Slides

A participação dos Portadores de Necessidades Especiais no Mercado de Trabalho em Uberlândia/MG

Description
Monografia apresentada à Uniminas como parte dos requisitos necessários para aprovação no curso de Pedagogia - Gestão e Tecnologia Educacional, sob orientação da Professora: Dra. Jane de Fátima Silva Rodrigues.
Categories
Published
of 19
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
  • 1. A participação do Portador de Necessidades Especiais no mercado de trabalho em Uberlândia
  • 2. UNIMINAS – União Educacional de Minas Gerais Pedagogia Gestão e Tecnologia Educacional <ul><li>Alunas: </li></ul><ul><li>Denise Faria </li></ul><ul><li>Vera Lucia da Silva Cruz </li></ul><ul><li>Orientadora: </li></ul><ul><li>Profª. Dra. Jane de Fátima </li></ul>
  • 3. Objetivo Geral: <ul><li>Analisar a empregabilidade do portador de necessidades especiais no mercado de trabalho em Uberlândia. </li></ul>
  • 4. Objetivos específicos: <ul><li>Averiguar a adequação da legislação existente e a reserva de vagas para os PNE´s; </li></ul><ul><li>Investigar se a empresa está preparada para receber esses profissionais; </li></ul><ul><li>Conhecer o perfil desse funcionário. </li></ul>
  • 5. <ul><li>Capítulo I - O portador de necessidades especiais </li></ul><ul><li>Capítulo II - A Legislação </li></ul><ul><li>Capítulo III - O mercado de trabalho em Uberlândia </li></ul>
  • 6. Histórico: <ul><li>As fases da evolução histórica: </li></ul><ul><li>Exclusão, segregação, integração e inclusão. </li></ul>
  • 7. Convívio com a sociedade e o mercado de trabalho <ul><li>O convívio, </li></ul><ul><li>Estrutura do ambiente de trabalho; </li></ul><ul><li>Qualificação profissional; </li></ul>
  • 8. Legislação <ul><li>A Lei 8.213/91 de 24 de julho de 1991 e o Decreto 3.298/99, de 21 de dezembro de 1999 determinam que todas as empresas com mais de 100 funcionários são obrigadas a contratar pessoas com deficiência nas proporções a seguir: </li></ul>
  • 9. <ul><li>Até 200 empregados 2%; </li></ul><ul><li>De 201 a 500 3%; </li></ul><ul><li>De 501 a 1000 4%; </li></ul><ul><li>Acima de 1000 5%. </li></ul>
  • 10. <ul><li>O art. 5º, parágrafo 2º, da lei 8.112/90 garante 20% das vagas de emprego no serviço Público Federal para portadores de deficiência física que sejam aprovados em concursos. </li></ul><ul><li>Em Minas Gerais estipula-se 10% (dez por cento) de acordo com a Constituição Estadual nº. 11.867 de 28 de julho de 1995. </li></ul>
  • 11. Evolução e abordagem do tema <ul><li>Mídias; </li></ul><ul><li>Transporte; </li></ul><ul><li>Esporte; </li></ul><ul><li>Aperfeiçoamento; </li></ul><ul><li>Acessibilidade à educação e à qualificação; </li></ul><ul><li>Tecnologia; </li></ul><ul><li>Assistência médica; </li></ul><ul><li>Família; </li></ul>
  • 12. Agências de empregos: <ul><li>Employer; </li></ul><ul><li>Ser Humano; </li></ul><ul><li>Suporte Recursos Humanos; </li></ul><ul><li>Mentre RH; </li></ul><ul><li>Millemium; </li></ul><ul><li>Prospe RH. </li></ul>
  • 13. Cargos mais solicitados nas agências de emprego Agências Cargos mais solicitados Employer Secretária e telefonista Ser Humano Atendentes, operadores (as) de caixa, vendedores (as), operadores (as) de produção Suporte Recursos Humanos Administrativo Mentre RH Produção e administrativo Millenium Op. Máq. e separação
  • 14. Os obstáculos à contratação de PNE´s Agências Obstáculos Employer Falta de iniciativa e interesse da pessoa Ser Humano Os PNE´s não possuem qualificação Suporte Recursos Humanos Ausência de escolaridade e qualificações Mentre RH Salários e distância das empresas Millenium Poucas vagas
  • 15. Empresas em Uberlândia que de acordo com as agências empregam PNE´s Agências Empresas Employer Ambev, Souza Cruz Ser Humano Souza Cruz, Arcom, Peixoto, D´Paschoal, Ambex e Amex Suporte Recursos Humanos Empresas de médio e grande porte e multinacionais Mentre RH Não informado Millenium Aliança Atacadista e Transcol
  • 16. Considerações Finais <ul><li>O portador de necessidades especiais não possue as qualificações necessárias; </li></ul><ul><li>Poucas empresas estão preparadas para recebê-los; </li></ul><ul><li>A tecnologia tem contribuído com a profissionalização e a empregabilidade desse profissionais; </li></ul><ul><li>Falta uma política de diversidade nas organizações. </li></ul>
  • 17. <ul><li>Diante de tudo isso, percebe-se um novo campo de atuação para o pedagogo-gestor. Ele é um profissional capacitado para implantar uma política de diversidade, podendo atuar em instituições e ONG´s com a finalidade de buscar a qualificação destas pessoas e ser um gestor nas organizações identificando melhorias para receber os profissionais portadores de necessidades especiais. </li></ul>
  • 18. <ul><li>&quot;Na minha civilização, aquele que é diferente de mim não me empobrece: me enriquece.&quot; </li></ul><ul><li>Saint-Exupéry </li></ul>
  • 19. Obrigada!
  • Area De Projecto

    Jul 12, 2018
    Search
    Related Search
    We Need Your Support
    Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

    Thanks to everyone for your continued support.

    No, Thanks