datemperatura elevada, umidade relativa do ar, a presença de matéria orgânica, luminosidadeinadequada, ruídos excessivos e sobrecarga mental. 3.1 Mapa de Riscos O mapa de risco é a representação gráfica que identifica os riscos e suas intensidadespor círculos de diferentes cores e tamanhos de acordo com os agentes físico, químico,biológico, ergonômico e de acidente existentes nos locais de trabalho. É elaborado pelostrabalhadores que contituem a CIPA (cipeiros) e demais trabalhadores tendo como principaisrecursos suas percepções e opiniões nas avaliações dos postos de trabalho.A classificação dos grupos de riscos está apresentada abaixo, de forma resumida,sendo apresentados aqueles observados na Panificadora Pão de Mel.
Search
Tags
Related Search
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks
SAVE OUR EARTH

We need your sign to support Project to invent "SMART AND CONTROLLABLE REFLECTIVE BALLOONS" to cover the Sun and Save Our Earth.

More details...

Sign Now!

We are very appreciated for your Prompt Action!

x