Slides

A Prática Pedagógica e a Construção do Conhecimento Científico!

Description
1. A PRÁTICA PEDAGÓGICA E A CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO CIENTÍFICO Sandra Regina G. Pietrobon A Evolução do Conhecimento Científico Influência do Paradigma…
Categories
Published
of 15
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
  • 1. A PRÁTICA PEDAGÓGICA E A CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO CIENTÍFICO Sandra Regina G. Pietrobon A Evolução do Conhecimento Científico Influência do Paradigma Dominante nos campos do conhecimento Pedagogia Conservadora e a reprodução no Conhecimento Científico Como se dá a Crise do Paradigma Dominante e Emergente
  • 2. A Prática Pedagógica e a Construção do Conhecimento Científico Práxis educativa, julho-dezembro, ano 2006, vol. 1, número 02, Universidade Estadual de Ponta Grossa, Ponta Grossa, Brasil, PP. 77-85 Mestrado em educação da PUC-PR. Professora do curso de Pedagogia da Universidade Estadual do Centro Oeste. Autora do artigo apresentado na disciplina de Epistemologia e Metodologia da Pesquisa em Educação, sob a orientação do Prof. Dr. Paulo Eduardo de Oliveira. Sandra Regina Gardacho Pietrobom Resenhado por: Ellen Dantas Brasil Manuela Lins Ferreira Nelsilene Lima Santos Sulie Verena R. de F. Andrade Colaboração: Leila Lima Moreira Pedagoga pós graduada em psicopedagoga Tutora da Unifacs EAD disciplinando Pesquisa e Prática Pedagógica. http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.jsp?id=K4770908P1 Editoração
  • 3. Diante de pesquisas atuais se faz necessário que o docente busque práticas que oportunizem a construção do conhecimento com o objetivo de uma formação crítica, reflexiva e transformadora acompanhando a evolução científica, atendendo desta maneira a demanda da sociedade.
  • 4. http://www.youtube.com/watch?v=oZbbDg4gPTU Você acha que tem necessidade de mudar a prática docente? E VOCÊ?
  • 5. A Evolução do Conhecimento Científico Visão Mítica / Deuses Razão / Senso Comum Renascimento Iluminismo Modernismo Positivismo Grécia Antiga Idade Média
  • 6. A Influência do Paradigma Dominante nos Campos do Conhecimento PARADIGMA = Algo que serve de exemplo padronizando / Termo ou elemento no mesmo contexto de uma estrutura. Para Thomas Kuhn “termo” conhecimento é usado em dois tipos diferentes. Paradigma enquanto modelo permite a compreensão ou explicação de um certo aspecto da realidade. Resquícios do paradigma cartesiano-newtoniano ou positivista da ciência no campo educacional.
  • 7. Área Educacional Se pode perceber essa influência: <ul><li>Padrões de comportamento preestabelecidos; </li></ul><ul><li>O não questionamento por parte dos alunos; </li></ul><ul><li>A limitação das crianças no espaço reduzidos das certeiras; </li></ul><ul><li>O aprisionamento à mente racional; </li></ul><ul><li>A dificuldade da expressão e da criatividade; </li></ul><ul><li>A impossibilidade de errar e experimentar. </li></ul>Num currículo mecanicista os objetivos são determinados antes do processo instrucional e conduzido “ao longo ”do currículo.
  • 8. Pedagogia Conservadora e Reprodutora PEDAGOGIA CONSERVADORA PEDAGOGIA REPRODUTORA PEDAGOGIA TRADICIONAL <ul><li>Humanista </li></ul><ul><li>Escolanovista </li></ul><ul><li>Tecnicista </li></ul>
  • 9. Pedagogia Tradicional ou Diretiva Abordagem Humanista ou Tendência Liberal Não-Diretiva Abordagem tecnicista ou Behaviorismo O professor apresenta o conhecimento de maneira pronta e acabada, utilizando uma metodologia que não possibilita o trabalho cooperativo, visando o acúmulo de informações e a perpetuação de um tipo de sociedade e cultura. Dá ênfase às relações interpessoais e o ensino é centrado no aluno, sendo este considerado em processo contínuo de seu próprio ser. Nessa abordagem o aluno é responsivo, aprende e fixa informações passadas pelo professor . O ensino é desenvolvido por repetição e memorização. A escola desta forma torna-se reprodutora do conhecimento, visando determinados comportamentos.
  • 10. A Crise do Paradigma Dominante e Emergente Uma nova visão sistêmica de abordagem progressista baseada em Paulo freire que defende o ensino com pesquisas levando não mais a reprodução mais sim a produção do conhecimento, desenvolvendo uma consciência a partir de suas idéias. Paradigma dominante se dá a partir de Einstein e mecânica quântica. Há portanto, segundo o autor uma nova visão,uma nova concepção de matéria e de natureza. “ Se vivem momentos de crise, mas que os mesmos servem para que epistemologia prospere” (SANTOS, 2000,p.70) O conhecimento se move entre a interpretação da crise (Ontologia) e a crise da interpretação (epistemologia) Portanto...O que de fato prospera em período de crise não é a epistemologia em si, mais a interpretação crítica de epistemologias rivais.
  • 11. ? Rousseau questiona... “ O progresso das ciências e das artes contribuirá para purificar ou para corromper?” Com a mudança da visão de mundo em movimento, houve o surgimento de um novo paradigma. COSMOVISÃO O universo é visto como um todo, interconectado surgindo o conceito de auto-organização. PEDAGOGIA PÓS- MODERNA <ul><li>Centrada no conceito de auto-organização </li></ul>Exigência Alteração Pertubação Problema Precisa se ajustar para continuar funcionando!
  • 12. Tais princípios necessitam ser incorporadas nas práticas docentes, modificando a visão seccionada até agora impregnada. MUDANÇA TRANSFORMAÇÃO VISÃO GLOBAL DESENVOLVENDO CONSCIÊNCIA ÉTICA TOLERÂNCIA COMPREENSÃO VISÃO DE MUNDO SISTÊMICO Atenção! O desenvolvimento desses saberes alertam para a CEGUEIRA DO CONHECIMENTO
  • 13. É necessário que a educação trabalhe com seus alunos a imprevisibilidade, sabendo enfrentar incertezas, já que nada é pré-determinado. (MORIN 2000) Visão Fragmentada Processo Relacional Como faremos a transição de um Paradigma Conservador para um Paradigma Inovador? Que metodologias utilizaremos em nossa prática pedagógica diante das teorias que nos colocam como profissionais reflexivos, autônomos, pesquisadores?
  • 14. <ul><li>Modificação por parte dos educadores na Concepção de Aluno, Escola, Conhecimento e Mundo não apenas no discurso mais também na prática; </li></ul><ul><li>Visão Sistêmica </li></ul><ul><li>Abordagem Progressista; </li></ul><ul><li>Ensino com Pesquisa; </li></ul><ul><li>Pedagogia Relacional </li></ul>Uma Epistemologia Construtivista requer que o professor haja de forma relacional, descartando a visão de tábula rasa, percebendo o aluno como ser em constante processo de aprendizagem. Isso não apenas nas escolas em geral, mas também no ensino superior onde encontra-se a formação de professores que ainda está calcada na fragmentação do conhecimento, voltada a uma visão empírica do processo de aprendizagem. É necessário a construção de uma aliança, uma “teia”:
  • 15. Adaptações Conclusivas A Educação como um todo está atrelada à racionalidade científica, com um caráter puramente racional. Desta forma não emancipa os indivíduos. Nas escolas a regulação está expressa pelos currículos, normas, forma de avaliação, prazos, não auxiliando os alunos a serem mais críticos, compreendendo que o conhecimento não poderão construir, deve ter uma utilidade social, em suas vidas. Paradigma tradicional ou Conservador Ensino como reprodução do conhecimento Professor única forma de informação Paradigma Emergente Ensino como produção do conhecimento Pesquisa uma atividade inerente ao ser humano, instrumento de ensino para apreensão da realidade Ação reflexiva e disciplina como capacidade de estudar Valoriza precisão/acerto considerando o erro um delito Concebe o conhecimento de forma interdisciplinar
  • Search
    Similar documents
    Related Search
    We Need Your Support
    Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

    Thanks to everyone for your continued support.

    No, Thanks