Slides

Ambiente 10ºd

Description
1. Consequências das alterações climáticas 2. <ul><li>Consequências nos recursos hídricos: </li></ul><ul><li>Menor quantidade de…
Categories
Published
of 7
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
  • 1. Consequências das alterações climáticas
  • 2. <ul><li>Consequências nos recursos hídricos: </li></ul><ul><li>Menor quantidade de água disponível; </li></ul><ul><li>Pior qualidade das águas fluviais; </li></ul><ul><li>Os nossos rios internacionais serão afectados, pois os espanhóis vão precisar de reter mais água. O rio Sado e Guadiana poderão perder 60% de escoamento anual e o Tejo 30%; </li></ul><ul><li>O aumento da temperatura superficial do mar; </li></ul><ul><li>Alterações nos recursos pesqueiros. </li></ul>
  • 3. <ul><li>Consequências nas zonas costeiras: </li></ul><ul><li>Subida do nível médio do mar (aproximadamente 50 centímetros) e aumento da erosão costeira, sobretudo marés vivas; </li></ul><ul><li>Intrusão salina; </li></ul><ul><li>Alto e muito alto risco em 67% da nossa zona costeira, onde se concentra a maior parte da população portuguesa. </li></ul>
  • 4. <ul><li>Consequências na saúde humana: </li></ul><ul><li>Aumento de doenças associadas a ondas de calor, diminuição de doenças ligadas ao excesso de frio; </li></ul><ul><li>Aumento de doenças por poluição do ar e de alergias; </li></ul><ul><li>Surtos de doenças transmitidas pela água e alimentos - febre tifóide, salmoneloses, toxinas associadas com mariscos e cianobactérias ; </li></ul><ul><li>Surtos de doenças transmitidas por vectores (sobretudo insectos) - malária, dengue, febre amarela, doença de Lyme, febre escaronodular, encefalites. </li></ul>
  • 5. <ul><li>Consequências na agricultura e nas florestas: </li></ul><ul><li>Mudanças no tipo de culturas devido à escassez de água para irrigação; e readaptação a novos períodos de cultivo; </li></ul><ul><li>Aumento de pragas, doenças e infestantes, tanto na floresta como na agricultura; </li></ul><ul><li>Aumento acentuado de incêndios; </li></ul><ul><li>Redução da produtividade florestal; </li></ul><ul><li>Perda de biodiversidade. </li></ul>
  • 6. <ul><li>Consequências para a energia : </li></ul><ul><li>Forte aumento das necessidades de arrefecimento em edifícios e transportes, com maior recurso ao ar condicionado; </li></ul><ul><li>Alguma diminuição das necessidades de aquecimento no Inverno; </li></ul><ul><li>Mais custo de conservação em equipamentos públicos, devido aos fenómenos climáticos extremos (estradas, aeroportos, coberturas, etc.) </li></ul><ul><li>Aumento geral dos gastos energéticos à escala nacional e individual; </li></ul><ul><li>À força de tanto calor, haverá uma corrida aos ares condicionados: subirá a factura energética, o orçamento familiar, o contributo nacional para o efeito de estufa e para a poluição. </li></ul>
  • 7. Trabalho realizado por: <ul><li>Carina Arrais </li></ul><ul><li>Cristina Martins </li></ul><ul><li>Mónica Ruivo </li></ul><ul><li>Pedro Quaresma </li></ul><ul><li>Sara Ferro </li></ul>
  • We Need Your Support
    Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

    Thanks to everyone for your continued support.

    No, Thanks