Documents

Sete Linhas de Umbanda.docx

Description
Sete Linhas de Umbanda – Estudo Histórico Se é preciso que eu tenha um nome, Me chame de Caboclo das Sete Encruzilhadas, Porque não haverão caminhos fechados para mim! Com estas palavras, no dia 15 de Novembro de 1908, se apresentou a entidade que, por meio de Zélio de Moraes, fundaria a Umbanda no Brasil. Desde então o número sete tem sido fundamental para entender a religião, de tal maneira que surge uma classificação, chamada de Sete Linhas de Umbanda, onde se acomodam Orixás, Santos, Anjos
Categories
Published
of 17
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
  Sete Linhas de Umbanda – Estudo Histórico   Se é preciso que eu tenha um nome,Me chame de Caboclo das Sete Encruzilhadas,Porque não haverão caminhos fechados para mim!  Com estas palavras, no dia 15 de Novembro de 19!, se apresentou a entidade ue, por meio de #$lio de %oraes, &undaria a Umbanda no 'rasil( )esde ent*o o n+mero sete tem sido &undamental para entender a relii*o, de tal maneira ue sure uma classi-ca.*o, chamada de Sete Linhas de Umbanda, onde se acomodam /ri0s, Santos, 2n3os 2rcan3os e Entidades Espirituais, relacionando4se com cores, pedras, ervas, dias da semana, notas musicais e o ue mais puder arupar nesta escala( Sete Linhas de Umbanda 3 &oi um tema muito polmico, pois cada autor umbandista apresentava sua vis*o particular sobre uais e 6 uantas7 seriam estas linhas( 2luns &oram inspirados e oriinais em suas vers8es, outros simplesmente adaptaram novos elementos ao ue 3 e0istia sobre o assunto( odemos di:er ue a oriem das Sete Linhas de Umbanda est em )eus, noSetenrio Sarado ou Coroa )ivina( No entanto $ do interesse de todos nós, umbandistas, um resate cultural e histórico desta uest*o 6Sete Linhas de Umbanda7( #$lio n*o dei0ou nada escrito, mas, teve -lhos e disc;pulos, se posso assim di:er, ue &alaram e &alam sobre a &orma como entendia as Sete Linhas de Umbanda(   / primeiro livro de Umbanda, ue se tem noticia, publicado em 19<<, chama4se / Espiritismo, a %aia e as Sete Linhas de Umbanda( Escrito por Leal de Sou:a, m$dium preparado por #$lio de %oraes, nos apresenta as Sete Linhas de Umbanda desta &orma= 1> Linha de /0al – ?esus – branco@> Linha de /un – S*o ?ore – vermelho<> Linha de Eu0oce – S*o Sebasti*o – verdeA> Linha de Ban – S*o ?eronDmo – ro0o5> Linha de Nh4San – Santa 'rbara 4 amarela> Linha de 2man3ar – N( S( da Concei.*o – a:ulF> Linha de Santo Na e0plica.*o de Leal de Sou:a, a Linha 'ranca de Umbanda $ ue se dividenestas Sete Linhas e ue al$m da Linha 'ranca h a Linha Nera &ormada pelos E0us e ue $ tratada a parte( 2 S$tima Linha $ &ormada por esp;ritos eressos da Linha Nera e ue trabalham principalmente no campo da demanda, de cortar trabalhos de %aia Nera( Em conversa com )ona LDia Cunha, Gilha de )ona #ilm$ia de %oraes Cunha, neta de #$lio de %oraes e atual diriente da enda Esp;rita Nossa Senhora da iedade, nos a-rmou ue as Sete Linhas de Umbanda, seundo o Caboclo das Sete Encru:ilhadas e #$lio de %oraes, s*o= 1(/0al – 'ranco@(/um 4 Iermelho<(/0ossi 4 IerdeA(Ban – %arrom ou Jo0o5(Keman3 – 2:ul Claro(ans* 4 2mareloF(E0u 4 reto/ ue se apro0ima muito da leitura de Leal de Sou:a, na ual se inverte a posi.*o de ans* e Keman3, de-nindo a Linha de Santo aora como a Linha de E0u(   Em 19A1 se reali:ou o 6rimeiro Conresso 'rasileiro do Espiritismo de Umbanda7, onde &oi apresentado um trabalho com o titulo=6NJ/)UM/ 2/ ESU)/ )2 LNH2 'J2NC2 )E U%'2N)276%emória apresentada pela Cabana de ai hom$ do Senhor do 'om-m, na sess*o do @ de /utubro de 19A1, pelo seu )eleado Sr( ?osu$ %endes(7Neste trabalho $ apresentado um es uema da seuinte &orma= 62 LNH2 'J2NC2 )E U%'2N)2 E 2 SU2 HEJ2JOU27 6/s F ontos da Linha 'ranca de Umbanda7 1P Qrau de inicia.*o, ou se3a o 1P onto – 2L%2S@P Qrau de inicia.*o, ou se3a o @P onto – B2NQR<P Qrau de inicia.*o, ou se3a o <P onto – /QU%AP Qrau de inicia.*o, ou se3a o AP onto – NHSS2N5P Qrau de inicia.*o, ou se3a o 5P onto – EUB/CEP Qrau de inicia.*o, ou se3a o P onto – KE%2N?FP Qrau de inicia.*o, ou se3a o FP onto – /B2L S*o as mesmas Sete Linhas de Umbanda ue aparece na obra de Leal de Sou:a, apenas em posi.8es di&erentes( ai Jonaldo Linares, ue tamb$m conviveu com #$lio de %oraes, apresenta as Sete Linhas de Umbanda, &undamentado nos ensinamentos ue recebeu do 6ai da Umbanda7( E a-rma ue 6#$lio de %oraes esclareceu ue destas  endas oriinrias da enda Nossa Senhora da iedade deveriam nascer as Sete Linhas de Umbanda e ue seriam representadas por sete cores(7T1 2 saber= 62 primeira linha $ caracteri:ada pela cor amarelo ouro bem clarinho e ue seria a cor da enda de Santa 'rbara( / /ri0 correspondente $ NH2M(((762 seunda linha $ caracteri:ada pela cor rosa, correspondente a enda Cosme e )ami*o((( / /ri0 correspondente $ 'E?(((762 terceira linha $ caracteri:ada pela cor a:ul( Com vrios Santos Católicos sincreti:ados com ela, a saber= Nossa Senhora da Qlória, Nossa Senhora da Concei.*o, Nossa Senhora dos Naveantes e Nossa Senhora da Quia( / /ri0 ue corresponde $ E%2N?(((7  62 uarta linha $ caracteri:ada pela cor verde, representando a enda S*o Sebasti*o((( / /ri0 correspondente $ /B/SSE(((762 uinta linha $ caracteri:ada pela cor vermelho, representando a enda S*o ?ore( / ori0 correspondente $ /QU%(762 se0ta linha $ caracteri:ada pela cor marrom, representando a enda S*o  ?ernimo( Seu /ri0 correspondente $ B2NQR(((762 s$tima linha $ caracteri:ada pela cor violeta ou ro0o, corresponde a  enda de SanV2na((( / /ri0 correspondente $ N2N(((7 6Ginalmente temos a cor nera, corresponde a enda de S*o L:aro WNas alavras de Jonaldo LinaresX( Y a ausncia da cor e da lu: da vida( #$lio de %oraes e0plica ue as cores branco e preto n*o &a:em parte das sete linhas,pois o branco ue $ a presen.a da lu:, e0iste em todas elas e o nero, ue $ 3ustamente a ausncia da lu:, est 3ustamente na ausncia delas((( / Santo Católico S*o L:aro $ sincreti:ado com o /ri0 2'2LU2Z ou /%ULU((( Este /ri0 $ conhecido ainda pelos nomes de B22N, 2/[, e '2'2L\( 7 6/ /ri0 maior da Umbanda $ /B2L((( o Che&e para o ual converem todas as linhas, assim per&eitamente identi-cado na invoca.*o com ?esus Cristo(7 ai Jonaldo Linares, pessoalmente, me &alou 3 por diversas ve:es ue em conversa com #$lio de %oraes sobre as Sete Linhas de Umbanda, este teria lhe a-rmado ue ninu$m havia entendido o ue s*o estas Sete Linhas( E para de-ni4las a-rmou ue as mesmas podem ser entendidas em analoia com uma lu: branca ue ao passar por um prisma se decomp8e em sete cores do outro lado( / ue em nossa limitada vis*o se amolda per&eitamente na id$ia de ue Sete Linhas S*o Sete Iibra.8es da Lu: )ivina ue se adapta ou se amolda as concep.8es mais variadas a cerca de nomese &ormas de compreende4las] se3a por meio de Cores, 2n3os, Santos, /ri0s ou ronos de )eus( Louren.o 'raa, em 19A@, publica o t;tulo 6U%'2N)2 Wmaia brancaX e OU%'2N)2 Wmaia neraX7 , apresentando pela primeira ve: mais sete subdivis8es para cada uma das linha( S*o Sete Linhas e uarenta e nove Lei8es( Nas primeiras pinas ele esclarece=6rabalho apresentado no 1^ Conresso 'rasileiro de Espiritismo, denominado Lei de Umbanda, reali:ado nesta cidade do Jio de ?aneiro, entre 1! e @ de outubro de 19A176nstado e au0iliado pelos uias espirituais, merc de deus, resolvi escrever o presente livro sobre a Lei de Umbanda 4 W%aia 'rancaX – e sobre a Lei de Ouimbanda – W%aia NeraX(7
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks
SAVE OUR EARTH

We need your sign to support Project to invent "SMART AND CONTROLLABLE REFLECTIVE BALLOONS" to cover the Sun and Save Our Earth.

More details...

Sign Now!

We are very appreciated for your Prompt Action!

x