Documents

A Merkabah

Description
A MERKABAH Por Virgil Armstrong Merkabah é uma energia que, segundo nosso entendimento, não tem dono e não pode ser qualificada. Podemos tentar qualificá-la, assim como alguns o fizeram com a Geometria Sagrada, mas só podemos fazêlo em relação a generalidades, uma vez que se trata de energia e de substância etérica do Deus Criador. Seu propósito aparente é observar as criações divinas e avaliar para o Criador se aquela consciência específica atingiu o nível prescrito, em quantidade e espécie,
Categories
Published
of 51
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
  A MERKABAH  Por Virgil Armstrong  Merkabah é uma energia que, segundo nosso entendimento, não tem dono e não pode ser qualificada.Podemos tentar qualificá-la, assim como alguns o fizeram com a Geometria Sagrada, mas só podemos fazê-lo em relação a generalidades, uma vez que se trata de energia e de substância etérica do Deus Criador. Seupropósito aparente é observar as criações divinas e avaliar para o Criador se aquela consciência específicaatingiu o nível prescrito, em quantidade e espécie, que lhe permita ascender a um nível mais elevado deconsciência ou dimensão.O que é a Merkabah, em sua consistência? Significativamente ela é constituída pelas inteligênciascombinadas dos 24 Anciãos, aos quais podemos nos referir como os Deuses das Mudanças , assim comonove dos Deuses das Mudanças fazem parte do Conselho Crístico. Esses 24 Anciãos não devem serconfundidos com os 24 Anciãos que estão à Mão Direita do Criador e que, por direito, são deuses criadorese podem comandar (assim como o faz o Único Criador) legiões de universos, mas que preferem serviraltruisticamente às necessidades do existente Mega-Criador. A Merkabah é destinada a avaliar as formasdistintas de consciência e inteligência e, periodicamente, facilitar sua integração ao nível imediatamentesuperior de consciência, quando for apropriado e aceitável. Este é um processo contínuo em todo osuniversos, permitindo ao Criador resgatar o que foi criado e que possa ter-se perdido temporariamente. AMerkabah, conforme declarado em vários livros recentemente publicados, pode ser comparada à utilizaçãoda Geometria Sagrada, e apesar de seus resultados serem aparentemente exatos e compensadores, envolveum procedimento e uma disciplina muito complicados para as pessoas comuns; portanto, seu objetivo eeficácia podem ser limitados. Presumindo-se que assim seja, o seguinte texto servirá para simplificar oassunto.Como declarado anteriormente, Merkabah é uma energia sagrada, formada e controlada por uma inteligênciasuperior para identificar em qualquer dimensão aqueles elementos de consciência que já estão prontos para aascensão. Acredita-se que este processo de ascensão é baseado numa razão de proporção que provavelmenteatinge os 33,33%, ou um terço da população atual da Terra. Pesquisas sobre referências a este fenômeno,registradas pelos antigos em seus escritos e memórias, parecem confirmar este percentual e também indicarque, a menos que um terço de qualquer população planetária tenha atingido o prescrito estado deconsciência, assim tornando-se qualificada para ascensão, a Merkabah não será ativada.A Merkabah é constituída de através de energias exclusivas e pré-determinadas que se movimentam emrotações opostas ou contrárias, isto é, por uma energia no vórtex, girando no sentido horário, e outra nosentido anti-horário, que formam um portal para a dimensão seguinte, através do qual as consciênciasqualificadas podem elevar-se. Uma explanação mais simplificada é a seguinte: para que possamos nosqualificar, cada um de nós precisa transformar o corpo material (físico) num corpo de luz, que então nosfornecerá automaticamente a chave para a passagem através da Merkabah para o Cinturão de Fótons (aConsciência Crística).Nós precisamos unificar a terceira e a quarta dimensões através da transformação do nosso corpo de luz. ATeoria dos Campos Unificados não é nova, na medida em que os Estados Unidos a descobriram na décadade 40 e desastradamente brincaram com ela no que ficou conhecido como o Experimento da Filadélfia.Nesse horrendo e vulgarizado experimento, os Estados Unidos desmaterializaram e transportaram um navioda Marinha, das Instalações Navais da Filadélfia para as Instalações Navais de Norfolk, com toda a suatripulação a bordo, sem que ela tivesse conhecimento e sequer suspeitasse do acontecido. Os resultados quese seguiram, apesar de satisfatórios para o navio, foram totalmente amorais e desastrosos para a tripulação.Um grande percentual de seus membros foi jogado no convés e nas amuradas do navio, presos em alçapõessem a menor possibilidade de conseguir escapar e sem esperança de ajuda de qualquer espécie. Os que nãoforam lançados nos alçapões e sobreviveram, tornaram-se mentalmente insanos e mais tarde foraminternados no Hospital de Administração dos Veteranos para pacientes psiquiátricos.A Teoria dos Campos Unificados, mesmo com sua eventualidade questionável, permitiu então aos EstadosUnidos e, mais especificamente à NASA e aos militares, uma passagem para a quarta dimensão. Desteexperimento sem precedentes, evoluíram os projetos Montauk e HAARP, nenhum dos quais provou estaratendendo aos melhores interesses da humanidade. Todos esses três projetos, começando com o  Experimento da Filadélfia, indicam uma aplicação imprópria e inapropriada de segredos e de energiasespirituais e a sua utilização egoísta, unilateral e autoritária.Parece ironia o fato de que a Merkabah e a Teoria dos Campos Unificados tenham tanto em comum, poisambas permitem o acesso a dimensões mais elevadas, apesar de que a Merkabah tem uma naturezaestritamente espiritual e a outra uma intenção e um objetivo aparentemente nefastos. No entanto, eu acredito,sem a menor sombra de dúvida, que o acesso à quarta dimensão realizado pelo homem, em função de suascaracterísticas não espirituais, terá um escopo e uma aplicação limitados, e ao final fracassará, a não ser queo homem aceite direcionar todo esse conhecimento para propósitos altruísticos. Com toda a certeza, apesarde tecnologicamente compatível com a Merkabah, o nível de conscientização e a intenção são enormementediferentes, e pode-se questionar até que ponto ele terá acesso ao segredo.Utilizando os critérios dos ETs Greys de Zeta Reticuli e outros afins, o governo americano poderiapossivelmente acessar esse mundo secreto e evoluído através da inteligência e da tecnologia, mas haverialimitações na sua abrangência e dimensão, devido à falta de espiritualidade. Os Ets Greys fizeram isso eescolheram abandonar sua espiritualidade e humanidade, divorciando-se, portanto, das sagradas qualidadeshumanas que nos vinculam com o Espírito e o Deus Criador, que são, acima de tudo, amor e perdão.Imagina-se que, na suposição de que o governo do mundo tenha acessado e apreendido até certo ponto aquarta dimensão, seu escopo e desempenho serão limitados a uma dimensão linear, o que impedirá a suaentrada nos aspectos mais elevados da quarta dimensão e do mundo espiritual. Assim isolados, eles existirãonum estado de suspensão animada num mundo destituído de amor e de espiritualidade. Honestamentefalando, antes eles do que eu!Declarei anteriormente que a Merkabah e o Cinturão de Fótons estão vinculados de maneira muito próximae divina. Cientificamente o Cinturão de Fótons se refere à Idade de Ouro, ou de 2.000 anos de luz; suaradiação é chamada radiação manásica. Espiritualmente, no entanto, podemos considerar a Idade de Ouro ede luz como sendo representativa da morada do Cristo. Seguindo este pensamento, a radiação manásica é aemanação ou radiação do poder e da presença do Cristo. Assim relacionados, podemos facilmente ver ainterconexão entre Merkabah, Cinturão de Fótons e Cristo. O Cinturão de Fótons está numa quarta dimensãode consciência, um grau acima da nossa terceira dimensão e, portanto, não podemos entrar nessa dimensãomais elevada até que tenhamos completo domínio sobre a terceira dimensão.O instrumento que mede nossa consciência planetária e que determina o percentual da humanidade que estápronto para ascender à Era de Ouro ou de luz, que na verdade é a Consciência Crística, é a Merkabah e os 24Anciãos que, juntamente com Cristo, determinam e selecionam quais de nós somos elegíveis para apromoção da terceira para a quarta dimensões. Esta consciência coletiva forma o veículo através do qualevoluiremos da quarta para a quinta dimensão. Entretanto, nada disso acontecerá se não fizermos nossaparte, que consiste em transmutar nosso corpo físico em um corpo de luz, assim como o grande Mestre Jesuso fez. Como conseguiremos isso? Infelizmente não será tão fácil, porque temos sido doutrinadoserradamente e ensinados por aqueles que nos trouxeram para este planeta com o único propósito de noscontrolar e de nos usar. Esses são os povos Wormwood (vermes da madeira), ou os deuses menores, que noseu cuidado para nos controlar e nos usar, criaram para nós um mundo de ilusão e irrealidade. Porconseguinte, tudo o que consideramos ser verdadeiro é pervertido e completamente falso; seu objetivoprincipal é nos manter confusos, num mundo de esquecimento e ilusão. Por ironia, o objetivo da Merkabah édeterminar quais de nós nos apercebemos do fato de que fomos enganados e induzidos a crenças errôneas, equais dentre nós estão prontos para quebrar as amarras que nos restringem, e declarar: Basta! . Jáparticipamos por um tempo demasiadamente longo desse jogo de ilusões. Acabou. Agora conhecemos averdade e é tempo de retornarmos às nossas srcens. A longa farsa terminou! Que assim sejaI Estamosdiante de uma oportunidade agora, mas quantos de nós responderão de maneira favorável?A Merkabah é de natureza cíclica; ela avalia nossa consciência planetária a cada 26.000 anos (maisprecisamente, a cada 10.500 anos, com um intervalo de 4.000 anos de luz entre eles). Observe que tratamosde generalidades. Em 1995 atingimos o pico de um período de 10.500 anos de trevas, de acordo com aNASA e manuscritos bíblicos encontrados em Damasco (a cidade mais antiga do mundo), e encerraremosnosso atual nível de consciência e entraremos na Idade de Ouro, ou Cinturão de Fótons, no ano 2000. A  partir do momento em que este texto foi escrito, isto significa que nos restam apenas três anos neste nível deconsciência, com a responsabilidade de, mais uma vez, respondermos ao chamado de retorno ao nosso lar ounegarmos e repetirmos o ciclo de 10.500 anos de trevas. Esperemos que nessa próxima oportunidadevejamos o erro de nosso comportamento, que foi baseado em esquecimento, ilusão e engano, e que jamaisteve a menor intenção de nos favorecer. Os Grandes Embusteiros, os deuses menores, nos tornaram vítimas.Ainda que sob a ótica mundana e materialista isto parece ser assustador e menos que benigno, não tem umaabrangência e um propósito espirituais que envolvem a Merkabah e provavelmente, creiam ou não, o DeusCriador .Permitam-me prosseguir um pouco além. Erradamente, a maior parte dos povos da Terra acredita que oDeus Criador é perfeito, estacionário e que não se expande. Se o Deus Criador fosse estacionário e perfeito,não haveria mais criação, o que causaria um estado constante de entropia. Assim, a longo prazo, toda acriação deixaria de existir. Se alguém desejar conhecer um aspecto do Criador, saiba então que se trata doaspecto E se? . E se eu fizer isto, o que acontecerá? O Criador está vivo e chero de energia, inteligência e,sim, de curiosidade. E se...? O que acontecerá com esta nova criação?À medida que caminhamos, tenhamos sempre em mente que tudo o que foi dito tem relação direta ouindireta com o Cinturão de Fótons e a Merkabah, os quais, juntamente com o nosso planeta, você e eu, estãointerconectados. Não podemos ficar isolados uns dos outros permanentemente, porque todos somos partesinerentes do plano e da consciência divinos.Reflitamos a respeito da situação da nossa posição planetária no que diz respeito aos outros planetas dosistema solar. Como mencionado anteriormente, nós somos especiais, assim como é especial o nosso papel junto ao Criador e aos outros planetas do sistema solar. Neste momento presente, nós somos o foco principalda atenção divina. Todas as preocupações concernentes à mudança para a Merkabah e o Cinturão de Fótonsconvergem para o planeta Terra. Todos os outros planetas já atingiram um estado de prontidão e ascensão, eagora todos os olhos se voltam para nós e nossa tardia ascensão, para que possamos integrar a Confederaçãodos Planetas. Sem a nossa presença, o processo de ascensão e Merkabah não se completará e nemacontecerá. Desde que o centro de tudo depende de nos juntarmos aos outros planetas para assegurar ummovimento integrado em direção à Merkabah e ao Cinturão de Fótons, muitos dos eventos citados emprofecias não ocorrerão, tais como a mudança do eixo da Terra (como sempre foi o caso no passado), oadvento de uma terceira Guerra Mundial, a contínua repressão por parte dos deuses menores para nosaprisionar aqui na Terra, e muitos outros. Por necessidade, tudo isso agora deverá ser controlado etransmutado com o objetivo de assegurar uma promoção bem sucedida deste estado tridimensional paradimensões mais elevadas.Isto, certamente, permite visualizamosr outras possibilidades que não são compatíveis com os eventosesperados ou citados em profecias. Faz mais sentido se pensarmos que nós, como sistema solar, estamoscompletando um ciclo maior que corresponde, como explicado anteriormente, a 208 milhões de anos, e estefato indubitavelmente se torna o arauto de uma mudança de rota. Presumindo-se que tudo isto seja verdade,as tão alardeadas mudanças na Terra, assim como o colapso dos governos, ciência e religião, poderão nãoacontecer. Ao invés disso, através de um processo espiritual de mudança, todos poderão ser transformadoscom muito sucesso em elementos superiores de consciência e poderão ser poupados dessas adversidades,mas não contem com isso porque, conforme se sabe, a Lei espiritual de Retribuição ainda está em ação.Como Jesus disse, Tudo o que semeastes, assim colherás . Só o tempo dirá.De acordo com esta hipótese, tudo será transmutado para um estado de luz, que certamente existe, e estamosprogressivamente sendo mais e mais banhados e impregnados pela luz do Cristo e pela convivência com umnúmero cada vez maior de ETs cristãos e altamente evoluídos. De fato, há muitos dentre nós que nasceramde pais mortais, mas que, na realidade, são mais espirituais e extra-terrestres do que humanos. Na grandemaioria, são jovens e perfeitamente conscientes de sua srcem, de quem são, e de que não têm limitações.Eles desempenharão papeis importantes num futuro próximo, mas no momento ainda não têm consciênciado seu papel de especial importância.
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks