Documents

A Contingência Na Khutbah de Qus Ibn-sa'Ida

Description
A Contingência Na Khutbah de Qus Ibn-sa'Ida
Categories
Published
of 3
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
   A CONTINGÊNCIA NA KHUTBAH DE QUS IBN-SA'IDA Helmi M. I. NasrProf. Titular DLO-FFLCHUSP A percepção da contingência do mundo - da que, curiosamente, o ateísmo ocidental insiste em não tirar sua conseqüência imediata: a existência de Deus - está muito arraigada na tradição árabe.O Alcorão, a cada passo, fala da multiplicidade de sinais de Deus, invisíveis somente para quem não os quer ver. E, mesmo na tradição literária pré-islâmica, encontramos esta esma constatação: a eloqüente omnipresença dos sinais de Deus, audíveis tanto na grandeza, como na contingência do mundo.É disso que nos fala o grande orador e poeta do século VI, Qus Ibn-Sa'ida, em sua Khutbah ( [1] ), uma das mais preciosas peças de toda a literatura árabe. A peça, misto de discurso e poesia ( [2] ), obteve o primeiro prêmio na feira de 'Ukaz, um dos mais importantes concursos literários públicos da época.O autor dirige-se aos membros de sua tribo, Iyad, convidando-os a ler a mensagem escrita nos céus, na terra e na contingência humana. Apresentamos também a transliteração do srcinal árabe pois, se a fonética da língua árabe é sempre incisiva ( [3] ), no snte texto tal fato é particularmente notório: Khutbah Qus Ibn-Sa'idaAiuha al nas! Isma'u ua 'u!Innahu man 'asha matUa man mata fatUa kullu ma hua atin atLailun dajUa naharun sajUa sama`un dhatu abrajUa nujumun tazharUa biharun tazkharUa jibalun mursahUa ardun mudhahUa anharun mujrahInna fi al sama`i lakhabaraUa inna fi al ârdi la'íbara  Ma balu al nassi yadhabuna ua la yarji'un?Aradu fa aqamu? Am turiku fa anamu?Ia ma'shara Iyad! aina al aba`u ua al ajdad?Ua aina al fara'inatu al shidad?A lam yakunu akthara minkum mala?Ua atuala ajala?Tahanahum al dahr bikalkalih!Ua mazzaqahum bitataulihFi Al dhahibina alaualina min al quruni lana basa`irLamma ra`aitu mau aridan lilmauti laissa laha masadirUa ra`aitu qaumi nahuaha yassa'a alasagiru ua alakabirLa iarj'u al madi ilaiya ua la min al baqina gabirAiqântu anni la mahalata haythu sara al qaumu sa`ir O DISCURSO Qus Ibn-Sa'ida(Trad. de Helmi M. I. Nasr)Ó gente! Ouvi e meditai!É certo que quem vive, morreE quem morre, findaE o que tiver que ser, será.(Contemplai...) A noite escuraO dia serenoO céu, com suas constelações!E estrelas, que brilhamE mares, que se agitamMontanhas assentadasA terra, que se estendeRios que corremNão vedes que no céu há notícias  E na terra, sinais?Por que será que os que se foram ( [4] ) não voltam?Será que estão satisfeitos e, por isso, lá ficaram?Ou então, porque ninguém cuidou de despertá-los, permanecem adormecidos?Ó tribo Iyad: onde estão nossos pais, onde os avós?Onde o poder dos faraós? ( [5] )Acaso sois mais ricos do que eles?Ou vossa vida, mais longa do que a deles?(E, no entanto) Foram esmagados pelo peso dos anosRasgados ao meio pelo fluir do tempo.Neste ir-se das antigas gerações, há para nós luz interiorQuando vi ondas de morte chegando, sem que saibamos de onde procedemE vi meu povo ser por elas tragado, tanto os pequenos como os grandes!E vi que não volta o passado, nem retorna quem se foiEntão me convenci de que também eu irei para onde meu povo está...( [1] ) Khutbah, discurso, é um dos gêneros literários, presentes já na literatura pré-islica. A análise desta peça do ponto de vista poético foi feita pelos professores Aida Hanania e Jean Lauand em Oriente e Ocidente: Língua e Mentalidade, São Paulo, Centro de Estudos Árabes FFLCH-USP / Apel, 1993, p. 11 e ss.( [2] ) A parte propriamente poética começa em Fy adh-dhahibyna...( [3] ) Desenvolvo este tema em entrevista para a Revista de Estudos Árabes, No. II, jul-dez 1993, pp. 17 e ss.( [4] ) Morreram.( [5] ) Séculos depois, os faraós ainda eram o símbolo do maior poder humano. 
Search
Tags
Related Search
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks