Documents

O brincar na Educação Infantil

Description
O brincar na Educação Infantil Resumo A intenção deste artigo é sensibilizar os professores de educação infantil e do ensino fundamental das séries iniciais do importante papel que os jogos, as brincadeiras e os brinquedos exercem no desenvolvimento da criança. Para isso se faz necessário saber o significado do brincar, conceituar os principais termos utilizados para designar o ato de brincar, tornando-se também fundamental analisar o papel do educador neste processo lúdico, e ainda, os benefíci
Categories
Published
of 23
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
  O brincar na Educação Infantil  Resumo A intenção deste artigo é sensibilizar os professores de educação infantil e doensino fundamental das séries iniciais do importante papel que os jogos, asbrincadeiras e os brinquedos exercem no desenvolvimento da criança. Para issose faz necessário saber o significado do brincar, conceituar os principais termosutilizados para designar o ato de brincar, tornando-se também fundamental analisar o papel do educador neste processo lúdico, e ainda, os benefícios que obrincar proporciona. Faremos também algumas considerações importantessobre os jogos e brinquedos. Desta forma, espera-se oferecer uma leitura maisconsciente acerca da importância do brincar na vida do ser humano, e emespecial na vida da criança. Palavras chave: brincar; educação infantil; criança; escola. Marcos Teodorico Pinheiro de Almeida * 1. Introdução: o brincar e a criança O brincar é uma necessidade básica e um direito de todos. O brincar é umaexperiência humana, rica e complexa. (ALMEIDA, M. T. P, 2000)Gostaria de começar o artigo lembrando ao educador sobre os reais objetivosda Educação Infantil. Estes objetivos devem ser pensados a longo prazo e dentrode uma perspectiva do desenvolvimento da criança. Os objetivos serão divididoscom relação a três pontos. I.   Em relação aos professores: gostaríamos que as crianças desenvolvessem suaautonomia através de relacionamentos seguros no qual o poder do adulto sejareduzido o máximo possível. II. Em relação aos companheiros: gostaríamos que as crianças desenvolvessemsua habilidade de descentrar e coordenar diferentes pontos de vista.  III. Em relação ao aprendizado: gostaríamos que as crianças fossem alertas,curiosas, criticas e confiantes na sua capacidade de imaginar coisas e dizer oque realmente pensam. Gostaríamos também que elas tivessem iniciativa,elaborassem idéias, perguntas e problemas interessantes e relacionassem ascoisas umas às outras. (KAMII, 1991, p. 15.)Vamos também iniciar o artigo fazendo uma pergunta: O que as criançasprecisam para serem felizes?  A criança para ser feliz precisa de muita coisa, mas, em especial ela precisa de:Sabemos que o brincar é um direito da criança como apresentam diversosdocumentos internacionais:Declaração universal dos direitos da criança - ONU (20/11/1959) ... A criança deve ter todas as possibilidades de entregar-se aos jogos e àsatividades recreativas, que devem ser orientadas para os fins visados pelaeducação; a sociedade e os poderes públicos devem esforçar-se por favorecer ogozo deste direito . (Declaração universal dos direitos da criança, 1959)Associação internacional pelo direito da criança brincar - IPA 1979 (Malta),1982 (Viena), 1989 (Barcelona)  Os princípios norteadores da Associação Internacional pelo Direito da CriançaBrincar - IPA são: Saúde Brincar é essencial para saúde física e mental das crianças. Educação Brincar faz parte do processo da formação educativa do ser humano. Bem estar - ação social  O brincar é fundamental para a vida familiar e comunitária. Lazer no tempo livre A criança precisa de tempo para brincar em seu tempo de lazer. Planejamento As necessidades da criança devem ter prioridade no planejamento doequipamento social.  Diante do exposto percebe-se que nem sempre a teoria pode ser aplicada naprática, afinal vivemos em um país que não tem dado aos pequenos a devidaimportância, principalmente no que se refere ao direito de brincar. Nuncadevemos esquecer que o brincar é uma necessidade básica e um direito de todos.O brincar é uma experiência humana, rica e complexa. Se o brincar é um direitodevemos ter, estimular e cobrar políticas públicas dirigidas em quatro eixosbásicos: I. Criação de espaços lúdicos estruturados para jogos, brinquedos ebrincadeiras; II. Organização sistemática de ações de formação lúdica de recursos humanosem diferentes níveis; III. Campanhas formativas e informativas sobre a importância do brincar; IV. Criação de centros de pesquisa, de documentação e assessoria sobre jogos,brinquedos e brincadeiras e outros materiais lúdicos.Gostaria de encerrar com a seguinte reflexão: o brincar tem contido nele osmais diferentes elementos e valores que são suas virtudes e os seus pecados.Virtudes, porque na essência, eles são constituídos de princípios generosos quepermitem a revitalização permanente. Pecados porque o brincar pode ser também manipulado e desviado para as mais diferentes finalidades ou objetivos,podendo comprometer a verdade.Um outro documento de grande relevância foi o estudo introdutório doreferencial curricular nacional para a educação infantil no eixo do brincar econhecido como Parâmetros Curriculares Nacionais - PCN's. Este documentofoi criado no ano de 1998 em Brasilia por educadores especialistas no assunto.Elencaremos abaixo alguns pontos apresentados neste estudo:
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks
SAVE OUR EARTH

We need your sign to support Project to invent "SMART AND CONTROLLABLE REFLECTIVE BALLOONS" to cover the Sun and Save Our Earth.

More details...

Sign Now!

We are very appreciated for your Prompt Action!

x