Magazine

A VOZ RP - 1985

Description
Fundada em 15 julho de 1956 pelo Comendador Geraldo Antão Piedade (1912-1984) | Jornalista Responsável: Daniel Vasconcellos | R. Felipe Sabbag, 200 - 3ºa. |…
Categories
Published
of 12
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Related Documents
Share
Transcript
Fundada em 15 julho de 1956 pelo Comendador Geraldo Antão Piedade (1912-1984) | Jornalista Responsável: Daniel Vasconcellos | R. Felipe Sabbag, 200 - 3ºa. | sl.4Q3 | Distribuição Gratuita | Ano LVII | Nº 1985 | Sexta-feira, 6 de junho de 2014 Ex ministro Padilha recebe título de cidadão ribeirãopirense Profissionais de RH recebem homenagem na Câmara Municipal Paróquia Sant’Anna promove Festival das Massas A CONHEÇ WHOOP A A E A NOV M RCA D I R TÊN S DA RAMA IM! HE A W CON Ç HOOP A OV M R DE N A A CA N S DA AMAR M! TÊ I R I Quarta Divisão pode perder Praça de Esportes Obra destrói iluminação da pista de caminhada 02 Editores: + Com. Geraldo Antão Piedade (1956-1984) Marcelo Marques Jornalista Responsável: Daniel Vasconcellos - MTB: 42.112/SP Editoração e Direção Comercial: Marcelo Marques Publicação semanal de Veritas Comunicação S/S Ltda. CNPJ 09.147.848/0001-12 Administração e Redação: Rua Felipe Sabbag, 200 - 3ºandar | sala4 Q3 Tel.: (11) 4823-6494 - E-mail: vozjornalismo@gmail.com Sexta-feira, de 2014 6 de junho Assessoria jurídica: Marcus Tiberio Manoel - OABSP 182526 Colaboradores: Casa das Idéias, Ribeiro Pires, Egle Munhoz Publicidade: vozpublicidade@gmail.com Periodicidade semanal. Distribuição gratuita em todos os bairros de Ribeirão Pires/SP oje está na moda falar de política. Nunca se falou tanto sobre o assunto como ultimamente, e esse parece ser o melhor trabalho de incentivo a participação popularimplantadaemtodaahistóriadestenossoricoebeloBrasil. NãoéporcausadaCopaMundial,nemporcausadasEleiçõesPresidenciais,emuitomenosporapenas20centavos.Hoje,ainformaçãoédisseminadademaneiramuitomaisrápida.Existemmecanismosdecomunicaçãoemmassamuitomaiseficientes que a televisão, e que leva a sua mensagem diretamente ao cérebro de qualquermortal. Em um mundo tão cheio de informações, em um país tão cheio de problemas, em um assunto tão marcado pela corrupção, enriquecimento ilícito, imperícia e favorecimentodesvirtuado,oladodeixadodelado,buscarámecanismosparasemanifestar. Nasredessociais,munícipesfazemmuitomaisdoquesimplesmentereclamarao superior,quecertamenteabafaráocaso,elefalaparatodaumacomunidadeasuasituação.Quemseidentifica,espalhaparaoutracomunidade,queoutrapessoajápassou porissotambém.Podeserumaexperiênciaboaouruim. O mais importante de tudo é o que fazer com essa informação. A parte mais interessada é a parte citada, que tem a oportunidade de trabalhar seus pontos fracos e enaltecer os pontos fortes. É um jogo em que devemos ficar atentos para aproveitar as oportunidades. Aplicar a medida certa para cada situação exige conhecimento, análise e perícia. Não é qualquer um que faz esse trabalho, assim como não é qualquer um que faz uma cirurgia para retirada de um tumor, ou um projeto para um edifício, ou mesmo um softwareparacomputador.Éprecisoumtécnico. Voltandoàrealidade,aomesmotempoemqueapopulaçãotemmanifestadosua indignação com as administrações públicas, percebemos uma movimentação tensa e preocupada por parte da classe política, em insistir que tudo o que é dito se trata de mentira. Oras, você quer dizer que a população é mentirosa? Que não sabe o que está dizendo?Ouseráqueaadministraçãopúblicaéquenãosabeoqueestáfazendo? Quando recebemos uma crítica, o processo deve ser uma análise profunda e sinceracomrelaçãoaospontosapresentados.Nãoadiantasersupérfluoeomissoaopontodedizer:elenãogostademim!O'ele'emquestão,representatodasastorcidasorganizadasquenãorecebem'algumporfora'parafalarbemdevocê,epodeacreditarque émuitagente.Eéaíquevocêtemumproblema.Éaíquesuaimagemeaimagemdeseu grupotemumproblema. Pare, pense, organize suas ideias e tome uma atitude condizente com a posição quevocêocupa.SerpopulaçãonãoécarregarconsigooCartãodoCidadãopara'sacar' benefícios,éseposicionarcontrárioatudoaquiloquefazmalparavocê,parasuafamília e para sua comunidade. Posicionamento também não é defender fulano ou beltrano,épensarnotodo,sabendoquevocêtambémfazpartedele. H Imediatismo político pontodevista Por todos os motivos contrários que possam ser elencados por milhares de brasileiros, é preciso nos conscientizarmos de que a Copa do Mundo de Futebol acontecerá... não tem maisvolta. Ainda que alguns dos estádios preparados para receberem os jogos da Copa se tornarãoverdadeiroselefantesbrancosapósarealizaçãodomundial...nãotemmaisvolta. Pormaisquenossassuspeitasdesuperfaturamentonosinvestimentosqueforamrealizadoseaindaquemuitosoutrosinvestimentostenhamficadoapenasnaspromessas...não temmaisvolta. Depois que jogadores e ex-jogadores de futebol, que defenderam entusiasticamente a realizaçãodaCopaeencheramaindamaisseuscofrinhoscomdezenasdepropagandasde altos cachês, venham agora reconhecer que teremos problemas e que tudo isso nos trará muitosmicosemarcas...nãotemmaisvolta. Mesmo que Joana Havelange, diretora do Comitê Organizador Local da Copa do Mundo (COL) (filha de Ricardo Teixeira e neta de João Havelange) tenha declinado sua opinião em seu próprio Instagram, dizendo que “o que tinha que ser gasto, roubado, já foi”... não tem maisvolta. AindaqueoMinistérioPúblicodoTrabalhotenhanecessitadointervirnasobrasdevários estádios, chegando a interditar alguns deles, por conta de trabalhadores operando sem condições de proteção adequada, o que teria inclusive causado algumas mortes ...não tem maisvolta. Mesmoquetodosnóssaibamosque“AGrandeFamília”dosgrandescaciquesdaCopa tenhamganho(edeformainflacionada)nofornecimentodosmaisdiversosserviçosnecessáriosàrealizaçãodeumeventodetãograndeporte...nãotemmaisvolta. Com um eminente caos nos serviços de comunicações, pois a operadora Vivo sequer conseguiu instalar a operação de Wi-Fi na Arena Corinthians (SP), estádio de abertura do evento...nãotemmaisvolta. ComosinalverdedogovernodoEstadodeSãoPauloparareceberaofertadereforçode tropas militares federais, para ajudar no trabalho da Polícia Militar do estado... não tem maisvolta. Enfim, por mais que tenhamos motivos, não é mais a hora de protestar, pois a Copa vai acontecer,nãotemmaisvolta. Agoraéhoraderecebermoscomcivilidade,educação,simpatiaecalorhumanoquesão natosdopovobrasileiro,todasaspessoasquedealgumaformaparticiparãodeste,queéo maioreventoesportivodomundo. Mas teremos uma boa oportunidade de protestar no próximo outubro, quando acontecerão novas eleições. Este sim pode ser um bom momento para a população mostrar que nãoaceitamaissermanipulada. A Copa merece o mesmo respeito que o Carnaval, o Rock In Rio, a Fórmula 1 e qualquer outro evento que movimente milhares de pessoas, independente de gostarmos ou não de cadaumdeles,afinal,aCopajáénossa! Egle Munhoz, Comunicóloga responsável pelo site Ribeirão Pires Tem eglemunhoz@ribeiraopirestem.com.br A Copa já é nossa! José Carlos Zampol - E-mail: proconmunicipal@ribeiraopires.sp.gov.br Hoje discorreremos sobre mento o respeito à liberdade de tes princípios: garantia da liber- pelo estimulo ao uso de boas relacionados à matéria ou nos novas tecnologias e modelos de as Disposições Preliminares do expressão, bem como: o reco- dade de expressão, comunica- práticas; responsabilização dos tratados internacionais em que uso e acesso; e da adesão a Marco Civil da Internet. O capí- nhecimento da escala mundial ção e manifestação de pensa- agentes de acordo com suas ati- a República Federativa do Brasil padrões tecnológicos abertos tolo 1 artigo 1º diz: Esta Lei esta- da rede; os direitos humanos, o mento, nos termos da Constitui- vidades, nos termos da lei; pre- sejaparte. que permitam a comunicação, a belece princípios,garantias, desenvolvimento da personali- ção Federal; proteção da priva- servação da natureza participa- A disciplina no uso da inter- acessibilidade e a interoperabidireitos e deveres para o uso da dade e o exercício da cidadania cidade;proteçãodosdadospes- tiva da rede; liberdade dos net no Brasil tem por objetivo a lidade entre aplicações e bases internet no Brasil e determina emmeiosdigitais;apluralidade soais, na forma da lei; preserva- modelos de negócios promovi- promoção:dodiretodeacessoà dedados.Nopróximoartigodisas diretrizes para atuação da e a diversidade; a abertura e a ção e garantia da neutralidade dos na internet, desde que não internet a todos; do acesso à correremos sobre mais artigos, União, dos Estados, do Distrito colaboração; a livre iniciativa, a de rede; preservação da estabi- conflitem com os demais princí- informações, ao conhecimento atébreve. Federal e dos Municípios em livre concorrência e a defesa do lidade, segurança e funcionali- pios estabelecidos nesta lei. Os e à participação na vida cultural relaçãoàmatéria. consumidor, e a finalidade soci- dadedarede,pormeiodemedi- princípios expressos nesta lei e na condução dos assuntos José Carlos Zampol A disciplina do uso da inter- al da rede. Disciplina do uso da das técnicas compatíveis com nãoexcluemoutrosprevistosno públicos; da inovação e do é Coordenador do net no Brasil tem como funda- internetnoBrasiltemosseguin- os padrões internacionais e ordenamento jurídico pátrio fomento à ampla difusão de Procon de Ribeirão Pires Regulamentação do uso da Internet no Brasil parte - 2 pontodevista Ribeiro Pires - E-mail: colunadoribeiro@hotmail.com Saudações,naçãoribe- clima do eu sei que vou, Alô, polícia! Ribeirão pior é o sobrinho do hômi, irãopirense! Mais apres- vou do jeito que sei, a pre- virou terra de ninguém! Tá aquele que é vereador de sado que maratonista! feitura segue comissio- t e n d o a s s a l t o p r a vez em quando cassado, Mais temido que motorzi- nando gente do além. Do c%$#@* aqui! Tem uma de vez em quando não. De nho do dentista! Mais além da divisa, ali de motinho vermelha que tá vez em quando na Câmamirabolante que receita Mauá! aterrorizando! Lá, no bair- ra, de vez em sempre não. de alquimista! Alô, terra EoprefeitofoilánoIta- ro da Colônia, tão assal- E que agora passeia no da neblina! Ou seria das querão, com a camisa do tando, inclusive com rela- interior buscando verbas faixas? Na cidade que meu time! Poxa, aí é que o tos de agressões. A coisa pracidadeepostanofaceparece cada vez mais com Curíntia não ganha nunca tá feia geral e não adianta book. Ãm? Há! Há! Há! Mauá, propagandas pipo- lá, rapá! Perguntaram o botar a culpa nos ante- Sabe de nada, inocente! cam por todo lado, inclu- motivo de não ganhar em passados, nos dinossau- Voucontarproseutio... sive de político. E a Lei da casa e ele disse que era ros,sejaláquemfor.Ribe- Vou nessa esquentar o CidadeLimpa?Sóvalepro culpa do estádio anterior irão não tinha isso antes e tambor pra Copa, botar comerciante,claro! e do técnico anterior. Há! tá faltando viatura, ação e pra assar o milho da pipoE na semana que vem Há! Há! A moda agora é o escambau. Acorda, gen- ca e fazer fé no Willian do já tem Copa, com estádio falar em herança maldita. te! Terrão, moço de Ribeirão, padrão Fifa. Na gestão As dívidas, as obras, os Enquanto isso, o pre- craque da nossa seleção padrão Saulo, tem museu problemas. Dívida boa feito vai tirar férias. Eh do Felipão. É muito ão, e Hotel Escola que nunca essa empresa (o prefeito vidão! É claro que vai ser cidadão.Abração!Fui! são entregues. Chama os que chama assim) que longe daqui, até porque carasdoComitêdoBlatter rende o maior orçamento em Ribeirão não tem nada Ribeiro Pires pra acelerar, rapá! E no dacidade,né? pra fazer. Leva eu, tio? O morador de rua Caro srs. Editores e Redator vindos. O problema é a remoção deste jornal e População ribei- desrespeitosa e anti-ética dos rãopirense, estive no Posto de nossos médicos, para servir ao Saúde de Santa Luzia e lamen- programadoGovernoFederal. tavelmente, recebi a notícia que Resumindo, esses médicos a médica que me atende, Dra. do programa de saúde federal Magda Versalli Lupi, Clínica sãopagospeloGovernoFederal. Geral, não vai mais atender Dessa forma, fazendo o que o neste posto, a partir de Município está fazendo com a 13/6/2014. Dra. Magda e outros