Documents

A Verdade Da Vida

Description
A VERDADE DA VIDA VOLUME 3 LUZ / VIDA (I) MASAHARU TANGUCHI SEICHO NO IE 10 EDIÇÃO De onde vêm a “paz de espírito” e a “força para vencer na vida”? Paz – é o que todo homem busca, e para a sua concretização a humanidade tem despendido enormes esforços. Porém, se as pessoas agirem sem compreender perfeitamente “o que é o homem , conseguirão apenas atritar entre si, explorar uns aos outros e ferir-se mutuamente, e disso não surgirá paz alguma. Este livro, que prega “o homem traz, de nascença, infi
Categories
Published
of 2
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
  A VERDADE DA VIDAVOLUME 3LUZ / VIDA (I)MASAHARU TANGUCHISEICHO NO IE10 EDIÇÃODe onde vêm a “paz de espírito” e a “força para vencer na vida”?Paz – é o que todo homem busca, e para a sua concretização a humanidadetem despendido enormes esforços.Porém, se as pessoas agirem sem compreender perfeitamente “o que é ohomem , conseguirão apenas atritar entre si, explorar uns aos outros e ferir-semutuamente, e disso não surgirá paz alguma.Este livro, que prega “o homem traz, de nascença, infinita força vital em seuinterior”, não deixará de proporcionar ao leitor a “paz de espírito” e a “força paravencer na vida”.PREFÁCIOPor que a humanidade faz guerra buscando a paz? Poucos são os queconhecem a verdadeira causa. A humanidade, buscando o caminho para avida, parece seguir o caminho da morte. Isto se deve ao fato de o homem nãosaber que ele é, na sua essência, um ser espiritual puro e imaculado e, assim,parcticar autopunição e autodestruição levado pela idéia cristã de pecadosrcinal ou pela idéia budista de pecado cármico. O homem que vê a si própriocomo “matéria” ou “corpo carnal” não resiste ao desejo de se defender e de seexpandir materialmente. E já que a “matéria” é coisa limitada, o desejo de auto-expansão leva inevitablemente os homens a se chocarem e a roubarem unsaos outros. Por conseguinte, enquanto e basear na visão materialista da vida, ahumanidade terá de partir para a guerra, embora desejando a paz, e prosseguir com a autodestrição, embora desejando o desenvolvimiento perfeito da vida.Recentemente li a tradução do livro O Homem Contra Si Próprio , de autoria dodr. Karl Menninger, um expoente da medicina psicossomática dos EstadosUnidos. É um enteressante livro de psicanálise que qualifica o contraditóriodesejo de autodestruição como “instinto de suicídio”e as doenças crônicascomo “suicídios lentos”. E explica, citando exemplos reais, que as doenças sãocuradas quando se corrige esse instinto de autodestruição. Em relação àspessoas que lamentam a má sorte, Menninger afirma que a má sorte não éalgo que vem de fora. Segundo ele, a própria pessoa prepara as coisas,inconscinetemente, de um modo que os outros a coloquem em má situação, edessa forma saboreia uma espécie de prazer masoquista em suportar ossofrimentos da situação adversa em que se colocou.O interessante é que os psicopatologistas começaram a afirmar que asguerras, os conflictos, os desastres, as calamidades, as doenças, a pobreza etodas as formas de infelicidade são resultados da tendência masoquista deautodestruição do homem e que, enquanto não for eliminado esse desejo deautodestruição, a humanidade não poderá evitar sua caminhada para o mundoda morte, embora buscando o caminho que conduza á vida.  Se as pessoas que lêem a minha coleção  A Verdade da Vida curam-se dasdoenças de modo natural, não se ferem nem mesmo num campo de batalha econseguem superar todos os problemas da vida, é porque através dessa leituraelas se conscentizam de que o homem é Espírito Perfeito e não um ser material e eliminam o sentimento de culpa do tipo “pecado srcinal” comum atoda a humanidade; por conseguinte desaparece a necessidade deautopunição e elimina-se radicalmente o desejo de autodestrução,Este volume, que corresponde ao volume 2 da antiga coleçao  A verdade daVida , descreve cenas reais de campode batalha em que as pessoas que seconscientizaram de sua realidade como seres espirituais perfeitos não sofreramsequer um arranhão, mesmo estando sob uma chuva de projéteir.Mostra ainda que, sendo a doença um fenômeno provocado pelo oculto desejode autodestruição (principalmente em casos de doenças crônicas, em que osremédios se mostram ineicacez), o próprio uso de autodestruição, pois aflige apessoa tanto física como financeiramente.Esclarece também que, na maioria das vezes, “o remédio para curar umadoença provoca uma outra”. Ressalta portanto que, se o homem deseja ter uma vida saudável e livre de quaisquer conflitos e guerras, ele precisa mudar sua visão da vida, varrer a idéia do pecado srcinal e despertar para ImagenVerdadeira de sua Vida, que é livre e perfeita.O estado de espírito que mantém o homem ileso num campo de batalha deveráobviamente mantê-lo ileso também na vida cotidiana. Desejo que o leitor adquira através deste livro a convicção que lhe possibilite uma vida semembaraços, sem lesões, sem doenças e perfeita em todos os sentidos.Tóquio, 20 de junho de 1962O autor 
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks