Slides

Linha do Tempo: Brasil

Description
1. Linha do tempo: Brasil 2. Presidentes do Brasil 3. datas comentadas 4. 1492> Chegada de Colombo 1494> Tordesilhas 1500> Chegada dos Portugueses e tomada de…
Categories
Published
of 33
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
  • 1. Linha do tempo: Brasil
  • 2. Presidentes do Brasil
  • 3. datas comentadas
  • 4. 1492> Chegada de Colombo 1494> Tordesilhas 1500> Chegada dos Portugueses e tomada de posse 1500 – 1530> Período Pré-colonial 1530> Colonização Oficial
  • 5. 1530 – É instituído o regime de capitanias hereditárias por Dom João III. A expedição colonizadora de Martim Afonso chega ao Brasil. 1532 – Fundada a Vila de São Vicente, primeira vila do Brasil por Martim Afonso. 1534 - O Brasil é dividido em capitanias hereditárias. 1548 – Criado o governo-geral com o objetivo de centralizar a administração da Colônia. 1549 – A cidade de Salvador é fundada. é constituído o primeiro governo geral do Brasil com Tomé de Souza.
  • 6. 1808 – Chegada de D. João à Bahia, dando início ao PERÍODO JOANINO (1808/21). Carta-régia determina a abertura dos portos brasileiros “a todas as nações amigas”. Fim do “exclusivo” metropolitano e enfraquecimento do Pacto Colonial. Passagem do Brasil para a órbita direta do capitalismo industrial inglês, em substituição ao anacrônico colonialismo mercantilista português. – Alvará de Liberdade Industrial, revogando as proibições impostas por D. Maria I em 1785. Medida de pouco alcance prático, dada a falta de tecnologia e de capitais no Brasil. – Instalação da Imprensa Régia e publicação do primeiro jornal brasileiro. – Criação de escolas de Medicina (primeiros cursos superiores instalados no Brasil) no Rio de Janeiro e em Salvador. 1810 - Início da pressão inglesa para extinção do tráfico negreiro no Brasil. 1815 - Elevação do Brasil à categoria de Reino Unido ao de Portugal e Algarves.
  • 7. 1818 - O príncipe regente torna-se rei, com o título de Dom João VI. Criada a colônia suíça de Nova Friburgo, no Rio de Janeiro. 1820 - Chega ao Brasil a notícia da Revolução do Porto. 1821 – Fim do absolutismo no Brasil. D. João VI aceita submeter-se à autoridade das Cortes. Juntas Provisórias de Governo substituem os governadores das províncias (nova denominação das capitanias) nomeados pelo rei. – Por pressão das Cortes de Lisboa, D. João VI retorna a Portugal, deixando o príncipe-herdeiro D. Pedro como regente do Brasil. – As Cortes exigem o retorno de D. Pedro a Portugal. 1822 – Dia do Fico (9 de janeiro) - D. Pedro recusa-se a obedecer às Cortes e decide permanecer no Brasil. A partir daí, acelera-se o processo da Independência. 1822 – Dom Pedro proclama a independência do Brasil. (7 de setembro)
  • 8. 1822 – Aclamação do príncipe D. Pedro como imperador do Brasil, com o nome de D. Pedro I. 1823 – É instalada, a Assembléia Constituinte encarregada de elaborar a primeira Constituição do Brasil. 1824 – D. Pedro I outorga uma Constituição centralizadora: unitarismo (ausência de autonomia provincial), quadripartição de poderes (sendo o Poder Moderador privativo do monarca), voto censitário e subordinação da Igreja ao Estado. – Os Estados Unidos reconhecem a independência do Brasil. 1825 – Portugal e Grã-Bretanha (Inglaterra) reconhecem a independência do Brasil. 1826 - Brasil e Inglaterra constituem uma convenção sobre a extinção do tráfico negreiro. 1826 – Morre D. João VI. D. Pedro I é reconhecido como rei de Portugal (D. Pedro IV). 1828 – Chega ao fim a Guerra da Cisplatina entre Brasil e Argentina, resultando em um Tratado de paz onde ambos os países aceitam a independência da Província Cisplatina, com o nome de “República Oriental do Uruguai”. 1834 – Morre em Portugal D. Pedro I.
  • 9. 1835 - Início da Regência Una do padre Feijó. No Pará, deflagrada a Cabanagem; no Sul, a Revolução Farroupilha. Revolta dos Malês na Bahia. 1837 – Na Bahia, inicia a Sabinada (tentativa de separatismo temporário). 1840 - Dom Pedro de Alcântara tem antecipada sua maioridade e se torna o segundo Imperador do Brasil. 1848 – Tem início a Revolução Praieira. 1865 – Tem início a Guerra do Paraguai. 1870 - Fim da Guerra do Paraguai. 1873 - É fundado o Partido Republicano Paulista, na Convenção de Itu, em São Paulo. 1874 - Inicia a corrente imigratória italiana para o Brasil. 1889 – Chega ao fim o período do Império
  • 10. 1889 – Proclamação da República. Banimento da Família Imperial e formação de um Governo Provisório chefiado por Deodoro. – Primeiras medidas do novo governo: modificação da Bandeira Nacional, liberdade de cultos, separação entre Igreja e Estado, criação do Registro Civil e secularização dos cemitérios 1891 - Promulgada a primeira Constituição da República. Deodoro é eleito presidente da República pelo Congresso nacional e Floriano Peixoto vice. 1894 –Fim da República da Espada (1889/94) e início da República das Oligarquias (1894/1930). – Eleição do civil Prudente de Morais para a Presidência da República.
  • 11. 1930 – Inicia no Rio Grande do Sul e no nordeste a Revolução de 1930, dando fim à Primeira República (ou República das Oligarquias) e início da Era Vargas. 1932 - Novo Código Eleitoral estabelece o voto secreto e o direito das mulheres votarem e serem votadas. - Tem início a Revolução Constitucionalista de São Paulo: movimento armado com o objetivo de apressar a reconstitucionalização do País (tentativa da oligarquia paulista de retomar o poder). 1934 - É promulgada a segunda Constituição da República , que incorpora a legislação trabalhista e os recentes aperfeiçoamentos eleitorais; – Vargas é eleito indiretamente para a Presidência da República, com um mandato de quatro anos.
  • 12. ESTADO NOVO 1937 - Uma nova Constituição é imposta ao país. Golpe de Estado de Vargas, com apoio das Forças Armadas e da maior parte dos setores conservadores. Dissolução do Congresso Nacional e outorga de uma Constituição autoritária (a “Polaca”). 1944 - Participação da Força Expedicionária Brasileira (FEB), do Exército, e de um destacamento da Força Aérea na luta contra os alemães na Itália. 1945 - Vargas é deposto por um golpe militar. José Linhares, presidente do Supremo Tribunal Federal, assume interinamente a Presidência da República.
  • 13. 1950 - Eleições presidenciais. Vitória de Getúlio Vargas. 1954 - - Suicídio de Getúlio Vargas em 24 de agosto. 1954 - - Suicídio de Getúlio Vargas em 24 de agosto. “Sigo o destino que me é imposto. Depois de decênios de domínio e espoliação dos grupos econômicos e financeiros internacionais, fiz-me chefe de uma revolução e venci. Iniciei o trabalho de libertação e instaurei o regime de liberdade social. Tive de renunciar. Voltei ao governo nos braços do povo.”
  • 14. 1955 - Juscelino Kubitschek é eleito presidente da República. 1960 - Inauguração da cidade de Brasília.
  • 15. 1961 - O presidente Jânio Quadros toma posse em janeiro e renuncia em agosto. – Crise institucional. A cúpula das Forças Armadas se opõe à posse do vice João Goulart na Presidência. Solução de compromisso: Ato Adicional à Constituição de 1946, instituindo o sistema parlamentarista. – Posse de João Goulart (“Jango”).
  • 16. 1963- – Referendo restabelece o sistema presidencialista. – Jango propõe as “Reformas de Base” (agrária, bancária, administrativa, universitária e das Forças Armadas). 1964 - É deflagrado o golpe político-militar que afasta João Goulart (Jango). Ato Institucional suspende direitos políticos de centenas de pessoas.
  • 17. 1968 - Movimentos de oposição são reprimidos com violência. - O governo edita o Ato Institucional nº5, que concede ao presidente da República poderes excepcionais por tempo indeterminado.
  • 18. 1984 - O país se mobiliza, reivindicando eleições diretas. A Campanha “Diretas-Já” reúne multidões nas principais capitais do País; mas a emenda Dante de Oliveira, que as instituiria, é rejeitada no Congresso. 1985 - Em eleições indiretas para a Presidência da República o candidato da oposição Tancredo Neves é eleito o novo Presidente do Brasil, entretanto devido a problemas de saúde não assume e em 21 de abril, é anunciada a sua morte. Sarney assume em seu lugar.
  • 19. 1988 - Promulgada a oitava Constituição do Brasil. 1989 - Fernando Collor de Mello é o primeiro presidente eleito pelo voto direto desde 1960. 1992 - Fernando Collor renuncia à Presidência pouco antes de sofrer impeachment pelo Congresso, que o declara inelegível por oito anos. O vice-presidente, Itamar Franco, torna-se presidente efetivo.
  • 20. 1994 - Lançada uma nova moeda, o real. O ministro da Fazenda, Fernando Henrique Cardoso, candidata-se à Presidência da República e vence. 1998 - Fernando Henrique é reeleito e uma nova bancada no Congresso assume em 1999.
  • 21. 2000 - O país “comemora” os 500 anos do descobrimento.
  • 22. 2002 – Vitória do candidato de oposição Luís Inácio Lula da Silva (PT) à presidência da República. 2003 - O presidente Lula discursa na Assembléia Geral da ONU propondo a criação de um fundo mundial de combate à fome. 2007- Início do segundo mandato de Luís Inácio Lula da Silva.
  • 23. 2011 - Dilma Vana Rousseff, foi empossada a primeira mulher presidente da República do Brasil. 2014 - Dilma Vana Rousseff, foi reeleita presidente da República do Brasil.
  • We Need Your Support
    Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

    Thanks to everyone for your continued support.

    No, Thanks