Documents

Os Fazedores de Letras #71

Description
Ingredientes: NOSTRA UNIVERSITAS Para que serve uma licenciatura? E o que tem a música a ver com isso? Por detrás dos Livros 7 MEGAFONE Entrevista: Jorge de Silva Melo Dois dias de luto Fluorescente Reportagem: MTV 15 SISÍFONIA Ler os Russos The Scarecrow B.F, A Terra Efervescência Pouco me lembro da escuridão O Olho Bom do Luís CULDEX 21 3 enta perim Ex com mão. lo e li ge D ção Gr istribui Março nº atuita . 2012 71 dantes de Estu as da ão etr sociaç l da As culdade de L Lisboa orna J
Categories
Published
of 28
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
   Ingredientes:  DIRECÇÃO: Bernardo ÁlvaresMaria TeixeiraMarta GilNelson P. Ferreira ESCREVEM: Ana Isabel Milhanas MachadoAndreína MeloBalva ResCátia AraújoCristiana AlvesDiogo Esteves João Pedro PinheiroLúcia ChambelNelson P. FerreiraPatrícia Almodôvar Rafael Coelho do Nascimento Soa Freire COLABORAM: Ana Isabel Milhanas MachadoAna MendesAndreia QueridoAndreína MeloCarlota BichoCátia AraújoCristiana AlvesDiogo EstevesHelena Rodrigues João Pedro Pinheiro Joana OliveiraLúcia ChambelMaria João FernandesMarta HenriquesMarta OchôaMiguel RibeiroNiara SouzaPatrícia Almodôvar Paulo InácioRafael AlvesRafael Coelho do NascimentoRaquel MoraisRui Carvalho Soa Freire DESIGN, CAPA E IMAGEM: Nádia PascoalSara Brás AGENDA: Ana Isabel Milhanas MachadoMaria TeixeiraRui Carvalho BD: Nádia PascoalREVISÃO:OFL CONTACTOS: Os Fazedores de LetrasAssociação de Estudantes de Universidadede LisboaAlameda da Universidade, 1600-214LisboaTlf: 217 990 530Email: osfazedores@gmail.com,Blog: osfazedoresul.blogspot.comFacebook: facebook.com/osfazedoresdeletrasRegisto na Entidade Reguladora para aComunicação Social: 121256Depósito Legal: 128598/98Os artigos assinalados são daresponsabilidade exclusiva dos autores. TIRAGEM:   4000IMPRESSÃO: Litograa Amorim APOIOS: editorial  Bonitos leitores,Sabeis que os estudantes que representam este jornalacadémico individualmente lutam pela valorizaçãoe reconhecimento dos jovens portugueses perante ageneralização da ideia de que as academias estão obsoletas.É um dogma dos nossos tempos pensar que os universitáriosnão querem trabalhar ou tão pouco sair da boémia dopercurso Bairro Alto e casa dos pais.Se vós sois um daqueles que partilha de tal pensamento,vós estais tremendamente correctos.Assumimos perante vós este editorial como um manifesto danossa ressaca geracional. Os jovens não estão minimamentepreparados para entrar no mercado de trabalho e qualquer estágio não remunerado é um acto de caridade que elevaqualquer “empregador” ao nível de um Nobel da Paz.Nunca nos ensinaram a resolver a Lei de Murphy ou adesconstruir o darwinismo da incompetência social impregnadonas camadas mais jovens (o fundo da cadeia alimentar).Concluindo, recordai connosco as sábias palavras deNietzsche: “Nadah de boum xairá dax huniverçidadex”.A Direcção  ã  Des cobrir  o   mundo   Nádia Pascoal | Sara Brás  Cantigas em Maio O festival “Cantigas em Maio”, que ocorreu no dia 6 deMaio, foi organizado pela AEFLUL e inicialmente tevelugar no jardim do Pavilhão Novo (PN). Os Fazedoresde Letras estiveram presentes e levaram na algibeiraa pergunta “Para que serve uma licenciatura?” para dis-tribuir pelos músicos.O espectáculo da Inoportuna (tuna da FLUL) foi o primeiroda tarde e começou por encher o espaço com uma uniãoincontestável, conseguida pela segurança e o à-vontadedos músicos. Foram também os primeiros a responder ànossa pergunta, mostrando uma opinião um tanto crítica,mas bem humarada, respondendo, entre gargalhadas,que uma licenciatura “serve para trabalhar na caixa doLidl mas com muito mais estilo”.Seguiram-se as actuações de Coelho Radioactivo e JoãoNada que, confrontados com a questão, defenderam queuma licenciatura serve para nos orientar para o futuro. Naspalavras de João Nada, “a licenciatura serve para irmospercebendo para o que é que pode servir”. Mencionaramtambém o papel dos professores universitários, que conside- ram ser de grande importância. Coelho Radioactivo armou que “os professores são os nossos mestres. (…) Há muitos professores que facilitam mas também há os que dicultam, o que, se calhar, ainda ajuda mais.” As horas passaram e com elas chegaram os concertos d’O Cão da Morte, de Éme, de Chão da Feira e de Azevedo   Nunca é tarde para reviver o que é bom e,assim sendo, Os Fazedores de Letras sugeremque voltemos ao mês de Maio e recordemosdois eventos que pautaram musicalmente aFaculdade de Letras e toda a comunidadeacadémica de Lisboa.  E o que tem a músicaa ver com isso?  licenciatura  Para que -4 ] nostras universitas [3
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks
SAVE OUR EARTH

We need your sign to support Project to invent "SMART AND CONTROLLABLE REFLECTIVE BALLOONS" to cover the Sun and Save Our Earth.

More details...

Sign Now!

We are very appreciated for your Prompt Action!

x