Slides

O novo consumidor: digital

Description
1. O Novo Consumidor: Digital por Victor Hlebetz hlebetz@gmail.com 2. CONTEÚDO:1- O comportamento das pessoas antes e depois da Internet2- Como era a relação entre o…
Categories
Published
of 47
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
  • 1. O Novo Consumidor: Digital por Victor Hlebetz hlebetz@gmail.com
  • 2. CONTEÚDO:1- O comportamento das pessoas antes e depois da Internet2- Como era a relação entre o consumidor e as marcas antes daInternet3- Como é esta relação atualmente 3.1- Produção de conteúdo: Exemplos de revoltas de consumidores insatisfeitos 3.2- Produção de conteúdo: Exemplos de propagandas criadas pelos próprios usuários4- Panorama do(a) internauta brasileiro(a)5- Conclusões: Algumas coisas que precisamos entender paralidar com o consumidor digital
  • 3. back in the 90’s... Curtem Nirvana? O disco novo tá demais, já garanti o meu! Já? Nossa, preciso passar na loja de discos pra comprar também! Já assistiu Pulp Fiction? Não, mas vou ver no cinema amanhã! Ainda não consegui comprar o livro novo do Sidney Sheldon... indicação & compartilhamento de conteúdo busca pelas mídias de interesse status & formação de opinião
  • 4. nowadays... Curtem Strokes? Tô com o disco novo no meu iPod... Já vazou? Me passa o link depois por e-mail... ou Twitter Facebook... , Já assistiu A Rede Social? Fiz minha resenha lá no Filmow. Não, mas vou baixar quando chegar em casa. Preciso baixar o PDF do livro novo da Isabel Allende pro meu Kindle... indicação & compartilhamento de conteúdo busca pelas mídias de interesse status & formação de opinião
  • 5. Prosumer é um termo originado do inglês que provém da junçãode producer (produtor) + consumer (consumidor) ou professional(profissional) + consumer (consumidor).indica o novo papel do consumidor na sociedade pós-moderna.o consumidor atual é exigente e acaba forçando a indústria a produzir aquilo que ele quer comprar quebrando,portanto, o paradigma de que a indústria é que detém o poder da cadeia de suprimentos.este poder conquistado pelo público consumidor advém da alta competitividade dos mercados, sejam eles globaisou locais, e que a todo instante direcionam suas estratégias a fim de satisfazer o cliente e torná-lo cada vez maislucrativo ao longo do tempo.o autor pega carona num conceito anterior e amplamente difundido: a customização de produtos e serviços.
  • 6. . produção de conteúdo . vlogsblogs flogs resenhas de livros resenhas de hotéis
  • 7. . compartilhamento de conteúdo . Tumblr Twitter Stumble UponFacebook Digg
  • 8. Antigamente >>>
  • 9. ...o consumidor possuía umpapel passivo na propaganda.ele era impactado pela mensagem,analisava a mensageme decidia se era boa,ruim ou indiferente para ele.
  • 10. ...o consumidor possuía umpapel passivo na propaganda. ele comprava um produto ou pagava por um serviço e passava suas impressões para pessoas próximas (parentes e amigos) ou trocava experiências com elas.
  • 11. e era desta maneira que eleinfluenciava outros consumidores.
  • 12. Antigamente... MARCA, CAUSA, etc... MENSAGEM (produto, serviço etc...) SAC (telefone, carta...) IMPRESSÕES RUINS BOAS INDIFERENTES troca de IMPRESSÕES & EXPERIÊNCIAS PARENTES & AMIGOS
  • 13. Atualmente >>>
  • 14. ...o consumidor possui um papel extremamenteimportante para o sucesso ou fracasso de umproduto, um serviço e até mesmo de uma marca. hoje, ele é impactado pela mensagem, analisa a mensagem, pode buscar por opiniões e experiências em diversos canais na Internet e somente então decidir se é boa, ruim ou indiferente para ele. ele agora compra um produto ou paga por um serviço e publica suas impressões e experiências na Internet que podem repercutir internacionalmente.
  • 15. e é desta maneira queele tem o poder deinfluenciarconsumidoresem todo o mundo.
  • 16. Atualmente... MARCA, CAUSA, etc... MENSAGEM (produto, serviço etc...) SAC (telefone, e-mail, redes sociais etc...) busca por EXPERIÊNCIAS de TERCEIROS FEEDBACK IMPRESSÕES RUINS BOAS INDIFERENTES #FAIL! #WIN! PL TE ANE RR TA A
  • 17. e se há 20 anos um músico tivesse seuinstrumento danificado por umacompanhia aérea? bastaria reclamar?
  • 18. . UNITED BREAKS GUITARS . (postado no dia 06.07.2009) http://youtu.be/5YGc4zOqozo até o dia 04.04.2011: 10,220,948 visualizações 49,025 likes; 962 dislikes
  • 19. . UNITED BREAKS GUITARS . (postado no dia 06.07.2009) até o dia 04.04.2011: 10,220,948 visualizações 49,025 likes; 962 dislikes
  • 20. e se sua geladeira começar a dar problemae a fabricante não lhe ajudar a solucioná-lo?
  • 21. . (postado no dia 20.01.2011) . BRASTEMP http://youtu.be/riOvEe0wqUQaté o dia 04.04.2011:754,814 visualizações8,629 likes; 65 dislikes
  • 22. . (postado no dia 20.01.2011) . BRASTEMPaté o dia 04.04.2011:754,814 visualizações8,629 likes; 65 dislikes
  • 23. é muito mais fácil um consumidor semobilizar para fazer uma reclamaçãodo que para fazer um elogio,exprimir gratidão... afinal, o mínimo que se espera é que o produto adquirido ou o serviço prestado seja condizente ao valor pago (ou ao tempo despendido)
  • 24. . expresso minha indignação em tweets .
  • 25. mas o que acontece quando um consumidoré extremamente engajado com uma marcaou se mostra extremamente satisfeito comum produto ou serviço?
  • 26. . expresso minha satisfação em “tweets”! .
  • 27. . expresso minha satisfação em “tweets”! .
  • 28. . expresso minha satisfação em “likes”! .
  • 29. . PLAYSTATION . http://youtu.be/KJbdq_mGNzw
  • 30. ra mapano a) do( uta i rna (a) nte eiro bra sil
  • 31. {a maioria dos brasileirosacha que a vidamelhoroucom a popularização da Internet FONTES: Censo 2010 Ibope Net Ratings
  • 32. FONTES: Censo 2010Ibope Net Ratings
  • 33. 17% enviam conteúdo para meios decomunicação tradicionais FONTES: Censo 2010 Ibope Net Ratings
  • 34. FONTES: Censo 2010Ibope Net Ratings
  • 35. FONTES: Censo 2010Ibope Net Ratings
  • 36. FONTES: Censo 2010Ibope Net Ratings
  • 37. Segundo pesquisa* da TNS Research >>> - Maioria das entrevistadas brasileiras (92%)  costuma enviar e receber emails enquanto assiste TV. Desse total, 83% afirmam buscar informações online após assistir a um comercial que consideram interessante.* A pesquisa foi realizada durante o ano de 2010 em 46países, incluindo o Brasil, junto a cerca de 50 mil usuários daweb de 16 a 60 anos .
  • 38. Segundo pesquisa* da TNS Research >>> - Entre os produtos que elas mais compram na web destacam-se: . cosméticos (30%) . roupas (26%) . calçados (21%) . perfumes (24%) . produtos de higiene e de cuidados para bebês (12%).* A pesquisa foi realizada durante o ano de 2010 em 46países, incluindo o Brasil, junto a cerca de 50 mil usuários daweb de 16 a 60 anos .
  • 39. Segundo pesquisa* da TNS Research >>> As mulheres são  mais propensas do que os homens a aceitar a intervenção de marcas em sites de relacionamento social como Orkut, Facebook e Twitter .  Apenas uma pequena parcela das entrevistadas (8%) considera as ações das marcas nas redes sociais intrusivas ou invasivas,  enquanto que, entre o público masculino, esse índice chega a 19%.* A pesquisa foi realizada durante o ano de 2010 em 46países, incluindo o Brasil, junto a cerca de 50 mil usuários daweb de 16 a 60 anos .
  • 40. Quem é e o que faz na Internet a mulher dona-de-casa da classe C, de 25 a 49 anos? * * A pesquisa foi realizada durante 11 dias corridos (16 a 27 de dezembro de 2009), com 50 donas-de-casa com Internet em domicílio, de 25 a 49 anos, residentes em São Paulo e com renda familiar de até 10 salários mínimos, ou seja, nível sócio-econômico C. - 40% passam mais de duas horas por dia conectadas; - 83% se conectam todos os dias; - 86% participam de alguma rede social; - 23% já criaram ao menos uma comunidade; - 33% consideram a Internet um passatempo melhor do que a televisão; - 78% se sentem mais globalizadas na Web; - 15% chegam a se sentir mais inteligentes;FONTE: Predicta e Multifocus - 26% declaram se sentir totalmente seguras em fazer compras online.
  • 41. Brasil lidera em Internet móvel na América Latina.21 milhões de aparelhos possuem acesso a tecnologia 3G. (to be continued...) FONTE: FONTE: IAB Brasil Frost & Sullivan
  • 42. algumas coisas que precisamos entender para lidar com oconsumidor digital:
  • 43. Não existe mais o conceito de“vida real” e “vida virtual”. tô aqui! tô fazendo isso, galera! “kd vc? olha só como tb tô aqui!” tá isso!
  • 44. Agora o consumidor é:( ) seu aliado ( ) seu concorrente O consumidor atual está munido das mesmas ferramentas que sua empresa para dizer coisas que nem sempre você gostará de ouvir ver ou ler , .
  • 45. VExperiência Impacto. “Quando as agências digitais descobriram a capacidade de engagement das peças interativas, do encantamento pela interação, começaram a dizer que não criavam “mensagens” mas “experiências”. Experiência é um termo interessante. Sobretudo se for comparado com “impacto”. Uma experiência é algo profundo, envolvente e memorável. Um impacto é fugaz, efêmero e ruidoso.” (Daniel Solana, Barcelona Virtual)“Você costumava usar seu dinheiro para comprar audiência.Agora você tem que inventar ideias para atrair a audiência.” (Lisa Seward, Mod Communications)
  • 46. O consumidor atual é...FIM... por motivos óbvios!MEIO... por ajudar na divulgação (ou na difamação)de um produto ou serviço!INÍCIO... por ser um betatester ou até mesmosugerir um novo produto!
  • 47. #Obrigado! por Victor Hlebetz hlebetz@gmail.com
  • We Need Your Support
    Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

    Thanks to everyone for your continued support.

    No, Thanks