History

A Música No Brasil Colonial anterior à chegada da Corte de D. João VI

Description
Estudos sobre a música produzida em terras brasileiras em período anterior à segunda metade do século XVIII.
Categories
Published
of 10
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
  H ARRY C ROWL A música noBrasil Colonialanterior àchegada daCorte deD. João VI 22  OS AVANÇOS DOS ESTUDOS MUSICOLÓGICOS NOSÚLTIMOS ANOS, NA ÁREA DA MÚSICA PRODUZIDANO BRASIL NA ÉPOCA DA COLÔNIA, TÊM APONTADOSEMPRE PARA UM FATO QUE JÁ NOS PARECEIRREVERSÍVEL – DESCONHECE-SE TODA A MÚSICAPRODUZIDA EM TERRAS BRASILEIRAS EM PERÍODOANTERIOR À SEGUNDA METADE DO SÉCULO XVIII.ASSIM COMO TAMBÉM DESCONHECEMOS A MAIORPARTE DO QUE SE PRODUZIU NAS REGIÕES NORTEE NORDESTE EM TODA A ÉPOCA COLONIAL. 23  24 Em Recife, encontramos o nome de Luís ÁlvaresPinto (1719-1789). Esse compositor, regente, poeta eprofessor viajou, por volta de 1740, para Lisboa, ondeestudou com Henrique da Silva Negrão, organista dacatedral de Lisboa, e que foi discípulo de Duarte Lobo.Na época em que viveu na capital portuguesa, elecompunha, tocava violoncelo na Capela real, faziacópias de música e dava aulas em casas de nobres.Na relação de músicos portugueses publicada porJosé Mazza, em 1799, ele informa o seguinte sobreesse compositor: “Luis Alvares Pinto naturalde Pernambuco, excelente Poeta Português e Latino,muito inteligente na língua Francesa, e Italiana;acompanhava muito bem rabecão, viola, rabeca veioa Lxa aprender contraponto com célebre Henrique daSilva, tem composto infinitas obras com muito acertoprincipalmente eclesiásticas; compôs (ultimat.e humasexequias) à morte do Senhor Rey D. José o primeiroa quatro coros, e ainda em composições profanas temescrito com muito aserto ” (sic) . Em 1761 já estava de volta a Pernambuco,profissionalmente atuante. Nesse mesmo ano escreveua  Arte de Solfejar  , cujo manuscrito encontra-sena Biblioteca Nacional de Lisboa. Foi responsávelpela formação de vários músicos e mestres-de-capela.L. A. Pinto foi também militar, tendo tido a patentede capitão do regimento de milícia confirmadatambém em 1766.Luís Álvares Pinto foi também um dos primeiroscomediógrafos nascidos no Brasil. Sua peça teatral emtrês atos,  Amor Mal Correspondido , foi encenada em 1780.Em 1782, por ocasião da inauguração da igrejade São Pedro dos Clérigos, foi confirmado na funçãode mestre-de-capela, cargo que já desempenhava desde1778 e que ocupou até 1789, ano de seu falecimento.De suas poucas composições que alcançaramos nossos dias restaram apenas um Te Deum alternado,cuja orquestração perdeu-se, e um Salve Regina para trêsvozes mistas, violinos I e II e baixo contínuo. Constaainda ter composto três hinos a Nossa Senhora daPenha, um hino a Nossa Senhora do Carmo, um hinoa Nossa Senhora Mãe do Povo, um Ofício da Paixão,matinas de São Pedro, matinas de Santo Antônio,novenas, ladainhas e sonatas. O conjunto da produção musical encontrado na capitania-geral das Minas Gerais, na época do ciclo do ouro,tornou-se a referência mais antiga da produção musicalartística no Brasil. Salvo alguns poucos exemplosisolados de manuscritos encontrados em outras regiõesdo país, a produção mineira consistiu-se no primeirogrande conjunto de obras musicais disponíveis parao desenvolvimento de um estudo mais aprofundadosobre a expressão musical no país.Apesar do deslocamento do eixo econômico paraa região das Minas Gerais, é nas capitanias-gerais daBahia e Pernambuco que encontraremos as referênciasmusicais comprovadamente mais antigas do Brasil.Considerando que as descobertas de Mogi-das-Cruzesna década de 1980 apontam para as práticaspolifônicas portuguesas anteriores ao século XVIII,somos obrigados a retomar a antiga capital da colônia,Salvador, como ponto de partida para qualquerconsideração que queiramos fazer sobre a músicaexclusivamente escrita no Brasil, na época anteriorà independência política. Sendo a região por ondeiniciou-se a colonização, a Bahia apresenta nessaépoca uma sociedade já relativamente sedimentada,se comparada com as demais regiões da Colônia.Poderíamos acrescentar a Capitania de Pernambucocomo a segunda região mais importante do pontode vista sócio-cultural e econômico. Nesse sentido,o achado mais importante até agora é uma obrade caráter profano, anônima, composta em 1759,denominada  Recitativo e Ária . Esse manuscrito parasoprano, violinos I e II, e baixo contínuo, datado de2/7/1759, está dedicado a José Mascarenhas PachecoPereira de Mello, um importante magistrado da“Casa de Suplicação”, a suprema Corte de Justiçade Portugal, na época. Essa composição, que estábaseada num texto vernáculo, também de autoriadesconhecida, é uma laudatória em homenagemao referido magistrado, que estava ligado à “AcademiaBrasílica dos Renascidos”, uma sociedade intelectualsemelhante à “Arcádia Romana”. O referidomagistrado estava recém-restabelecido de uma longaenfermidade e, ao que parece, o  Recitativo e Ária foi composto especialmente para recebê-lo numadas reuniões da “Academia”.  25 Se Luis Álvares Pinto foi o único compositornascido no Brasil que teve a oportunidade de estudarem Lisboa —de acordo com a documentaçãoconhecida até o momento —, por outro lado,o português André da Silva Gomes (Lisboa, 1752 —São Paulo, 1844) foi um músico enviado pelametrópole, no século XVIII, para ocupar a funçãode mestre-de-capela numa vila importante da colônia.Pouco se sabe sobre sua formação musical, apenas quefoi discípulo de José Joaquim dos Santos (ca. 1747 —1801?), compositor português aluno do napolitanoDavid Perez (1711 —1778), importante músico quesistematizou o ensino musical em Portugal, cujas obrasforam amplamente difundidas inclusive no Brasil.André da Silva Gomes nasceu em Lisboa em 1752 eveio para o Brasil em março de 1774. Assim quechegou, foi contratado para ocupar o cargo de mestre-de-capela da Sé de São Paulo, tornando-se o quartoocupante da função. Suas atividades foram intensas,pois, ao que parece, havia uma necessidadede reorganização dos serviços musicais da Sé. Desdesua chegada até 1801, foi também o responsável pelamúsica nas festas reais anuais da Câmara de São Paulo.Silva Gomes teve vários discípulos e agregados, entreeles futuros mestres-de-capela e organistas, como foio caso de Bernadino José de Sena, que foi seu agregadoem 1776 e mais tarde, desempenhou o cargode organista na vila de Nossa Senhora do Rosáriode Pernaguá, atual Paranaguá, PR.Como já acontecia nas demais partes da colônia,o compositor precisou atuar em outras profissões parapoder sobreviver. Após requerer algumas funções quelhe permitiriam independência econômica em relaçãoà capela da música da Sé, foi nomeado interinamente,em 1797, para o cargo de professor régio de gramáticalatina da cidade de São Paulo, tendo sido efetivado porD. Maria I no cargo de professor de latim em 1801.André da Silva Gomes abandonou todos os serviços Apesar do deslocamento do eixo econômicopara a região das Minas Gerais, é nas capitanias geraisda Bahia e Pernambuco que encontraremos as referênciasmusicais comprovadamente mais antigas do Brasil. J. J. Emerico Lobode Mesquita. Tércio  (1783).Fotografiado srcinalautógrafo. FUNARTE
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks