Documents

A Didática GIMENO SACRISTÁN, J. A Educação obrigatória uma escolaridade igual para sujeitos diferentes em uma escola comum. In A educação obrigatória seu sentido educativo e social..pdf

Description
,'~ , ,~'. J . 5 A educação obrigatória: uma escolaridade igual para sujeitos diferentes em uma escola comum da educação obrigatória, elevada à categoria de funções gerais Uma vez social direito que tenham sido resta-nos universal, explicitados os grandes agora comentarobjetivos e as
Categories
Published
of 28
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
   ~   ~ . .  5  educaçãoobrigatória umaescolaridadeigualparasujeitosdiferentesemumaescolacomum Uma vezquetenhamsidoexplicitadososgrandesobjetivoseas funções gerais daeducaçãoobrigatória,elevadaàcategoriadedireitosocial universal resta nos agoracomentar os grandeslemasquedevemserenfrentadosparatornarefetivoessedireitoeosproblemasporeledesencadeados.Umalongatradiçãodep'Znsamen-toedepráticasacumularam-separaresponderaoqueseesperadessaetapaeducativa,algoque,acreditamos,possa~5~resumidoemdoisgrandesdesafios:1)Çomoabordarae~~r.~<~ªiverSiClã.d~~ftõs,'-'porsuasqualidades,interesses;'méiosodaIdepertinência,cvlturqdeorigemecomexpectativastãojl~esemummodelodeescolaquesejaigualadqra?2)Dequeonteúdosâotaremosocurrículodessaescolaecomoofaremosfruti I E posto quehajaumfim único paratodaddade, é manifesto tam- bémqueaeducaçãodevanecessariamenteserúnicaea mesma para todos,equeocuidadodeladevasercomumenão-privado,comoo é atualmentequandocadaumcuidaprlvadamentedeseuspr6prlos fi lhos...  Aristóteles,1988, Po {tica p. 456 o queacontecequandoumainstituiçãocomo,agscolaobrigat6~rij]osedeparacomtodét_díversidadesoCi~'edosindivfdUO~~endoela,porsuahistória,ummodelopara'assimilaravaríedadésubmetendo-aa~pà âO}lepensamentoedecon~,: ª?Poissimplesmentetolera malessa-circunstância.Uma escola comum que satisfaçao idealde umaeducaçãoigualparatodos oquepressupõeemboaparteum    JOSÉGIMENO SACRISTÁN currículocomum),napaisagemsocialdassociedadesmodernas,aco·Ihendosujeitosmuitodiferentes,pareceumacontradiçãoouumaImpossibilidade.Nãoobstante,odireitobásicodessessujeitosàeducação,emcondiçõesaqueWalzer(1993)denomina igu ld des mples (umensinacomconteúdosefinscomuns),obrigaaaceitarodesafiodetornarumprojetoválidoparatodoscomarealidadedadiversidadecompatívelnaescolaridadeobrigatória.Comocomentamosemcapítulosanteriores,aescola,duranteaetapadaescolaridadeobrigatória,deveserintegradoradetodos,ou,casocontrário,trairáqc ireitouniversal à educação.Corn.()alcançar~. su~=EEliuersalização ~f~TIY ; espeitandooprindpioda igua dadesimples dãridoacolhida à diversida- dedeestudaritese,intlusive<.as·pira~d6atornaressesseressing~lares(~_.Deparamo-noscomumdesafiofãodifídrquantoatraente.....-.-Estabeleceroproblemadadiversidadeedadiferença em e di nted educaçãoimplicadeparar-secomdesafioseâmbitosdesignificadosmuitopolivalentes:alutaconlraasdesigualdades,oproblemadaescolaúnicainterclassista,acrisedosvaloresedoconhecimentotidoscomouniversais,asrespostasdiantedamulticulturalidadeedaintegraçãodasminorias,aeducaçãodiantedoracismoedosexismo,asprojeçõesdonacionalismonasescolas,aconvivênciaentreasreligiõeseaslínguas,alutapelaescolaparaaautonomiadosindivíduos,osdebates científicos sobreodesenvolvimentopsicológicoesuasprojeçõesna  7 aprendizagem,apolêmicasobreaeducaçãocompreensiva,aspossibilidadesdemanternasmesmasaulasestudantescomdiferentescapacidadeseritmosdeaprendizagem,alémdarevisãodarigidezdoatualsistemaescolaredesuaspráticas.Então,nãopodemseresgolados,nesseespaço,talvariedadedeperspectivas.Limitar-nos·emosaestabeleceralgumasdeespecialrelevânciaparaosprofessores:ãánaluralidadedas.difer~Dçasj- >ãadiversidadesetránsformaemproblema.Ogostopelanormaoupelonível;ãgraduaraescolaobrigatóriafacilitaoprogressoordenado,masregulaoritmoparaosestudantes,quesãodesiguais;ãformasdeabordaracomplexidadeprovocadapeladiversidade;ãaescolapúblicaecompreensivacomorespostaàsdesigualdadeseàsdiferenças.  A EDUCAÇÃOOBRIGATÓRIA:SEUSENTIDOEOUCATIVOESOCIAL   ANATURALIDADEDASDIFERENÇAS Primeiramente:lodososhomensdeverãoserencaminhadosaosmesmosfinsdadência,costumesesantidade.Emsegundolugar:todososhomens,sejaqualforadiferençaqueapresentememsuasqualidades.têmumaúnicaeigualnaturezahumanadotadadosmesmosórgãos.Terceiro:aexpressadadiversidadedequalidadesnão é senãoexcessooudefeitodah<lrmonianatural...  Comenius,Drdáetfcamagno Aidéiadebuscarosmesmosfinsnaeducação,admitindoquetodostemosumamesmanaturezahumana,tentandotornarcompatívelaqueleidealeestasuposiçãocomadiversidadehumana,foieéumtemacenlralparaopensamentoeducativoeumdesafiodifícilparaasinstituiçõesescolareseparaosprofessores.Aconsideraçãodadiversidadehumana é umaconstantenahistóriadossistemasescolares;nopensamentoemgeral;enoeducativo emparlicular;empermanenterelaçãodiaJéticacomaproclamaçãodauniversalidadedanaturezahumana,daqualsededuz,entreoutrascoisas,odireitodereceberoensinoemcondiçõesdeigualdade.Decomoseentendeauniversalidadeedeatéondesequerlevarsuasimplicações,ouemqueaspectoserespeitaadiversidade,dependemasrespostasquepodemserdadasaoproblemaqueestamosabordando.Distinguirosestudantesporsuaengenhosidade,tratá-loseagrupálossegundosuascaracterísticas,suashabilidades,etc.sãopráticasinerentesaodesenvolvimentodasensibilidadepedagógica.IndividualizaroensinofoiumacaracteristicaqueimpulcionouapedagogiadurantetodooséculoXX,aindaqueasrarzesdessapreocupaçãosejamanteriores.Avariedadeentresereshumanoséconsubstancial à suaprópriaexistênciaeseproduzemdoisplanos,nointra-individualenointerindividual.Noplanoindividual,torna-seevidenteemformade in onstân i nomododeseredecomportar-seaolongodesuavida, à;f~- nasmanifestaçõesquetêmsuasdisponibilidadespessoais(Todorov,1999,p.202).Quevariamosemudamosnossaforma deseredenoscomportar,queascapacidadesehabilidadesquevamos
Search
Tags
Related Search
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks