Slides

Laboratório de ensino e aprendizagem FEUP / FPCEUP

Description
1. Políticas e pedagogia no ensino superior: Desafios de Bolonha [FPCEUP :: 2009-05-13] O laboratório de Ensino e Aprendizagem da FEUP e FPCEUP Ana Mouraz, Rui Trindade…
Categories
Published
of 20
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
  • 1. Políticas e pedagogia no ensino superior: Desafios de Bolonha [FPCEUP :: 2009-05-13] O laboratório de Ensino e Aprendizagem da FEUP e FPCEUP Ana Mouraz, Rui Trindade (FPCEUP) J. Martins Ferreira (FEUP) Francisco de Goya [ Caprichos ]
  • 2. Apresentação e objectivos <ul><li>Porquê esta iniciativa? </li></ul><ul><li>Arranque e actividades em curso </li></ul><ul><ul><li>Micro-formação </li></ul></ul><ul><ul><li>Observação de pares </li></ul></ul><ul><ul><li>Plano de formação 09/10 </li></ul></ul><ul><li>Em discussão </li></ul><ul><ul><li>Validar o desenvolvimento de competências </li></ul></ul><ul><ul><li>Validação de ECTS </li></ul></ul>Docentes Estudantes
  • 3. Micro-formação: Uma proposta de sensibilização pedagógica <ul><li>Sessões (relativamente) informais </li></ul><ul><li>Curta duração </li></ul><ul><li>Temas práticos e actuais </li></ul><ul><li>Confronto de perspectivas e discussão </li></ul><ul><li>Periodicidade entre quinzenal e mensal </li></ul><ul><li>Disponibilização de todos os conteúdos em formato electrónico via Moodle </li></ul>
  • 4. Micro-formação: O sítio Moodle Todas as sessões disponibilizam os conteúdos apresentados pelos animadores e o registo de vídeo das apresentações
  • 5. Micro-formação: Sessões planeadas para 2008/09-2S <ul><li>E-learning e dinamização do trabalho colaborativo  </li></ul><ul><li>Realizar uma ficha de unidade curricular  </li></ul><ul><li>Contabilização do esforço pedido numa unidade curricular  </li></ul><ul><li>Saber interpretar os resultados dos inquéritos pedagógicos </li></ul><ul><li>Realizar um relatório de unidade curricular </li></ul>
  • 6. Observação de pares ( peer observation of teaching ) <ul><li>Racional: Porque a melhor forma de aprender ainda é ensinar… </li></ul><ul><li>Modelo: Observação de pares cruzada (FEUP + FPCEUP) </li></ul><ul><li>Arranque experimental para validar a grelha e o procedimento de observação </li></ul>
  • 7. Observação de pares: Sítio Moodle
  • 8. Observação de pares: Grelha e procedimento (Prof.ª Amélia Lopes) Preparação Realização Reflexão
  • 9. Formação de base <ul><li>Pretende construir um programa de formação fundamental, prático, focado nos jovens docentes, embora aberto a todos </li></ul><ul><li>Modelo: </li></ul><ul><ul><li>Duração de cada sessão: meio-dia (1h15m teoria, intervalo, 1h15m prática) </li></ul></ul><ul><ul><li>Responder a necessidades práticas </li></ul></ul><ul><ul><li>Reconhecimento institucional </li></ul></ul>
  • 10. Formação de base: Valências <ul><li>Comunicação : </li></ul><ul><ul><li>Comunicar com grupos de alunos de diversas dimensões; Comunicar em situações de (acompanhamento e) avaliação; Utilizar meios auxiliares na comunicação com os alunos [proposta do Dr. Manuel Firmino] </li></ul></ul><ul><li>Pedagógicas </li></ul><ul><li>E-learning </li></ul>
  • 11. Formação de base: Valências <ul><li>Comunicação </li></ul><ul><li>Pedagógicas : </li></ul><ul><ul><li>Planeamento de uma unidade curricular, Planeamento da avaliação, Bolonha a desafiar modos de aprender e ensinar </li></ul></ul><ul><li>E-learning </li></ul>
  • 12. Formação de base: Valências <ul><li>Comunicação </li></ul><ul><li>Pedagógicas </li></ul><ul><li>E-learning : </li></ul><ul><ul><li>Estruturação de conteúdos e formas de utilização, Conteúdos (inter)activos (excepto para a avaliação), Testes e outros recursos de avaliação </li></ul></ul>
  • 13. Em discussão <ul><li>É fundamental o envolvimento dos estudantes </li></ul><ul><li>Formas possíveis: </li></ul><ul><ul><li>Projectos de caracterização e melhoria do ensino e aprendizagem, e.g. validar o desenvolvimento de competências </li></ul></ul><ul><ul><li>Validação de ECTS </li></ul></ul>
  • 14. Em discussão: Validar o desenvolvimento de competências <ul><li>DL 107/2008: (…) as componentes de trabalho experimental ou de projecto (…) e a aquisição de competências transversais devem desempenhar um papel decisivo. </li></ul><ul><li>O raciocínio argumentativo inscreve-se no grupo dessas competências transversais ( Argumentar, precisa-se! É um projecto do LEA a desenvolver em 2009/10) </li></ul>
  • 15. Em discussão: Validar o desenvolvimento de competências <ul><li>Os estudantes são frequentemente convidados a </li></ul><ul><ul><li>Sustentar conclusões de processos experimentais </li></ul></ul><ul><ul><li>A escolher, argumentativamente, uma opção teórica ou técnica </li></ul></ul><ul><ul><li>A organizar projectos cujas linhas de intervenção precisam ser sustentadas </li></ul></ul>
  • 16. Em discussão: Validar o desenvolvimento de competências <ul><li>O projecto em discussão pretende </li></ul><ul><ul><li>Analisar documentalmente as fichas de unidade curricular do 1.º ciclo (FEUP e FPCEUP) para aferir a forma como endereçam aquela competência transversal </li></ul></ul><ul><ul><li>Estudar os padrões lógicos de raciocínio argumentativo usados numa selecção de trabalhos produzidos pelos estudantes </li></ul></ul>
  • 17. Em discussão: Validação de ECTS <ul><li>DL 107/2008: O relatório de concretização do Processo de Bolonha deve incluir informação sobre as mudanças operadas, designadamente em matéria pedagógica, no sentido de uma formação orientada para o desenvolvimento das competências dos estudantes, organizada com base no sistema europeu de transferência e acumulação de créditos (ECTS) </li></ul>
  • 18. Em discussão: Validação de ECTS <ul><li>A correspondência entre os ECTS de uma unidade curricular e o trabalho exigido aos estudantes influi no sucesso educativo e na concretização do Processo de Bolonha </li></ul><ul><li>A formação de docentes desempenha aqui um papel importante, mas o envolvimento dos estudantes é fundamental para quantificar essa correspondência </li></ul>
  • 19. Conclusão <ul><li>Os objectivos e plano de actividades do laboratório de ensino e aprendizagem FEUP / FPCEUP , não sendo apenas uma resposta aos desafios de Bolonha, constituem um importante passo para melhorar a pedagogia no ensino superior </li></ul><ul><li>O sentido de propriedade das reformas é essencial para o sucesso e tem que abranger docentes e estudantes </li></ul>
  • 20. Políticas e pedagogia no ensino superior: Desafios de Bolonha [FPCEUP :: 2009-05-13] Obrigado pela vossa atenção! Ana Mouraz, Rui Trindade (FPCEUP) J. Martins Ferreira (FEUP) Francisco de Goya [ Caprichos ]
  • Search
    Related Search
    We Need Your Support
    Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

    Thanks to everyone for your continued support.

    No, Thanks