Documents

2014 - Cultura Organizacional e Sua Influencia No Comportamento Dos Colaboradores

Description
Cultura Organizacional
Categories
Published
of 13
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
   ASSOCIAÇÃO DE EDUCAÇÃO E CULTURA DE GOIÁS - AECG FACULDADE PADRÃO GOIANIA DEPARATAMENTO DE GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO 1 Goiânia/2014 CULTURA ORGANIZACIONAL E SUA INFLUÊNCIA NO COMPORTAMENTO DOS COLABORADORES 1 . Káritta Borges Ferreira* Vital Henrique Barbosa Costa** RESUMO O presente artigo busca discutir e analisar as características da cultura organizacional e sua influência sobre o comportamento dos colaboradores, verificando os seus aspectos e sua flexibilidade diante das mudanças do contexto em que ela está inserida, e a importância da gestão no processo de aplicação da mudança para acompanhar a modernização e competitividade no mercado alinhada às seus aspectos de planejamento, organização, direção e controle e o uso de uma comunicação flexível, simples e aberta para a assimilação dos novo objetivos, sem que haja a perda da identidade e alcance das suas metas. Palavras-chave: Cultura. Organizacional. Influência. Comportamento. Relação. Colaboradores. INTRODUÇAO 1   A cultura organizacional começou a ser observada desde as sociedades primitivas, que apresentavam grupos modos de vida diferentes em cada região. A 1    Artigo apresentado como um dos requisitos para obtenção do título de graduação em Administração, sob a orientação do professor orientador Vital Henrique Barbosa Costa, conforme a folha de aprovação em anexo. * Káritta Borges Ferreira graduanda em Administração e-mail karitta-adm@hotmail.com.  **Vital Henrique Barbosa Costa   ASSOCIAÇÃO DE EDUCAÇÃO E CULTURA DE GOIÁS - AECG FACULDADE PADRÃO GOIANIA DEPARATAMENTO DE GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO 2 Goiânia/2014 cultura atualmente vem sendo muito estudada e discutida pela sua influência no ambiente organizacional e interferindo na tomada de decisões.  A cultura representa é um sistema de normas e valores estabelecidos por uma organização, que devem ser adotados por todos os seus membros para direcionar o trabalho par que seus resultados sejam conforme o esperado. Essas normas e valores são passadas de gerações antigas para gerações mais novas. A cultura vai se formando ao longo dos anos e sua formação sofre grande influência da visão, experiência e maneira que seu formadores aprenderam à fazer as coisas. Essas regras devem ser adotadas por todos os colaboradores e passam a direcionar as atitudes e ações dos colaboradores. A cultura representa a maneira como a organização realiza seus negócios, trata seus clientes, fornecedores, colaboradores e a sociedade.  Atualmente as organizações enfrentam vários desafios. As inovações surgem rapidamente tornando a mudança inevitável exigindo uma posição da gestão, a aplicação do processo de mudança não acontece do dia para a noite, e precisa estar alinhada com as ações da organização e ser bem definida, e adaptada a cada situação, essa mudança é difícil de ser administrada principalmente quando se possui uma cultura rígida. Diante da realidade encontrada esse artigo foi desenvolvido no sentido de analisar as características da cultura, sua contribuição para o desempenho das atividades, sua necessidade de mudança, ou seja, mostrar qual a sua influência no ambiente organizacional. DESENVOLVIMENTO  A cultura organizacional começa ser observada desde as sociedades primitivas que se caracterizavam por seu modelo de vida distintos em cada região. Nos últimos anos estudos realizados apontam que a cultura organizacional vem se tornando um objeto de estudo, por exercer forte influência no ambiente organizacional, interferindo na tomada de decisões e comportamento dos colaboradores.   ASSOCIAÇÃO DE EDUCAÇÃO E CULTURA DE GOIÁS - AECG FACULDADE PADRÃO GOIANIA DEPARATAMENTO DE GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO 3 Goiânia/2014 De acordo com Morgan:  A palavra cultura surgiu metaforicamente da ideia de cultivo, do processo de lavrar e de desenvolver a terra. Ao falar-se de cultura, refere-se tipicamente ao padrão de desenvolvimento refletido nos sistemas sociais de conhecimento, ideologia, valores, leis e rituais quotidianos. A palavra é também habitualmente usada para fazer referências ao grau de refinamento evidente em tais sistemas de crenças e práticas. Ambos os usos derivam das observações do século XIX, a respeito das sociedades “primitivas” ao transmitir a ideia de que diferentes sociedades manifestam diferentes níveis e padrões de desenvolvimento social. (1996, p.115 e 116) O conceito de cultura assim foi criado para representar, em sentido abrangente as características de qualquer grupo humano específico que passem para gerações posteriores. O conceito de cultura utilizado atualmente é usado para designar que diferentes grupos de pessoas apresentam diferentes estilos de vida.  Assim como essas características particulares de cada grupo de pessoas verificadas desde as sociedades primitivas, as organizações também apresentam características próprias. Segundo Robbins, Judge e Sobral (2010) “a cultura organizacional é um sistema de valores compartilhados que existem em uma organização e que a torna diferente das demais”, cada organização possui um conjunto de normas e valores a ser seguido que são assimilados e transmitidos que a torna diferente das demais, cada qual com sua maneira própria de realizar as tarefas, fazer seus negócios, atender seus clientes, fornecedores, colaboradores. Essa cultura formada tem sua principal fonte de formação nos seus fundadores que influenciam com seus valores, visão, experiência adquirida e maneira como aprenderam a fazer as coisas. Segundo Vecchio (2008) Os fundadores de uma organização, estruturam o alicerce para a criação de sua cultura. Sua visão e seus valores desempenham um papel de extrema importância na formação de normas e valores no interior da organização, essas normas e valores vão sendo criado a partir da fundação da organização e se baseia na maneira como a organização aprendeu a desenvolver suas atividades e suas experiências . Essa cultura vai se constituindo ao longo dos anos com base nos valores, visões e experiências vivenciadas pelos fundadores que vão sendo   ASSOCIAÇÃO DE EDUCAÇÃO E CULTURA DE GOIÁS - AECG FACULDADE PADRÃO GOIANIA DEPARATAMENTO DE GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO 4 Goiânia/2014 transmitidos das gerações mais velhas para as gerações para as gerações mais novas, com validade tanto para os novos funcionários quanto para os mais antigos. Para Chiavenato (2004) a melhor maneira de se conhecer uma organização é conhecendo sua cultura. A cultura assegura o sentimento de lealdade, delimita a fronteira, o compromisso e os princípios de comportamento pré- estabelecidas pela organização, passando portanto a condicionar na maneira de realizar as coisas, suas atitudes e ações nas variadas atividades que devem estar de acordo com a cultura organizacional. A cultura conduz a organização na direção dos objetivos, determinado os comportamentos e ações, fixando as metas e resultados a ser alcançados.  A cultura representa um iceberg onde apenas uma parte dela está visível se tornando facilmente percebidas como suas políticas, sua estrutura organizacional e tecnologia aplicada, enquanto a outra parte fica oculta e difícil percepção para quem está do lado de fora como os aspectos informais, envolvimento, condutas, convívio e normas grupais esses mais difíceis de interpretar e passar por mudanças. A cultura que permite às pessoas ver e compreender os eventos, ações, objetos, expressões e situações particulares de maneiras distintas. Esses padrões de compreensão também oferecem as bases que tornam o comportamento de alguém sensível e significativo. Segundo Lacombe e Heilborn: Os administradores usam a cultura, explicitamente, por meio de credos, políticas e normas de procedimento, ou implicitamente, por meio de práticas e decisões, como recurso para definir: a forma estratégica de negócio é executada; a natureza de conduta com os regimes públicos externos: clientes, órgãos governamentais, comunidades, meios de comunicação, acionistas, consultores especializados, prestadores de serviços; que tipos de pessoas serão admitidas na organização e como elas devem ser desenvolvidas; o critérios que determinam o que é desempenho bem-sucedido e quem deve ser promovido; quem progride na organização; os tipos de comportamento que são desencorajados e que conduzem à censura, ao rebaixamento, ou à admissão; os tipos apropriados de relações interpessoais, isto é , cooperação u competição, individualismo ou colegiados que estabelecem o “ clima” no local de trabalho  e estilo de administração.( 2003, p. 356)
Search
Tags
Related Search
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks
SAVE OUR EARTH

We need your sign to support Project to invent "SMART AND CONTROLLABLE REFLECTIVE BALLOONS" to cover the Sun and Save Our Earth.

More details...

Sign Now!

We are very appreciated for your Prompt Action!

x