School Work

A Morte Chega Cedo - Análise Contrato de Leitura_Gonçalo_Ribeiro

Description
Trabalho de contrato de leitura para português acerca do poema A morte chega cedo de Fernando Pessoa
Categories
Published
of 7
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
  Gonçalo Ribeiro Gonçalo Ribeiro, Colégio Casa-Mãe “A morte chega cedo” Análise intertextual  ndice ! #ntrodução$ %esen&ol&imentoa '(nteseb Análise ) Conclusão* +ibliograa Introdução  scrito .or /ernando 0essoa no ano de !1)), “A morte chegacedo” é um .oema 2ue .rocura demonstrar 2ue, na &ida humana, amorte chega sem.re cedo 3o entanto, 2uando se tem em conta a data de 4bito do seuautor 5!1)67, o .oema ganha um cunho ainda mais .essoal, 8á 2ue/ernando 0essoa morreu .recocemente a.enas dois anos de.ois deter escrito “A morte chega mais cedo” %esgastado .ela ang9stia 2ueo .ersegue e a constante busca de si .r4.rio, /ernando 0essoa cedo.ercebeu, .ro&a&elmente, 2ue morreria antes de dar ao Mundo todo oseu .oss(&el contributo 3esse sentido, o meu trabalho &isa conrmar a tesea.resentada .or /ernando 0essoa no seu .oema, tendo em contauma not(cia do :ornal de 3ot(cias, escrita em ;$-;$-$;!<, 2ue abordaa morte .recoce de 8o&ens nas estradas .ortuguesas Ao ler este .oema de /ernando 0essoa, a.ercebi-me 2ue, tendoem conta 2ue a &ida é sem.re sur.reendente, .oderei não ter oim.acto no Mundo 2ue es.ero ter Como é natural, essa .erceçãodeixa-me .reocu.ado, mas, ao mesmo tem.o, também maisconsciente do &alor da &ida e, .or isso, considero 2ue a leitura eanálise deste .oema é im.ortante 2ual2uer .essoa 0or m, abordei este .oema, .or2ue nunca tinha sido analisadoem aula Ao a&aliar uma obra deste autor, .rocuro demonstrar 2uecom.reendi o método 2ue abordamos em aula e, assim, sentir-meca.a= de analisar 2ual2uer obra deste autor Síntese A not(cia do :ornal de 3ot(cias, intitulada como “Mais de 300 jovens morreram nas estradas em apenas quatro anos”   aborda umrelat4rio a.resento .ela Autoridade 3acional de 'egurança Rodo&iária2ue arma 2ue, entre $;!; e $;!*, )>? 8o&ens, com idades entre os!> e os $* anos, morreram de&ido a acidentes rodo&iários nasestradas nacionais  @ artigo re&ela também 2ue, neste .er(odo, hou&e !6?6 eridosgra&es e $>>16 eridos le&es    Análise “A morte chega cedo” é constitu(do .or ) estroes de 2uatro&ersos stes &ariam entre redondilhas menores, hexass(labos eredondilhas maiores m geral, é utili=ado no .oema uma linguagemsim.les e corrente ntre as caracter(sticas t(.icas de /ernando 0essoa, a ausBnciade t(tulo e o recurso  anástroe 5“bre&e é toda a &ida”7 são as suascaracter(sticas mais notá&eis e e&identes, assim como o recurso metáora .ara com.ro&ar a sua tese, a.resentada na .rimeiraestroe 3o entanto, as suas habituais temáticas, como a dor de.ensar, a ragmentação do “eu”, a nostalgia da inDncia ou ongimento .oético, não são abordadas neste .oema 0elo contrário,embora atra&és de uma .ers.eti&a los4ca dierente, este .oemaa.roxima-se mais s temáticas do heter4nimo Ricardo Reis, 2uetambém aborda a consciBncia da morte @ .oema de /ernando 0essoa aborda a temática da morte,armando 2ue esta “chega cedo” 3a .rimeira estroe, o autor reere2ue, inde.endentemente da duração, “bre&e é toda a &ida” A.esardisso, eu o.tei .or me reerir a uma not(cia 2ue aborda a morte.recoce, atra&és de acidentes rodo&iários, uma &e= 2ue estaa.resenta uma realidade mais cr(tica e extrema 3o nal da .rimeiraestroe, atra&és da metáora “ @ instante é o arremedo de uma coisa.erdida”, o su8eito .oético e&idencia 2ue tudo 2ue se a= na &idaacabará .or se .erder 3a segunda estroe, o su8eito .oético e&idencia 2ue, embora se.ossa começar a reali=ar os sonhos, estes nunca serãodeniti&amente concreti=ados 5“@ amor oi começado,E @ ideal nãoacabou,”7, tendo em conta 2ue a &ida é demasiado bre&e .ara osreali=ar e, .ara além disso, resumindo .ala&ras de Filliam'haes.eare, en2uanto há &ida, há sonho e es.erança 0ara alémdisso, o “eu” l(rico considera 2ue, mesmo nos momentos em 2ue ossonhos são satiseitos, não temos consciBncia da sua reali=ação e, .orisso, morremos com o .ensamento de 2ue não alcançamos a2uilo 2ue.retend(amos alcançar 5“ 2uem tenha alcançadoE 3ão sabe o 2uealcançou ”7 3este momento, estabeleço também uma relação deinteresse com a not(cia do :ornal de 3ot(cias Hendo em conta a mortedos 8o&ens em acidentes de &iação, de uma orma .recoce, estesaleceram ines.eradamente e, .or isso, não .uderam reIetir acercado seu contributo do Mundo, morrendo, .or isso, sem saberem o 2uealcançaram
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks