Environment

Diário de Mercado 13/03/ PDF

Description
Bolsas O pregão desta segunda-feira foi de recuperação para a bolsa, que voltou a exibir alta após queda acumulada de 3,0% na semana passada. A alta de hoje foi generalizada entre as diversas ações, incluindo
Categories
Published
of 18
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
Bolsas O pregão desta segunda-feira foi de recuperação para a bolsa, que voltou a exibir alta após queda acumulada de 3,0% na semana passada. A alta de hoje foi generalizada entre as diversas ações, incluindo empresas que se beneficiam da queda de juros (cenário reforçado pela Pesquisa Focus de hoje) e ações ligadas aos preços do minério (VALE5 e GGBR4, por exemplo). Ao término do pregão, o índice tinha alta de 1,33%, aos pontos e giro financeiro de R$ 5,7 bilhões. Para as próximas sessões, as expectativas devem crescer em torno do anúncio de política monetária dos EUA, na quartafeira. 180% 160% 140% 120% 100% 80% 60% 40% 20% Dow Jones Rentabilidade acumulada Ibovespa x Dow Jones Ibovespa 0% mar-12 mar-13 mar-14 mar-15 mar-16 mar-17-20% Fonte:Bloomberg Índices mundiais Índices e Carteiras Recomendadas Fonte: Broadcast; Bolsa Cotação Dia 2017 Ibovespa ,33% 8,8% Dow Jones ,10% 5,4% S&P ,04% 5,5% DAX ,22% 4,7% CAC ,13% 3,3% IBEX ,10% 7,2% FTSE ,33% 3,5% dia semana mar/ Ibovespa 1,33% 1,3% -1,7% 8,8% Ibx-50 1,31% 1,3% -1,6% 8,4% Índice SMLL 1,25% 1,3% -0,4% 17,3% Arrojada 3,05% 3,1% 0,3% 11,2% Dividendos 1,61% 1,6% -5,8% 2,4% Top 10 2,28% 2,3% -0,4% 10,5% Small Caps 3,63% 3,6% 2,2% 2,2% As quatro Carteiras Recomendadas performaram acima do Ibovespa nesta segunda-feira, com destaque para a Small Caps, puxadas pelas fortes altas em Copasa (CSMG3: +7,5%), Sanepar (SAPR4: +5,2%), Cemig (CMIG4: +4,8%) e Rumo (novo ticker - RAIL3: +3,9%). Estratégia Pessoas Físicas José Cataldo* Aloisio Lemos Ricardo França Renato Chanes *Analista responsável principal pelo conteúdo do relatório e pelo cumprimento do disposto no Art.16 da Instrução CVM 483/10. Flash de Mercado Capital Externo R$(mm) Maiores Altas Maiores Baixas Maiores Volumes R$(mm) 09/mar -41,9 CMIG4 5,30% ESTC3-2,85% VALE5 698 VALE3 4,69% WEGE3-2,82% PETR4 400 março ,9 RAIL3 4,40% EQTL3-2,15% ITUB4 258 VALE5 4,04% ECOR3-1,61% BBDC ,0 GGBR4 3,69% MRFG3-0,82% VALE3 179 Fonte: Broadcast; BM&FBovespa; 1 Conteúdo Economia 3 Pesquisa Focus 3 Notícias do Dia 4 Câmbio 5 Juros 6 Agenda Econômica 7 Calendário de Resultados 9 Participação dos Investidores 10 Calendário de Proventos 10 Análise de Empresas 11 Valid: Mais um trimestre com números fracos 11 Carteiras Recomendadas 12 Guia de Ações 14 2 Economia Pesquisa Focus Perspectiva de inflação para 2017 caiu para 4,19% (de 4,36%). Do declínio, 0,10 p.p. estão relacionados à incorporação dos indicadores de inflação reportados em fevereiro, que vieram consideravelmente abaixo do consenso (0,33%, contra 0,43% esperado no último relatório semanal Focus). No entanto, os melhores números de inflação em fevereiro também resultaram em revisões para baixo nas estimativas para os próximos meses, levando o consenso de inflação para 4,19%. De 2018 para frente, não houve mudanças: os economistas consultados ainda esperam que a inflação fique em 4,5% até 2020, chegando a um nível mais baixo apenas em 2021 (4,25%). Selic em 9,0% e 8,75% para o final de 2017 e 2018, respectivamente. Após esta visão mais benigna sobre a inflação, o espaço para cortes da taxa de juros aumentou. O consenso reduziu suas projeções da Selic para 9,0% para o final do ano de 2017 (de 9,25%) e 8,75% e para o final do ano de 2018 (a partir de 9,0% anteriormente). Para o curto prazo, isso ainda significa cortes de 0,75 p.p em abril e junho. No entanto, o consenso agora espera outro corte de 0,75 p.p. em julho (não mais que 0,50 p.p.). Crescimento do PIB para 2017 teve redução de 0,01 p.p., para 0,48%. Com relação as previsões de crescimento, a divulgação do PIB do 4T16 pareceu não ser suficiente para mudar a expectativa dos economistas sobre o crescimento para este ano, mesmo considerando que os números do PIB abaixo do esperado resultam em carrego estatístico negativo mais intenso para 2017, em torno de -1,1%. Em relação a 2018, o consenso para o crescimento do PIB ficou praticamente estável, registrando um aumento de 0,01 p.p., para 2,40%. Nossa visão: Depois do PIB e da inflação divulgados nos últimos dias, também revisamos nossas previsões para a taxa Selic e o IPCA. Para o IPCA, a forte tendência deflacionária em itens alimentares e uma clara melhora na inflação de serviços nos levou a reduzir nossa projeção de 2017 para 4,2%, de 4,7% anteriormente. Quanto à taxa Selic, reduzimos nossas estimativas para o final deste ano (para 9,75%) e 2018 (para 9,00%), tendo em vista não apenas uma perspectiva de inflação mais favorável, mas também as expectativas para a atividade econômica. Pesquisa Focus Indicadores Projeção 2017 Projeção 2018 Anterior Atual Anterior Atual IPCA (%) 4,36 4,19 4,50 4,50 IGP-M (%) 4,79 4,62 4,67 4,60 Câmbio (R$/US$) 3,30 3,30 3,40 3,40 Selic (%) 9,25 9,00 9,00 8,75 PIB (%) 0,49 0,48 2,39 2,40 Produção Industrial (%) 1,09 1,22 2,19 2,06 Déficit em Conta Corrente (US$ bilhões) -26,50-26,50-35,65-36,00 Superávit Comercial (US$ bilhões) 47,30 48,70 40,00 40,00 IED (US$ bilhões) 72,00 72,00 72,00 72,00 Fonte: Banco Central 3 Notícias do Dia Sanepar (SAPR4): Reforçamos a recomendação de Compra Entendemos que a forte queda (21% em três pregões) na semana passada, após o anúncio da revisão tarifária pela agência reguladora do Paraná (Agepar), foi uma reação muito exagerada do mercado, que refletiu dois pontos: (i) gradualismo da revisão tarifária, com o reajuste de 25,6%, sendo escalonado em oito anos (havia expectativa que fosse em até quatro anos); e (ii) primeiro reajuste tarifário de apenas 5,7% (ante expectativas entre 10% e 15%). É esperado que a Sanepar envie, ainda esta semana, um estudo técnico detalhado para a Agepar, solicitando uma reconsideração sobre estes dois pontos-chave, o que envolveria um prazo de escalonamento mais curto (talvez quatro anos) e uma tarifa inicial ajustada num percentual maior. O fato é que a empresa foi para uma faixa de valor de mercado abaixo do que seus fundamentos apontam, mesmo no cenário mais conservador. Nossa Visão: Sendo assim, reforçamos nossa recomendação de Compra para SAPR4, com preço-alvo (já revisado em relatório datado de 09/03) de R$ 21,00/ação. Francisco Navarrete* Aloisio Lemos *Analista responsável principal pelo conteúdo do relatório e pelo cumprimento do disposto no Art.16 da Instrução CVM 483/10 4 Câmbio À espera do FOMC! Começaram em alta as cotações do dólar na semana que, possivelmente, marcará a retomada do aperto monetário nos Estados Unidos. O real, inclusive, teve o terceiro pior desempenho entre as moedas de países emergentes, atrás somente dos pesos chileno e argentino. Caso confirmado, o evento tem impacto sobre a precificação de diversos ativos de risco, além de reduzir a liquidez global. Aqui no Brasil, os agentes seguem na expectativa por novos anúncios quanto à estratégia para a rolagem dos derivativos cambiais que vencerão em abril. Ao final da sessão, o dólar à vista no balcão estava cotado em R$ 3,153, em alta de 0,28% em relação ao fechamento da última sexta-feira. Com isso, a moeda norte-americana acumula valorização de 1,39% em março. No mercado futuro, o dólar para abril avançou 0,36%, cotado a R$ 3,170. R$ 4,30 Dólar R$ 4,10 R$ 3,90 R$ 3,70 R$ 3,50 R$ 3,30 R$ 3,10 R$ 2,90 R$ 2,70 R$ 2,50 mar-16 abr-16 mai-16 jun-16 jul-16 ago-16 set-16 out-16 nov-16 dez-16 jan-17 fev-17 mar-17 à vista Futuro USD Reservas Cambiais USD USD USD USD USD USD mar-16 abr-16 mai-16 jun-16 jul-16 ago-16 set-16 out-16 nov-16 dez-16 jan-17 fev-17 mar-17 5 Juros Apostas reforçadas. As taxas dos principais contratos de juros futuros iniciaram mais uma semana em queda. A segunda-feira foi de liquidez reduzida e agenda econômica esvaziada, com os movimentos refletindo os ajustes à tradicional Pesquisa Focus do Banco Central, que mostrou nova queda nas expectativas para a Selic (em 2017 e 2018). No exterior, os rendimentos dos Treasuries norte-americanos avançaram. Curva de Juros Futuro Vencimentos DI Fechamento 13-mar 10-mar mar/17 13,63 13,63 jan/18 10,03 10,07 jan/19 9,53 9,56 jan/20 9,72 9,75 jan/21 9,94 9,97 jan/22 10,10 10,12 jan/23 10,22 10,25 jan/24 10,27 10,30 15% 14% 13% 12% 11% 10% 9% Hoje Há 1 mes Há 3 meses 18 17, , , , , , , ,5 T Notes x DIs futuros (em %) 2,9 2,7 2,5 2,3 2,1 1,9 1,7 1,5 jan-14 fev-14 mar-14 abr-14 mai-14 jun-14 jul-14 ago-14 set-14 out-14 nov-14 dez-14 jan-15 fev-15 mar-15 abr-15 mai-15 jun-15 jul-15 ago-15 set-15 out-15 nov-15 dez-15 jan-16 DI17 DI21 T-10, Bradesco Corretora e Agora Corretora 6 Agenda Econômica Brasil Data Horário Indicador Referência Relevância Consenso Anterior Resultado 13-mar 08:25 Pesquisa Focus mar 15:00 Balança comercial semanal 12-mar -- $697M mar 08:00 FGV - IGP-10 (M/A) Mar -- 0,14% mar 08:00 FGV - IPC-S 15-mar -- 0,34% mar 05:00 FIPE - IPC Semanal 15-mar mar 08:00 FGV - 2ª Prévia do IGP-M Mar -- 0,02% mar -- CNI - Confiança da Indústria Mar -- 53, até 17 Mar -- Coleta de impostos Fev M -- China Data Horário Indicador Referência Relevância Consenso Anterior Resultado 13-mar 23:00 Ativos Fixos Exceto Rurais Acumulado no Ano (A/A) Fev 8,2% 8,1% mar 23:00 Produção Industrial Acumulada no Ano (A/A) Fev 6,2% 6,0% mar 22:30 Índice de Preços de Imóveis até 18 Mar -- Investimento Estrangeiro Direto em Yuan (A/A) Fev -4,2% -9,2% -- Zona do Euro Data Horário Indicador Referência Relevância Consenso Anterior Resultado 14-mar 07:00 Pesquisa ZEW (Expectativas) Mar -- 17, mar 07:00 Produção Industrial Sazonalizada (M/M) Jan 1,4% -1,6% mar 07:00 Produção Industrial WDA (A/A) Jan 0,9% 2,0% mar 07:00 Variação de Empregos (A/A) 4T ,2% mar 07:00 Variação de Empregos (T/T) 4T ,2% mar 07:00 IPC (A/A) Fev 2,0% 2,0% mar 07:00 IPC (M/M) Fev 0,4% mar 07:00 Balança Comercial Sazonalizada Jan 22,0B 24,5B -- 7 EUA Data Horário Indicador Referência Relevância Consenso Anterior Resultado 14-mar 07:00 NFIB - Otimismo nos Pequenos Negócios Fev 106,0 105, mar 09:30 IPP (A/A) Fev 1,9% 1,6% mar 09:30 IPP (M/M) Fev 0,1% 0,6% mar 09:30 IPP exceto alimentos e energia (M/M) Fev 1,5% 1,2% mar 09:30 IPP exceto alimentos e energia (M/M) Fev 0,2% 0,4% mar 09:30 Fed de Nova York - Atividade Manufatureira Regional Mar 15,0 18, mar 09:30 IPC (A/A) Fev 2,7% 2,5% mar 09:30 IPC (M/M) Fev 0,1% 0,6% mar 09:30 IPC exceto alimento e energia (A/A) Fev 2,2% 2,3% mar 09:30 IPC exceto alimentos e energia (M/M) Fev 0,2% 0,3% mar 09:30 Vendas no Varejo (M/M) Fev 0,1% 0,4% mar 09:30 Vendas no Varejo exceto automóveis (M/M) Fev 0,1% 0,8% mar 09:30 Vendas no Varejo exceto automóveis e gás (M/M) Fev 0,2% 0,7% mar 11:00 Estoques de empresas Jan 0,3% 0,4% mar 11:00 NAHB - Índice do mercado habitacional Mar mar 15:00 Decisão do FOMC - Taxa Básica de Juros (Limite mínimo) 15-mar 0,75% 0,50% mar 15:00 Decisão do FOMC -Taxa Básica de Juros (Limite máximo) 15-mar 1,00% 0,75% mar 17:00 TIC - Fluxo de compra e venda de ativos a longo prazo Jan -- -$12,9B mar 09:30 Construção de Novas Moradias Fev 1265K 1246K mar 09:30 Construção de Novas Moradias (M/M) Fev 1,5% -2,6% mar 09:30 Fed da Filadélfia - Panorama dos Negócios Mar 26,5 43, mar 09:30 Licenças para construção Fev 1260K 1285K mar 09:30 Novos pedidos de seguro-desemprego 11-mar 243K 243K mar 09:30 Seguro-desemprego 4-mar K mar 11:00 JOLTS - Ofertas de Emprego Jan mar 10:15 Produção Industrial (M/M) Fev 0,2% -0,3% mar 10:15 Utilização da Capacidade Instalada na Indústria Fev 75,5% 75,3% mar 11:00 Índice Antecedente Fev 0,4% 0,6% mar 11:00 Universidade de Michigan - Confiança do Consumidor Mar 97,0 96,3 -- Legenda: Alta Média Baixa 8 Calendário de Resultados Resultado 4T16 Empresa Data Empresa Data Empresa Data ALPARGATAS 10/3 QUALIC ORP 20/3 C ESP 24/3 ALUPAR 10/3 RENOVA 20/3 ENEVA 24/3 VALID 10/3 BR INSURANCE 21/3 LIGHT S/A 24/3 DIREC IONAL 13/3 BRADESPAR 21/3 RANDON 24/3 ESTACIO 15/3 ENERGISA 21/3 ELETROBRAS 27/3 PAR C ORRETORA 15/3 OUROFINO S/A 21/3 BR MALLS 28/3 SLC AGRICOLA 15/3 EZTEC 22/3 C EMIG 28/3 EQUATORIAL 16/3 KROTON 22/3 GENERAL SHOPPING 28/3 JHSF 16/3 B2W 23/3 SOMOS EDUC AÇÃO 28/3 LE LIS BLANC 16/3 CPFL ENERGIA 23/3 BR BROKERS 29/3 POSITIVO 16/3 CYRELA REALTY 23/3 ANIMA 30/3 SER EDUCAC IONAL 17/3 JBS 23/3 HELBOR 30/3 ALIANSCE 20/3 JSL 23/3 LOPES BRASIL 30/3 C OPEL 20/3 SABESP 23/3 OI 30/3 METAL LEVE 20/3 TECNISA 23/3 Fonte: Empresas;Bovespa 9 Participação dos Investidores TIPO DE INVESTIDOR (R$MM) SALDO 09/03/2017* Março Acumulado no ano Participação Por Invest. Março Inves. Estrangeiro -41, , ,0 53,6% Institucional -133, ,0-451,2 23,4% Pessoa Física 88,7 740, ,9 17,8% Instit. Financeira 89,0-78,2-510,4 4,4% Emp. Priv/Publ -2,9 21, ,5 0,7% Outros 0,1 80,6 14,0 0,1% *os dados são divulgados com dois dias de defasagem Os investidores estrangeiros retiraram R$ 41,9 milhões da Bovespa, no pregão da quinta-feira (9). Naquele dia, o Ibovespa fechou com desvalorização de 0,21%, aos pontos. Em março, o saldo de recursos estrangeiros na Bolsa está negativo em R$ 2,065 bilhões. Calendário de Proventos Empresa Empresa Data de Anúncio Data EX Previsão de Pagamento Valor Tipo de Provento Klabin S/A PN KLBN4 1/2/17 7/2/17 16/2/17 R$ 0, Dividendo Hypermarcas ON HYPE3 10/2/17 16/2/17 24/2/17 R$ 0,6 Dividendo BB Seguridade BBSE3 13/2/17 17/2/17 2/3/17 R$ 0, Dividendo Cetip ON CTIP3 16/2/17 23/2/17 8/3/17 R$ 0, Dividendo Weg ON WEGE3 21/2/17 1/3/17 15/3/17 R$ 0, Dividendo Natura ON NATU3 23/2/17 1/3/17 20/4/17 R$ 0, Dividendo Itausa PN ITSA4 21/2/17 1/3/17 3/4/17 R$ 0,015 Dividendo Itau Unibanco PN ITUB4 20/2/17 1/3/17 3/4/17 R$ 0,015 Dividendo Ultrapar ON UGPA3 23/2/17 2/3/17 10/3/17 R$ 0,87 Dividendo MRV ON MRVE3 9/11/16 6/3/17 30/3/17 R$ 0,34 Proventos Multiplus ON MPLU3 23/2/17 10/3/17 22/3/17 R$ 0, Dividendo Banco do Brasil BBAS3 24/2/17 14/3/17 31/3/17 R$ 0, Juros Sobre Capital Proprio Cielo ON CIEL3 30/1/17 16/3/17 31/3/17 R$ 0, Dividendo Minerva ON BEEF3 21/2/17 4/4/17 17/4/17 R$ 0, Dividendo Vale PNA VALE5 23/2/17 24/4/17 28/4/17 R$ 0, Juros Sobre Capital Proprio Fonte:Bloomberg; 10 Análise de Empresas Valid: Mais um trimestre com números fracos A geração operacional de caixa (Ebitda) veio abaixo da nossa estimativa, principalmente por conta de provisões na área de Telecom; Houve provisões por atrasos de recebimentos no segmento de Identificação; Volumes de cartões com chip reagiram nos Estados Unidos, embora não sejam números tão bons; Permanecemos com visão cautelosa sobre a ação, embora mantendo o preço-alvo de R$ 35,00/ação. Valid R$ milhões Receita Líquida ,0% 426-2,1% 447-6,6%. Meios de Pagamento ,9% 99-10,1% 91-2,2%. Valid USA ,8% 83 11,2% ,7%. Identificação ,3% 122-5,0% 112 3,3%. Telecom ,6% 106-0,9% ,7%. Certificação Digital ,6% 16-6,2% 14 11,0% Ebitda Ajustado ,9% 75-16,6% 81-22,5% Margem Ebitda 15,1% 16,5% 17,7% 18,1% Lucro Líquido ,2% 30-6,9% 24 20,0% Fonte: Valid, Bradesco Corretora e Ágora Corretora 4T16 4T16E % 3T16 A Valid reportou Ebitda de R$ 63 milhões (-22% ante o 4T15 e 8% abaixo da nossa estimativa). Os números da empresa no trimestre foram afetados por provisões em algumas áreas, como Telecom e Identificação, e continuamos a ver a % geração total de receitas sem entusiasmo, especialmente em Telecom. 4T15 % VLID3 Recomendação: NEUTRO Preço-alvo: 35,00 Upside: 40,0% 340 VALID X IBOV VLID3 IBOV 10 mar-12 mar-13 mar-14 mar-15 mar-16 mar-17 Fonte: Bradesco Corretora; Ágora Corretora; Bloomberg Serviços Financeiros Gabriel Gusan* Aloisio Villeth Lemos *Analista responsável principal pelo conteúdo do relatório e pelo cumprimento do disposto no Art.16 da Instrução CVM 483/10. Além disso, os pagamentos em atraso dos governos estaduais na unidade de Identificação penalizaram os resultados pelo segundo trimestre seguido, o que nos leva a manter um sinal de alerta acionado. Na Valid USA, as receitas em reais caíram 15%, com margem Ebitda de 10,6%. O volume de cartões com chip atingiu 14 milhões de unidades, recuperando-se fortemente após uma queda abrupta no 3T16 (foram 17 milhões de cartões no 2T16, caindo para 7 milhões no 3T16). Nos Sistemas de Identificação as receitas cresceram 3%, com recuo da margem Ebitda para 28,6%, ante 32% no 3T16. A Valid provisionou R$ 3 milhões (replicando o 3T16), por conta de atrasos em recebimentos de governos estaduais. Valid ON Projeções 17E 18E Preço (R$) 25,00 P/L 11,8 9,8 Valor de Merc. (R$M) EV/EBITDA 5,8 5,3 Preço Mín./Máx. 52 sem. (R$) 23,10-37,4 ROE 13,5% 15,1% Vol. Méd. Diário 3 meses (R$ M) 8,3 Div. Yield 4,2% 0,0% Fonte: Broadcast; Bradesco Corretora e Ágora Corretora Este relatório é uma versão em português do relatório institucional divulgado pelo Banco Bradesco BBI em 11/03/ Carteiras Recomendadas Top 10 Ativos Preço Preço-Alvo Upside Participação EV/EBITDA P/L Div. Yield Performance (R$) (%) Ibovespa Carteira 16E 17E 16E 17E 16E 17E mar/17 semanal diária BBAS3 34,12 36,00 5,5% 3,8% 10,0% ,1 8,0 2,5% 3,8% 3,2% 1,3% 1,3% PETR4 14,37 20,00 39,2% 5,5% 10,0% 6,2 5,4 neg 7,5-0,0% -5,3% 0,4% 0,4% KLBN11 15,78 19,00 20,4% 0,6% 10,0% 37,1 27,6 31,0-0,6% 0,8% 1,8% 2,1% 2,1% USIM5 4,72 6,70 41,9% 0,2% 10,0% 13,3 7,2 neg neg ,3% 1,7% 1,7% BVMF3 18,91 23,00 21,6% 3,0% 10,0% 15,5 12,6 19,2 14,3 2,6% 5,3% -0,6% 1,2% 1,2% CSMG3 49,76 83,00 66,8% 0,0% 10,0% 6,2 4,6 12,8 8,5 1,9% 4,7% -3,5% 7,5% 7,5% CMIG4 11,51 11,00-0,8% 10,0% 8,8 7,8 20,8 13,8 1,2% 1,8% 7,7% 5,1% 5,1% SUZB5 13,11 15,00 14,4% 0,5% 10,0% 6,5 6,7 6,0 10,8 2,0% 1,3% -2,5% 1,2% 1,2% CESP6 18,00 24,00 33,3% 0,0% 10,0% 8,5 12,3 18,3 44,1 5,2% 2,2% 0,7% 0,8% 0,8% ITUB4 39,81 42,00 5,5% 11,5% 10,0% ,7 10,7 2,6% 2,8% -0,5% 1,8% 1,8% Potencial da Carteira 24,9% 10,2 8,4 13,2 11,7 1,9% 2,3% -0,4% 2,3% 2,3% Fonte: Bradesco Corretora e Ágora Corretora Arrojada Ativos Preço Preço-Alvo Upside Participação EV/EBITDA P/L Div. Yield Performance (R$) (%) Ibovespa Carteira 16E 17E 16E 17E 16E 17E mar/17 semanal diária PETR4 14,37 20,00 39,2% 5,5% 18,9% 6,2 5,4 neg 7,5-0,0% -5,3% 0,4% 0,4% BBAS3 34,12 36,00 5,5% 3,8% 20,6% ,1 8,0 2,5% 3,8% 3,2% 1,3% 1,3% CSMG3 49,76 83,00 66,8% 0,0% 19,2% 6,2 4,6 12,8 8,5 1,9% 4,7% -3,5% 7,5% 7,5% BVMF3 18,91 23,00 21,6% 3,0% 19,8% 15,5 12,6 19,2 14,3 2,6% 5,3% -0,6% 1,2% 1,2% CMIG4 11,51 11,00-0,8% 21,5% 8,8 7,8 20,8 13,8 1,2% 1,8% 7,7% 5,1% 5,1% Potencial da Carteira 18,3% 6,2 5,1 13,2 9,1 1,7% 3,1% 0,3% 3,1% 3,1% Fonte: Bradesco Corretora e Ágora Corretora Dividendos Ativos Preço Preço-Alvo Upside Participação EV/EBITDA P/L Div. Yield Performance (R$) (%) Ibovespa Carteira 16E 17E 16E 17E 16E 17E mar/17 semanal diária ABEV3 17,36 21,00 21,0% 7,1% 20,70% 13,4 11,5 21,7 19,9 4,6% 4,6% -2,7% 0,3% 0,3% VIVT4 45,40 52,00 14,5% 1,8% 19,99% 5,8 5,3 15,9 13,3 6,3% 7,5% -0,9% 0,7% 0,7% SAPR4 11,99 21,00 75,1% 0,0% 17,44% 6,6 5,8 9,6 8,6 3,3% 8,2% -16,7% 5,2% 5,2% BVMF3 18,91 23,00 21,6% 3,0% 20,97% 15,5 12,6 19,2 14,3 2,6% 5,3% -0,6% 1,2% 1,2% TIET11 14,82 17,70 19,4% 0,0% 20,90% 6,8 5,8 12,8 10,1 7,8% 9,9% -7,8% 1,4% 1,4% Potencial da Carteira 29% 9,8 8,3 16,0 13,4 5,0% 7,0% -5,8% 1,6% 1,6% Fonte: Bradesco Corretora e Ágora Corretora 12 Small Caps Ativos Preço Preço-Alvo Upside Participação EV/EBITDA P/L Div. Yield Performance (R$) (%) Ibovespa Carteira 16E 17E 16E 17E 16E 17E mar/17 semanal diária CSMG3 49,76 83,00 66,8% 0,0% 20,0% 6,2 4,6 12,8 8,5 1,9% 4,7% -3,5% 7,5% 7,5% CVCB3 30,10 32,00 6,3% 0,0% 20,0% 8,7 7,7 20,6 16,8 3,1% 3,6% 5,5% 0,7% 0,7% FLRY3 41,88 48,00 14,6% 0,0% 20,0% 13,7 12,3 29,1 25,2 1,7% 4,8% -3,3% 3,2% 3,2% MYPK3 15,55 20,00 28,6% 0,0% 20,0% 5,8 5,2-9,2 0,0% 0,0% 9,8% 2,4% 2,4% RAIL3 8,78 10,00 13,9% 0,6% 20,0% 5,9 4,7 neg 26,4-0,9% 2,3% 4,4% 4,4% Potencial da Carteira 26,0% 8,1 6,9 12,5 17,2 1,4% 2,8% 2,2% 3,6% 3,6% Fonte: Bradesco Corretora e Ágora Corretora Performance Histórica mar/17 Ibovespa 32,9% 43,6% -41,1% 82,7% 1,0% -18,1% 7,4% -15,5% -2,9% -13,3% 38,9% 8,8% -1,7% Arrojada 33,3% 41,6% -55,7% 124,4% 19,0% -13,6% 17,7% 17,4% 11,9% -7,9% 37,2% 11,2% 0,3% Dividendos 37,2% 47,2% -19,3% 52,0% 39,0% 26,8% 20,2% 3,5% 11,1% -23,3% 21,1% 2,4% -5,8% Top ,2% 28,5% -13,6% 33,7% 15,3% 4,5% -3,0% 28,5% 10,5% -0,4% Fonte: Ágora Corretora de Valores e Bradesco Corretora de Valores. Fonte: Bradesco Corretora e Ágora Corretora 13 Guia de Ações Empresa Código Rec. AÇÚCAR E ÁLCOOL Preço Alvo Preço Upside Volume (R$ mm) Máximo Mínimo
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks