Documents

01- A Lenda Do Highlander

Description
romance
Categories
Published
of 217
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
   Tiamat World A Lenda do Highlander Gêmeos MacCurrie 01 1   Formatado:  Inglês (EUA)   Tiamat World A Lenda do Highlander Gêmeos MacCurrie 01 2  A Lenda Do Highlander Kathleen Givens Gêmeos  MacCurrie 01 Um guerreiro escocês, uma noiva roubada, um legado de paixão …   Dois irmãos gêmeos. Dois guerreiros. E a profecia das Terras Altas que os predestina à guerra, à gloria e às duas apaixonadas mulheres que se atreveram a amar.  Assim começa a aventura na sensual e vibrante historia de Kathleen Givens que transcorre na Escócia do século XVII. Uma árvore atingida por um raio prediz a história de uma terra, é um sinal, é tempo de  presságios. E o destino escolheu dois amantes como artífices da lenda. Ela, Ellen Graham, uma  jovem aristocrata que jurou não casar-se, a menos que seja por amor. Ele, James MacCurrie, o misterioso homem de olhos de um azul intenso que mora nas Terras Altas. É ele quem a resgata de uma morte certa a mercê de uma espada. Mas o mesmo destino que os uniu, confabula para separá-los. Imersos em um momento em que os irmãos se enfrentam, quando a férrea vontade de um guerreiro pode aplacar a calidez de seu terno coração... Comentário da Revisora Livia: Gostei bastante deste livro, a história é muito boa e emocionante,o mocinho é muito carinhoso e sensível, amei! Prólogo Fevereiro de 1660, Torridon, Escócia Alistair MacCurrie, conde de Torridon e chefe do clã MacCurrie, afastou a almofada e segurou os braços de sua esposa por cima de sua cabeça, entrelaçando seus dedos com os dela. Agitou seu cabelo escuro sobre os ombros e sorriu antes de capturar sua boca. — Annie — disse quando levantou a cabeça — . Está pronta afinal?   Disponibilização em Esp:  Passionate Envio e Tradução:  Gisa Revisão Inicial:  Rosa Revisão Final:  Lívia Formatação:  Gisa e Livia Tiamat - World   Tiamat World A Lenda do Highlander Gêmeos MacCurrie 01 3 Ela riu, com os olhos obscurecidos em seu pálido rosto. — Só fizemos amor durante uma hora, meu amor. — Desejo-te — disse roucamente — . Fui paciente. O que quer que faça? Ela não respondeu, mas levantou os quadris para satisfazê-lo. Ele gemeu de prazer ao penetrá-la. — Me dê um filho. — Ele respirou profundamente e soltou as mãos que ele tinha agarrado para segurar seus ombros e atraí-lo para si — . Dê-me um filho, meu amor. Alistair a penetrou profundamente. — Darei-te um filho, minha bela Annie. — Atacou apaixonadamente uma vez mais — . E outro mais. — É suficiente — disse Anne rindo — . Não temos tantos quartos. Beijou-lhe as têmporas. — Construiremos mais. Compartilharam um sorriso e depois guardaram silêncio, concentrando-se em sua união. Annie alcançou o primeiro êxtase, agarrando-se ferozmente a ele, pouco depois os gemidos masculinos se uniram aos dela, até que finalmente dormiram abraçados. Nenhum dos dois viu o raio que brilhou nessa noite de fevereiro, nem escutaram o ruído que o secundou. Nem ouviram os murmúrios que receberam as luzes da alvorada. — A lenda —  sussurravam uns aos outros enquanto se preparavam para realizar seus afazeres. Lânguidos depois da noite de prazer, Alistair e Anne entraram na sala de mãos dadas. Ignoraram os olhares de soslaio que lhes dispensaram, estavam acostumados aos comentários que provocava sua paixão. Mas quando a miúda dama de cabelo branco os viu, se apressou a ir a seu encontro. Suas palavras afetaram a compostura do casal. — Viram-no? — perguntou Mairi com voz sobressaltada. — Vimos o que? — Alistair negou com a cabeça — . Mãe a que se refere? — Venham — disse Mairi enquanto os levava para fora. Ali assinalou o imponente carvalho que durante séculos se tinha mantido erguido frente à entrada do Castelo Currie. Alistair amaldiçoou, e Anne ficou boquiaberta ao ver o que tinha acontecido durante a noite. A árvore, com a base ainda intacta, tinha o tronco partido em duas e a casca das beiradas obscurecida; os ramos nus se erguiam para o céu. O aroma de madeira queimada saturava o ar. Alistair deu um passo para diante e deslizou as mãos sobre o tronco partido, depois se virou e olhou lívido a sua mãe. — É a lenda —  disse Mairi a seu filho. Deu uma olhada a sua nora, que a olhava com olhos muito abertos — . Não a conhece, não é ? Anne moveu negativamente a cabeça. — A lenda dos MacCurrie — disse Mairi —  diz que três gerações de seus chefes nascerão e morrerão na mesma data. E que na terceira geração nascerão dois gêmeos que conduzirão o clã para a guerra e depois o guiarão durante cinquenta anos de paz. E o sinal de sua concepção será dado por esta árvore…  Virou-se para olhar à árvore e logo para Anne. — A árvore se partirá em dois. E cada metade viverá. — Olhou a seu filho — . Seu avô e seu pai morreram no dia de seu aniversário. É a lenda, como o profeta predisse. Anne leva agora em seu ventre aos pequenos. Alistair se deu a volta e olhou a sua esposa quando levou a mão ao seu ventre. Durante um momento, o único som que se escutou foi o das ondas ao romper contra o escarpado, depois   Tiamat World A Lenda do Highlander Gêmeos MacCurrie 01 4 Alistair moveu a cabeça como se tentasse esclarecer seus pensamentos. — Mãe — disse —  é só um raio. — Alistair —  respondeu sua mãe com suavidade — . Se as duas partes da árvore continuarem vivas, acreditará? — É só superstição. — É uma profecia — insistiu Mairi — . E boa, meu filho — riu — . Deveria estar celebrando. Cinquenta anos de paz para Torridon. E seus filhos a trarão. Alistair permaneceu em silêncio, depois se aproximou de Anne, que se jogou em seus braços. Olhou a sua mãe por cima da cabeça de sua esposa. — Não posso acreditar nela — disse brandamente. Mairi sacudiu a cabeça. — Nem eu. — Assinalou a árvore — . Mas espere … o tempo  dirá. Paz, Alistair. Seus filhos trarão paz a minha terra. Anne virou o rosto para a árvore com a mão apoiada no ventre e disse: — Novembro. Nascerão em novembro. Capítulo 1 Março de 1689, Torridon, Escócia James MacCurrie olhou a seu irmão nos olhos por cima da tumba de seu pai. Os olhos azuis de ambos se encontraram e, como sempre, os irmãos conseguiram comunicar-se sem palavras, compartilhando a mesma dor. Seria a última vez que seriam iguais. Uma vez que se afastassem do montículo de pedras levantado em memória de seu pai, nada voltaria a ser igual para nenhum dos dois. James respirou profundamente e se virou para olhar o seu lar. Sólido e sombrio, o Castelo Currie se erguia no topo de uma colina na costa Oeste de Escócia, sobre as águas de Loch 1  Torridon e Loch Shieldaig. Soprava um vento fresco e por cima das altas torres de pedra que se perdiam no céu se concentravam densas nuvens de tormenta, mas a multidão que permanecia de pé no exterior da fortaleza não prestou atenção nelas. O clã MacCurrie enterrava seu chefe nesse dia. Neil fez um sinal aos gaiteiros que estavam alinhados no topo do escarpado. Seus trajes escoceses brilhavam e destacavam contra a água cinza a seus pés. Seus movimentos eram lentos e pausados quando começaram a marcha fúnebre. Por um momento, a indômita música sulcou o ar e seu som se elevou por cima dos assistentes do funeral antes de rodear o castelo em um último abraço, para remontar trêmulo até o outro lado do topo, atravessar o lago e perder-se finalmente no mar. James fechou os olhos lutando para manter o controle, ignorando os olhares do clã que observavam à família. “ A lenda ” , sussurravam aqui e ali, como tinham feito persistentemente durante os últimos meses, com maior excitação cada dia que transcorria. Tinham guardado silêncio o dia em que, 1   Loch: em gaélico significa braço de mar, enseada, baía ou lago estreito.  
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks