Graphic Art

REGIÃO SE PREPARA PARA O CARNAVAL PDF

Description
Gazeta Microrregional Edição de fevereiro de Ano 01 - Distribuição Gratuita Paraisópolis, Cachoeira de Minas, Conceição dos Ouros, Consolação, Santa Rita do Sapucaí, São Bento do Sapucaí,
Categories
Published
of 12
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
Gazeta Microrregional Edição de fevereiro de Ano 01 - Distribuição Gratuita Paraisópolis, Cachoeira de Minas, Conceição dos Ouros, Consolação, Santa Rita do Sapucaí, São Bento do Sapucaí, Sapucaí Mirim e Gonçalves. REGIÃO SE PREPARA PARA O CARNAVAL 2014 REGIÃO: Os tamborins se aquecem, as fantasias já começam a aparecer. A região já está pronta para o Carnval Desfile de blocos, escolas de samba, shows. São inúmeras as atrações programadas em sete cidades da região. Confira a programação de cada uma delas. 04 e 05 MG-173 Mais um acidente para as estatísticas. PÁG. 05 GONÇALVES Município comemora 51 anos PARAÍSO Cadernos da educação vem com hino errado AISLAN FERREIRA PODE FALTAR... A cidade de Gonçalves comemora, no dia 1º, 51 anos de emancipação política. Diversas atividades cívicas se juntam ao Carnaval, já que as datas coincidiram. Uma grande festa está sendo organizada. 06 e 07 Os cadernos destribuídos pela Secretaria de Educação vieram com um erro de impressão: faltou constar o nome do autor do hino da cidade. Ao todo foram mais de sete mil cadernos entregues aos alunos. 08 A Prefeitura de Paraisópolis decretou estado de emergência durante o Carnaval, por medo de faltar água no município durante os cinco dias de folia. Fontes de abastecimento, como a Represa do Machadão (foto), estão no limite. 10 SÃO BENTO Corte de árvores gera comoção na cidade. PÁG. 09 02 OPINIÃO Edição 25-27/02/2014 Gazeta Microrregional Expediente Jornal Gazeta Microrregional Redação: Avenida Tiradentes, 250, Centro, Cambuí/MG, CEP Telefone: (35) Comercial: Diretor geral: Gerson Benedito de Oliveira Reportagens: Jornalista Responsável: Luis Cesar da Fonseca (Mtb JP-MG) Diagramação: Marcos Maciel. As matérias assinadas são de responsabilidade de seus autores e não representam, necessariamente, a opnião deste veículo de comunicação. As publicidades veiculadas são de responsabilidade das empresas anunciantes. Representante comercial: José Astrogildo (35) Circulação quinzenal / Impressão: PousoGraf - Pouso Alegre/MG - Telefone: (35) Área de abrangência do jornal: Cachoeira de Minas, Conceição dos Ouros, Paraisópolis, Consolação, Gonçalves, Santa Rita do Sapucaí, Sapucaí Mirim e São Bento do Sapucaí. Nota à população Venho por meio desta informar sobre um erro cometido na edição microrregional do jornal Gazeta do Vale: Na matéria sobre ao transporte das escolas veiculada no jornal, citei que pessoas presentes à reunião na Secretaria de Educação, no dia sete de fevereiro, afirmaram que a escola Monsenhor Sebastião José Vieira seria inferior a escola Municipal Bueno de Paiva. Fato este que não é comprovado pela nota obtida na 'Prova Brasil' e também pela matriz curricular das escolas, que é elaborada em conjunto. Porém, a pedido de outro vereador, venho comunicar que o autor da crítica foi o vereador José Mendes (Barbela), com a concordância de algumas mães presentes. No texto a palavra vereadores aparece no plural, porém a fala é de responsabilidade do citado vereador. Algumas pessoas presentes, entre mães e outros vereadores, apenas concordaram, mas como estava sendo discutida também a estrutura física da escola, a concordância poderia ser com a possibilidade se realizar melhorias físicas no prédio e não relacionado com o pedagógico e administrativo. COLUNA CUMÉ QUIÉ? Os erros têm importância tremenda na nossa vida. Errar é uma forma de aprendizagem. Mas nossos políticos inacreditavelmente tem nos mostrado ao contrário ao dar andamento no congresso para uma lei que legitima a DITADURA no nosso país. Oi? Foi isso mesmo que eu disse? Respondendo a mim mesmo: sim! Após a morte estúpida do cinegrafista da Band, o senado voltou a dar andamento para a Projeto de Lei do Senado 499, a chamada lei antiterrorismo, que dá direito ao Estado de prender por até 30 anos qualquer suspeito que lhe caiba no seu interesse, diminuindo assim o poder dos movimentos sociais, ou seja, do povo. Espera, vamos com calma! Primeiro a história: em 1968, sob as rédeas da ditadura militar, foi baixado pelo então presidente Costa e Silva o Ato Institucional nº5, o famoso AI-5 que suspendeu os direitos políticos dos cidadãos brasileiros, abrindo portas para que atrocidades como a tortura fosse praticada. O inciso III do artigo 5º do AI-5 declarou a proibição de atividades ou manifestações sobre assuntos de natureza política. A partir daí, o exército estava autorizado a descer o cacete, prender e silenciar (lê-se matar) quem quer que fosse que contradissesse o governo. Reivindicar a liberdade e igualdade ou qualquer outro direito nas ruas era crime. Essa foi a fórmula fétida e asquerosa que o governo encontrou para destruir sonhos e calar o povo. Mais de 40 anos depois, imbuídos pelo espírito do pão e circo que a Copa de 2014 e as Olimpíadas de 2016 trouxeram ao Brasil, nossos políticos (escolhidos por meio de um movimento social chamado voto) estão estudando a possibilidade de aprovar um projeto de lei (PLS 499) em caráter urgente, ou seja, sem precisar passar pelas comissões, que tipificará crimes já OLÊ OLÊ OLÁ, A DITADURA VEM AÍ! existentes (homicídio, depredação de bem público, sequestro, formação de quadrilha etc) em terrorismo. Este projeto diz que é terrorismo provocar ou infundir pânico generalizado mediante ofensa ou tentativa de ofensa à vida, à integridade física ou à saúde ou à privação de liberdade de pessoa. Nota-se, preocupantemente, o tom vago desse texto que dá margem para o governo ser ainda mais autoritário e repressivo (mais do que já foi nas manifestações de junho de 2013), prendendo de acordo com seu interesse qualquer manifestante. É exatamente o que a ditadura militar fazia antigamente. Esse projeto de lei é uma tentativa desesperada do Estado que não sabe o que fazer com o crescimento rápido das movimentações sociais para silenciar as vozes do povo nas ruas. Um Estado que ao invés de dialogar com os movimentos, os reprimem. Um Estado que ao invés de rever sua política social, cria mecanismos de controles sociais repressores e autoritários. Um Estado incompetente e corrupto que não compreende as reais necessidades de um país, que abre prisões e fecha escolas, que constrói estádios e abandona os hospitais, que cultua o turista estrangeiro e esquece o morador de rua e que não quer ouvir as manifestações populares que clamam por igualdade. Nossos políticos estão perto de serem os novos ditadores do Brasil e a polícia se transformará no que o exército fora em épocas de golpe militar. Se não sairmos novamente às ruas para impedir esse projeto da mesma forma que saímos ano passado, nossas chances de mudar o país serão reduzidas a quase zero. E quando isso acontecer, a população vai começar a entender a ação dos Black Blocs. Ditadura novamente? To fora! Alfredo Paiva Gazeta Microrregional Edição 25-27/02/2014 CIDADES 03 04 ESPECIAL CARNAVAL Edição 25-27/02/2014 Gazeta Microrregional Kaxu Folia Em Cachoeira de Minas a folia começa no dia 28 de fevereiro e vai até cinco de março. Na sexta-feira, o desfile de blocos começa Quem quiser cair na folia na terra do polvilho irá encontrar a Charanga do Gege, desfiles de blocos, foliões e premiações, com Tradição, no sábado, a noite será marcada por um por mais de 20 blocos nas ruas da cidade. No domingo, bloco da Tia Cida e bloco das crianças Sambalelê. Segunda, Viva a Ouros Carnaval Dj s Andrekaue e Rodrigo, shows e matinês. No dia 28 de fevereiro, o carnaval começa com a banda Tempero baiano. No sábado, a banda Axé Movimento segue animando o carnaval. Vida com todos os blocos. Sábado, domingo e segunda, show com Juliana Campo, à patir de 00h na Praça da bandeira. Todas as noites, batuque com Pé de cana. Domingo banda Patukerê sobe ao palco. Na segunda, a folia fica por conta da banda Nossowing e para finalizar, na terça-feira, banda Oxi fecha o carnaval de Conceição dos Ouros. Carnaval no Paraíso Quem quiser curtir um carnaval diversificado, opte por Paraispopolis. Na sexta-feira, a noite começa com som mecânico e depois quem comanda a festa é a banda Look 7. No sábado, matinê na praça Cel José Vieira, ás 15h. Às 20h, desfile das escolas de samba. Logo mais ás 21h, som com DJ Eliezer Fun e em seguida o palco é da banda KebraKexo. Domingo, tem mais matinê para a criançada ás 15h. A noite, DJ LeeSergico até a Ediana Maskaro subir ao palco. A segunda, segue quase na mesma sequencia, só que o palco fica com a Banda Look 7 novamente. Na terça, matinê ás 15h, logo mais a noite DJ LeeSergico e Ediana volta a comandar o carnaval de Paraisópolis. Desfiles marcarão Carnaval em Santa Rita Da redação O Carnaval em Santa Rita do Sapucaí sempre foi marcado pelo desfile das escolas de samba e blocos carnavalescos. Neste ano não será diferente. Porém, além da tradicional festa, outros eventos ocorrem paralelamente, como o Bloco do Urso, que comemora 15 anos em No Museu Histórico Delfim Moreira ocorre, desde a segunda-feira, uma série de exposições sobre a história do Carnaval na cidade, com exposições de fotos e filmes antigos. Na segunda, 24, ocorreu um bate-papo, contanto a trajetória da festa na cidade. O museu estará aberto a partir das 8h. Já sobre a festa, nesta sexta-feira, 28, às 21h, haverá a Bateria das Escolas de Samba e Ensaio Técnico da Escola de Samba Império do Valle. Já no sábado, 1, a partir das 21h, haverá a entrega da chave da cidade ao Rei Momo. Em seguida acontece o desfile do Rei Momo, Rainha e Princesa do Carnaval Início oficial do Carnaval com a apresentação da Lira Santa Rita. No domingo, 2, às 21h30, haverá o desfile da Escola de Samba Império do Valle, com o tema A História do Samba. Já na segunda, 3, às 14h haverá a concentração do Bloco das Piranhas. Às 15h, o bloco sai às ruas juntamente com o Bloco da Linguiça. Às 20h30, o Bloco Vermelho e Preto se apresenta, seguido pelo Bloco Ride Palhaço 80 anos. O fechamento do Carnaval, na terça-feira, 4, contará com a apresentação do Bloco Majestade da Alegria e Rei Momo. Urso 15 anos - O evento que acontece na Cidade do Urso reunirá diversas atrações: no sábado, 1, tem Latino e Jeito Moleque; no domingo, 2, Fernando e Sorocaba e Michel Teló; segunda, 3, DJ Marlboro, Thiaguinho e A Zorra; na terça, 4, Juliana Campos e Monobloco. Gazeta Microrregional Tem Folia na Montanha Vem com a gente brinar o carnaval em Sapuaí-Mirim. Aqui a fesa começa na sexta-feira, om bateria e Zé Pereia ás 20h e logo depois s 23h, a animação é gaantida comtathi banda how. No sábado, ás 14h, São Bento do Sapuaí aposta nas marchihas carnavalescas e no loco do Zé Pereira com onecos gigantes. Para brir caminho, o grito e carnaval aconteceu á no dia 22 de fevereio com desfile do bloco Zóio Gordo e Trinca o aneco no clube dos 30. A programação segue o dia primeiro de maro, a festa começa com o Arrastão Maracatu Baque São Bento e desfile do bloco Cangibrina. No domingo, desfile do bloco Rota da Peruca loka e Eleve sua vida. Logo mais, escola de samba Mocidade Independente. Segunda-feira, dia três, faça sua inscrição para o concurso de pereirinhas e fantasias na Praça Monsenhor Pedro. A noite, desfile do bloco RRRAAAAÁ e a decisão do concurso. Para fechar o carnaval, desfile do bloco Resistence Mask Sapubeleza matinê da alegria, 20h desfile do bloco Sapubeleza e para fechar a noite, show com Kryptomania banda show. Domingo, micareta da espuma ás 14h, desfile do bloco das bichas ás 20h e Elétrica banda show ás 23h. Segunda, a micareta da espuma continua ás 14h, ás Edição 25-27/02/2014 logo ás 11h. Zé Pereira e companhia saem ás ruas todos os dias das 19h ás 22h. O passeio acontece desde o dia oito de fevereiro. Nos dias dois, três e quatro, matinê com a Lira da Folia na Praça Monsenhor Pedro das 14:30h ás 17h. A noite, de primeiro a quatro de março, a partir das 22h no palco principal, marhinhas e sambas de enredo comandados pela Lira da Folia e DJ Alex Andrade. 20h desfile do Zé Pereira e a noite fica por conta da banda Saint Poul. Na terça e último dia, a tarde começa com matinê da alegria ás 14h, ás 20h o Zé Pereira ganha as ruas novamente e pra terminar mais um ano de carnaval, show com a banda Wwing bum, ás 23h. CIDADES 05 MG 173 soma 12 acidentes em pouco mais de um ano No dia 14 de fevereiro, mais um acidente automotivo entrou para as estatísticas do Corpo de Bombeiros de Paraisópolis. A colisão envolvendo três veículos, sendo um caminhão, um Gol e um Prisma, aconteceu por volta das 23h30 próximo à Fazenda da Santa. Cinco pessoas estavam nos veículos. Somente esse ano, dois acidentes ocorreram no mesmo percurso, sem vítimas fatais. Já no ano passado foram 10, entre o bairro Ribeirão Vermelho e o trevo de acesso à cidade, com vítmas fatais. O condutor do caminhão informou que seguia sentido Paraisópolis/Gonçalves quando o Gol invadiu a contramão, não sendo possível evitar a batida lateral. O condutor do Prisma afirma que seguia na traseira do caminhão, quando também foi surpreendido pelo Gol. O motorista do Gol, por sua vez, deu uma versão contrária para a polícia. Um dos passageiros também afirma que o caminhão teria descido a pista invadindo a contramão e batido no veículo que ocupavam, jogando-os na pista contrária. Em seguida, o Prisma também colidiu. Uma testemunha disse que o Corpo de Bombeiros optou por retirar a vítma que estava no banco de trás por último, por ser considerado menos grave. Porém, após análise médica, seu caso foi apontado como o mais grave. De acordo com a PM, o condutor do Gol apresentava sinais de embriaguez e assumiu ter ingerido cerveja, tequila e vodka. Ao realizar o teste do bafômetro, o resultando foi de 0,54 mg/l de alcool por litro de ar expelido pelos pulmões. Diante do fato, foi dada voz de prisão ao motorista, que teve a CNH apreendida e foi encaminhado à delegacia. Ele foi liberado mediante pagamento de fiança alguns dias depois. O Gol foi levado por um guincho e os demais liberados aos condutores. As vítimas foram socorridas pelo Corpo de Bombeiros e encaminhadas para o Hospital Frei Caetano. A ocorrência foi atendida pela Polícia Rodoviária na altura do km 40. 06 ANIVERSÁRIO DE GONÇALVES Edição 25-27/02/2014 Gazeta Microrregional Gonçalvenses pulam carnaval e o Asilo São Vicente agradece Para quem não conhece o já tradicional bloco carnavalesco de Gonçalves Elbadá festeja pelo quarto ano. Distantes da agitação dasgrandes cidades, o que essa turma quer mesmo é brincar o carnaval à moda antiga. Já são mais de 100 foliões que tomarão as ruas na segunda-feira de carnaval. O objetivo inicial era homenagear a professora aposentada Elba Ferrari, hoje com 80 anos e que trocou São Paulo por Minas há mais de 15 anos. Ao som das marchinhas carnavalescas, o bloco além se divertir reverte sua arrecadação para o Asilo São Vicente de Paulo, em Paraisópolis. Para participar é cobrado o valor de R$ 60,00. Para quem quiser patrocinar, o valor é de R$ 200,00, tem direito a um Elbadá, e ao nome na faixa durante o desfile. Até o momento já são 12 patrocinadores. Carla Beschizza, engenheira, subiu a serra de Santos, onde nasceu e vive em Gonçalves. Ela participa do bloco desde o primeiro ano e denomina a festa como carnaval social: a gente pula o carnaval com as marchinhas de antigamente, e ainda ajudamos o Asilo. Tem gente que inclusive paga e nem participa, conta ela. A saída do grupo será ás 18h do Porto do Céu- Resbotar. O Bloco Elbadá já é tradicional na cidade. Além de transmitir muita diversão e alegria, também ajuda as entidades carentes Gonçalves está duplamente em festa A cidade de Gonçalves festeja o Carnaval e o aniversário de 51 anos de emancipação político-administrativo. A programação de aniversário foi dividida em cívica, cultural e esportiva. Para começar no dia 28 de fevereiro, momento cívico às 8h na praça da matriz. Às 21h, show com Jair Rodrigues e às 23h começa o esquenta para o Carnaval com a banda Juninho e Gilmar. No dia 1º de março, missa em ação de Graças da igreja Matriz. Os eventos esportivos começaram no dia nove de fevereiro com a abertura do campeonato municipal, no estádio Sebastião Luiz de Souza. No dia 22, 2º Copa Marcha do núcleo de criadores de cavalo Mangalarga Marchador. Para finalizar no dia nove de março, Veloterra no Recanto da Paz, às 9h. Para quem espera ansiosamente o carnaval, a Prefeitura escolheu uma programação diferenciada para cada tipo de público. O sábado já começa animado com o Futbicha Solidário. A concentração será no clube recreativo às 13h seguindo para o estádio municipal às 15h. A entrada é R$2,00 e será revertida em ações sociais. No domingo, a Matinê espumante das 14h às 18h. Na segunda-feira, roda de pagode com o grupo Curti & Samba a partir das 15h. Às 18h, desfile do bloco Elbadá e às 23h, desfile das bichas. Inscrições no portal de 12h às 20h. Vagas limitadas. Terça-feira, matinê com desfile de fantasias infantil. Todas as noites, show com a banda Phaser às 23h e DJ Tuco. Gazeta Microrregional Edição 25-27/02/2014 Gonçalves e sua história ANIVERSÁRIO DE GONÇALVES 07 Da redação* Muito antes de a hisória acontecer nas terras ue hoje conhecemos por onçalves, nascia em Porugal Policarpo Teixeira de ndrade de Queiroz, em 6 de janeiro de 1808, na idade de Advire. Criado elo seu tio Joaquim José de ueiroz, adquiriu uma boa ormação em letras e maipulação de fórmulas. Aos ezessete anos, interessao nas riquezas de Minas erais, foi para São João Del ei, em busca de ouro, foruna e tudo que ouviu dizer obre a Colônia. Quando Policarpo cheou ao Brasil em 1825, deiando para traz a tradição e sua família, encontrou s reservas de ouro em esassez. Mudou-se para Vila ova de Itajubá, em 1834, e asou-se em 1837 com Feizarda Thomazia de Amaal. Felizarda era filha naural do Padre Lourenço a Costa Moreira, o primeio vigário dessa freguesia e um de seus fundadores. Em 1841, Policarpo mudou-se para Silveiras numa fazenda que comprou com o dinheiro que economizou durante anos, somado com o da herança de sua esposa. De casa nova, Policarpo criou seis filhos: Luiz, Francisco, José Policarpo, Felizarda, Joaquim e o caçula Policarpo Júnior, que herdaram de seu pai a mesma herança de Portugal. Policarpo não educou apenas filhos, educou líderes comunitários que mais tarde fundariam um partido liberal em Pouso Alegre. Nos anos de 1873 a 1877, Policarpo Júnior presidiu o partido e fundou o jornal liberalista O Mineiro, juntamente com seus irmãos Joaquim e Luiz. O partido se extinguiu quando Policarpo Júnior adoeceu e foi se tratar em Penha do Rio Peixe (hoje Itapira). Durante sua recuperação, Policarpo Júnior fez e cumpriu uma promessa a Nossa Senhora das Dores; doou seis alqueires de terra da Fazenda Rio Manso, situada na divisa entre Minas e São Paulo, para construção de uma capela. Em 1878 a capela já estava construída de sapé e taipa, foi transferida em 1897, por sentença judicial, para as margens do rio Sapucaí, local da atual matriz. Sua transferência se deu, pois houve discórdia entre os primeiros moradores e herdeiros da fazenda. Residiam no local, onde a capela foi construída, três colonos mestiços e solteiros, denominados Mariana Gonçalves, Maria Gonçalves e Antônio Gonçalves, que não deixaram herdeiros, mas legaram seus nomes a capela conhecida popularmente como Capela das Dores dos Gonçalves. O pequeno povoado, que se formava entre serras, tinha pessoas empenhadas para o seu desenvolvimento, um deles era o Capitão Antônio Carlos, que junto a Bueno de Paiva, elevou Gonçalves a Distrito da Paz, trouxe a Agência dos Correios e o Cartório de Registro Civil, além de lavrar em ata a fundação da Lira Nossa Senhora das Dores, em O povo de Gonçalves então passou a contar com instrução musical, que divulgou o lugar, atraindo novos moradores. O distrito começava a crescer formando os primeiros estabelecimentos comerciais. A construção Gonçalves festeja aniversário No dia primeiro de março, a Pérola da Mantiqueira ultrapassa a marca dos 50 anos. Será agora uma senhora com 51 anos de história e belezas naturais. Subindo a serra, ainda ao longe, quem visita Gonçalves vê meio escon- do alicerce da atual Igreja Matriz foi iniciada em 1920, por
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks