Documents

Como Calcular e Preencher Os Mapas Dos Anexos III a VI Da NR 04

Description
Como calcular e preencher os mapas dos anexos III, IV, V e VI da NR 4 Neste aritgo mostramos a partir de um exemplo prático, com planilhas em excel e exemplos da entrega do documento, como fazer o correto preenchimento dos quadros III, IV, V e VI da NR-4. Os mesmos devem ser entregues até o dia 31/01 do ano subsequente ao ano de exercício, conforme o subitem 4.12, alínia i da NR-4, como transcrito abaixo: 4.12. Compete aos profissionais integrantes dos Serviços Especializados em Engenharia de Se
Categories
Published
of 7
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
  Como calcular e preencher os mapas dos anexos III, IV, V e VI da NR 4 Neste aritgo mostramos a partir de um exemplo prático, com planilhas em excel eexemplos da entrega do documento, como fazer o correto preenchimento dos quadrosIII, IV, V e VI da NR-4. Os mesmos devem ser entregues até o dia 31/01 do anosubsequente ao ano de exercício, conforme o subitem 4.12 , alínia i  da NR-4, comotranscrito abaixo: 4.12. Compete aos profissionais integrantes dos Serviços Especializados emEngenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho:  i) registrar mensalmente os dados atualizados de acidentes do trabalho, doençasocupacionais e agentes de insalubridade, preenchendo, no mínimo, os quesitosdescritos nos modelos de mapas constantes nos Quadros III, IV, V e VI, devendo aempresa encaminhar um mapa contendo avaliação anual dos mesmos dados àSecretaria de Segurança e Medicina do Trabalho até o dia 31 de janeiro, através doórgão regional do MTb;  Os cálculos serão baseados sobre 300 dias úteis de trabalho anual, tornando-ouniversal para os cálculos de todo e qualquer ano. Também para o caso dosestabelecimentos que não registrem semanalmente os dados em quadros estatísticosda CIPA. Conforme o grau de risco da atividade principal e o número de empregados, as empresas privadas e públicasdevem manter os serviços especializados (SESMT) com a finalidade de proteger a integridade dotrabalhador no local de trabalho, conforme Quadro II da NR-4. Recomenda-se que os quadros III, IV, V e VItenham o cabeçalho com o logotipo e identificação da empresa com a razão social e endereço completo. Exemplo prático  O estabelecimento tem jornada de 7,333 horas por dia de trabalho registrada durante o ano (44 horassemanais divididos em 6 dias da semana). Utilizar acidentes somente ocorridos no estabelecimento,excluindo-se os acidentes de trajeto). Para ter uma maior precisão nos dados, você pode fazer o cálculo de HHT (Hora Homens Trabalhadas) conforme seu controle de ponto. Escritório      Total anual de 5 acidentes      3 acidentes sem afastamento      1 acidente com 13 dias perdidos      1 acidente com 17 dias perdidos      15 empregados (média aritmética anual)      30.248,62 HHT (Horas-Homen Trabalhadas)   Oficina      Total anual de 11 acidentes      7 acidentes sem afastamento      1 acidente com 10 dias perdidos      1 acidente com 18 dias perdidos      1 acidente com 44 dias perdidos      1 acidente com 60 dias perdidos       1 caso de doença ocupacional causada por poeiras (pneumoconiose)      150 empregados (média aritmética anual)      302.486,25 HHT (Horas-Homem Trabalhadas)   Total do estabelicimento  Utilizar o somatório dos setores escritório e oficina e efetuar os cálculos.      10 acidentes sem afastamento      6 acidentes com afastamento      15 + 150 = 165 empregados (média aritmética anual)      332.734,87 HHT (Horas-Homem Trabalhadas)   OBS: HHT=HERHER (Horas de Exposição ao Risco) Norma NB-18 da ABNT Nota : computar inclusive horas extras trabalhadas Importante : caso o estabelecimento não registre mensalmente os dados emquadros estatísticos da CIPA, obter o total anual das Horas-Homem Trabalhadas, doseguinte modo: HHT =165 x 7,333 (*) x 300 (**) x 11/12(***) = 332.734,87   (*) 7,333= 44 horas semanais / 6 dias da semana(**) 300 dias úteis trabalhados. De ano para ano, os dias oscilam de 300 a 309 diasúteis trabalhados. Caso desejar mais precisão é necessário calcular os dias úteis doano(***) 11/12 representa um mês de gozo de férias de cada empregado  Prenchimento do quadro IIISetores - Relacionar todos os setores do registro mensal do quadro estatístico daCIPA, e entre parênteses colocar o número da média aritmética do ano dosempregados de cada setor e o total de estabelecimento. Exemplo: Escritório (15),Oficina (150) e total do estabelecimento (165).Observação: A soma dos setores deve ser igual ao total do estabelecimento.Nota: Os números entre parênteses de cada setor e do total do estabelecimnento,será utilizado nos cálculos da 6ª coluna do quadro III. Número Absoluto - Números dos acidentes com e sem afastamento (excluídos os detrajeto).Exemplo: escritório 5, oficina 11 e total do estabelecimento 16. Número Absoluto com Afastamento <= 15 dias - Número dos acidentes comafastamentos do funcionário menores ou igual a 15 dias de afastamentoCálculo:Escritório = 1Oficina = 1  Total = 2 Número Absoluto com Afastamento > 15 dias - Número de acidentes comafastamento do funcionário maiores do que 15 dias de afastamentoExemplo: escritório 1, oficina 3 e total do estabelecimento 4.OBS: Acidente com afastamento é no mínimo a ausência do funcionário por pelomenos uma jornada de trabalho. Número Absoluto Sem Afastamento - Número de acidentes que o funcionárioretorna ao serviço no mesmo dia ou no dia seguinte ao afastamento.Exemplo: escritório 3, oficina 7 e total do estabelecimento 10.OBS: Acidente sem afastamento é a perda parcial da jornada de trabalho Índice Relativo/Total de Empregados - Divisão do número absoluto de acidentespelo número da média aritmética do ano de empregados e multiplicado por 100. Estecálculo mostra quantos porcentos dos funcionários do setor e da empresa sofreramacidentes.Fórmula: IR/TE = ( Número absoluto de acidentes / Número de empregados) x 100Cálculo:Escritório: (5 / 15) x 100 = 33,33Oficina: (11 / l50) x 100 = 7,33Total do estabelecimento: (16 / 165) x 100 = 9,69 Dias/Homens Perdidos - É o total anual das horas efetivamente não trabalhadaspelos empregados acidentados e dividido pela jornada normal diária de trabalho daempresa.Fórmula: D/HP = (Total anual das horas não trabalhadas dos empregadosacidentados / Número de horas da jornada diária de trabalho na empresa )Cálculo:Escritório: ((13+17) x 7,333) / 7,333 = 30Oficina: ((10+18+44+60) x 7,333 ) / 7,333 =132Ttotal do estabelecimento: ((13+17+10+18+44+60)) x 7,333) / 7,333 =162OBS: Dias perdidos é o número de dias que o empregado acidentado fica afastado nomês em que ocorreu o acidente. Dias transportados é o número de dias que oacidentado fica afastado no mês ou meses subseqüentes ao que ocorreu o acidente.Dias debitados é a redução da capacidade parcial ou total permanente para o trabalho(ver quadro da IAIABC- International Association of Industrial Accident Board andComission e consta na NR-5, CIPA, da Portaria nº 3.214/78, Quadro 1-A e NB-18 daABNT. Taxa de Freqüência - Número de acidentes com afastamento vezes um milhão edividido pelo total das Horas-Homem Trabalhadas do ano. Estabelecido pelaInternational Association of Industrial Accident Board and Comission (IAIABC), econstana Portaria nº 3.214, de 08/06/78.Fórmula: TF = (Nº de acidenles com afastamento / HHT ) x 1.000.000  Cálculo:Escritório = ( 2 / 30.248,62 ) x 1.000.000 = 66,11Oficina = ( 4 / 302.486,25 ) x 1.000.000 = 13,22Total = ( 6 / 332.734,87 ) x 1.000.000 = 18,03 Óbitos - Número de mortes decorrentes de acidentesCálculo:Escritório = 0Oficina = 0Total = 0 Índice de Avaliação da Gravidade - Divisão do valor já calculado da coluna deDias/Homens Perdidos (2) e dividido pelo número de acidentes com afastamento   Fórmula: IAG = ( Dias/Homens Perdidos (2) / Número de acidentes com afastamento)Cálculo:Escritório = 30/2 = 15Oficina = 132/4 = 33Total = 162/6 = 27   Quadro III - Acidentes com Vitima   Responsavél: Assinatura:   Data:   Setores   NºAbsoluto   NºAbsolutocomafastamento<= 15dias   NºAbsolutocomafastamento> 15 dias   NºAbsolutosemafastamento   Índicerelativo /total deempregados(1)   Dias /HomemPerdidos   Taxa defrequência   Óbitos   Índicedeavaliação dagravidade   Escritório   5   1   1   3   33,33   30   66,11   0   15   Oficina   11   1   3   7   7,33   132   13,22   0   33   Total   16   2   4   10   9,69   162   18,03   0   27   Prenchimento do quadro IVTipo de Doença - Especificar o tipo de denominação da doença ocupacional ocorridano setor ou setores.Preenchimento:Oficina = Pneumoconiose.   Número Absoluto de Casos - Número de empregados acometidos pela doençaocupacionalPreenchimento:1 (setor oficina)

Plano Inclinado

Aug 18, 2017
Search
Tags
Related Search
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks
SAVE OUR EARTH

We need your sign to support Project to invent "SMART AND CONTROLLABLE REFLECTIVE BALLOONS" to cover the Sun and Save Our Earth.

More details...

Sign Now!

We are very appreciated for your Prompt Action!

x