médicos, Inicialmente, pensei que ele não precisará mais gastar ela estava saindo para algo com a folha de salários de seus melhoremsuacarreira,poistra- médicos, que obviamente são ta-se de excelente profissional, concursados. daquelasdetirarochapéu. E os médicos concursados Porém, o que acontece é que estão sendo transferidos algo muito triste que, como para os do governo federal outros casos, vêm deixando a entrar, continuarão com seus nossa cidade em um estado de salários pagos pelo Município? calamidade pública. Por exem- C l a r o q u e s i m , m a s plo (e todos tem conhecimento TOTALMENTE INSATISFEITOS (e disso): buraco nas ruas, parale- revoltados, com toda razão). A lepípedossoltos,matoquecres- intenção nos parece clara: fazer ce, etc. Na rua onde moro, Pará, com eles peçam exoneração, ou na Santa Luzia, depois da últi- se demitam. E, fazendo isso, o ma eleição NUNCA MAIS a infra- Município terá a sua folha de estrura passou. Antes, sempre pagamentos com a saúde tampassava máquina e equipe de bém diminuída. Pois é, tudo trabalhadores com enxada. E coisadepolítica. poraívai... Mas, a verdade é que conMas, voltando ao caso da cursado é concursado. Será que saúde: soube que essa doutora, os políticos sabem disso? Acho Magda Lupi, é concursada e quenão. está sendo transferida para o Lamentável. E eu pergunto: setor administrativo da saúde qual a medida legal para tamalocal(ouseja,foradesuafunção nho descalabro dessa adminisoriginal,paraaqualestudoutan- traçãomunicipal? tos anos). Ora, como imaginar Caro srs. editores e redator um médico sem clinicar? Pior, deste jornal e população ribeinãoésócomela.Issoestáacon- rãopirense, se alguém souber o tecendo com outros médicos, quefazerparaqueasaúdemunitambém. Então, eu pergunto, cipal e esses médicos da nossa por que isso? Que política estra- cidade não sofram com essa nha é essa, com a finalidadade situação, em prejuízo de todos de prejudicar a saúde munici- nós,esperoquedêemasuacolapal? Com que intenção? O que o boração. sr. prefeito e os políticos irão Seiquealgunspacientesdo ganhar com isso, além do pró- posto estão passando uma lista priosalário? contraamedida.MasissoépouPois bem, escutem só o co.Políticoligapraisso? motivo que soube dessa trans- Eu pergunto: não existe ferência: é para entrar novos umamedidalegalcontraaremomédicos cubanos (se outros ção desses médicos? Não existe estrangeiros, também, não um mandato de segurança que sabemos), que estão sendo (ou se possa impetrar contra isso? já foram) recrutados (ou contra- Quefazer? tados) por esse duvidoso pro- Obrigada a todos pela atengrama de saúde do Governo ção, Federal – nada contra os médicos estrangeiros que vêm trabalhar no Brasil. São todos bem Isabel Aparecida Moreno moradora da Santa Luzia Nesta semana li um artigo detalhamento?Ondeestaoprodo Sr. Prefeito (Falando por tocolo de entrada nos órgãos falarsemconhecimentodecau- competentes? sa) entre outras coisas ele diz Será que estão falando por que Ribeirão Pires fez seu falarmesmoouéfaltadeescladever de casa: preparou o pro- recimento. jeto detalhado e enviou aos Porque o Sr. Prefeito não órgãosresponsável. faz como antigamente, mata a O Governo Federal, porém cobraemostraopau. ainda não autorizou o projeto, O que realmente esta falapesardejáterliberadoospro- tando aos nossos políticos é jetos de Mauá, Rio Grande da verdade, trabalho e transpaSerra, S.B.Campo, Diadema, rêncianasadministrações. SãoCaetanodoSul. EuperguntoaoSr.Prefeito: que projeto é este? Onde esta o Edson Mota munícipe - por E-mail Museu? Hotel Escola? Chama a Fifa, rapá! Carta aberta à população ribeirãopirense Mata a cobra e mostra o pau 03 Sexta-feira, 6 de junho de 2014 Antonio Carlos Rodgrs - E-mail: antoniocarlos@htconsultores.com.br Há pouco tempo fiz parte” deve estar presen- você seja dono de uma preéconvidado; uma viagem com um teemnossacabeça; ONG. Lembre-se que, se 7.Contudo, se você grupo de 15 pessoas de 2.O amigo também tiverquedemiti-loasitua- não for convidado, não se diversos lugares do Bra- erra e acerta e merece o ção será bem pior. Quer ofenda, afinal era um sil. Ficamos duas sema- mesmo tratamento dos ajudar um amigo que não encontro de amigos desenas juntos passeando e quenãosãotãoamigos; serve para sua empresa? legantes e não de colegas criei afinidade com 3.Se o amigo for seu Simples:pagueacontade detrabalhoe,comovocêé alguns,favorecendoapro- subordinado, ou tiver água, luz, telefone e alu- um profissional compelongação da convivência entrado na empresa por guel dele e ainda dê uma tente, continue a ser o para depois do retorno ao sua indicação, o cuidado cesta básica por mês, é mesmo no cotidiano Brasil, por intermédio de deve ser maior ainda para baratoetemexcelenteefe- empresarial. e-mails, telefones e redes nãodesmotivarosdemais ito e ele terá mais paz Muitos outros comensociais. Alguns destes, se com suas conversas paraprocuraremprego; tários e recomendações tornarão amigos. Se em públicas sobre o tempo 6.Se for fazer um chur- poderiam ser feitos, mas duas semanas fizemos que iam pescar juntos ou rasco de fim de semana seguindo esses você dará amigos, imagine na então sobre o almoço de com o departamento, um passo qualitativo na empresa onde ficamos domingoemsuacasa; daqueles que cada um dá motivação de seus colamais de um terço do 4.Você nunca precisa uma quantia, por delica- boradores e não será tido nosso dia, e vivemos para dizeracontundentefrase: deza convide os que são como protetor de incomela mais tempo ainda, em “Ele é meu amigo, mas menos amigos também, petentes,poisesseoadjeespecial nesses tempos não tem proteção”, isso é ainda mais se a organiza- tivo que os amigos do de trânsito lento no cami- pior que quando é pego ção do evento for feita no chefe recebem, e ainda nho residência x empresa em flagrante adultério horáriodetrabalhoeusan- não detonará a motivação x residência e internet em pela esposa e dizer:” Não do o e-mail corporativo. daequipe. todo canto para ler e- ébemoquevocêestápen- Alguns discordarão argu- Sucesso! mails. sando.”; mentando que têm direito Com isso criamos ami- 5.Nunca ajude um de, fora da empresa, só zades na empresa, mas amigo necessitado dando conviver com quem tem Antonio Carlos temos que tomar alguns emprego só para “dar for- afinidade, mas o que eu Rodgrs é Diretor da cuidados: ça” , só o empregue se ele acho engraçado é que o Human Talent Consul1.O velho ditado “Ami- for necessário para sua chefe, mesmo sendo mui- ting, blogueiro e consulgos, amigos, negócios à empresa, a não ser que tas vezes antipático, sem- tor empresarial. Amizade e favorecimento dentro do ambiente de trabalho vozdoleitor 04 Sexta-feira, 6 de junho de 2014 vozdacidade Visita de ex ministro tumultua sessão da Câmara Municipal OexministrodaSaúdeAlexandre Padilha (PT) visitou o município nesta quarta feira. Acompanhado de sua caravana, lotou a Câmara Municipal comcorreligionáriosparareceber o título de Cidadão Ribeirãopirense das mãos do vereador Renato Foresto, também doPartidodosTrabalhadores. A presença do ex ministro tumultuou a sessão ordinária. Vereadores pareceram ter sido pegos de surpresa com a visita e não conseguiram esconder o despreparo. O presidente da casa, Edson ‘Banha’ Savietto, visivelmente preocupado, suspendeu a sessão para promover a solenidade, e logo após a saída de quase todos os visitantes, teve que voltar à mesa para apreciar projetos apresentados pelo do executivo logonoiníciodareunião,entre ma de atendimento à saúde e rensenaconstruçãodoPartido nação do ex-ministro pela eles a polêmica reformulação Jorginho de Moraes (DEM) soli- dos Trabalhadores. “Ser can- região,quevisaaaproximação administrativa do Instituto citou atenção à Rodovia Índio didato é gozado, a gente não com o eleitorado antes do iníMunicipal de Previdência - Tibiriçá que, segundo o parla- pode fazer nada. Daqui a cio da campanha eleitoral, IMPRERP. mentar,matacercadetrêspes- pouco não poderemos conver- mêsquevem. Padilha foi bastante corte- soas por semana devido a aci- sar com as pessoas sobre polí- Asessãocontoucomaprejado pelos vereadores, que dentes. ticaduranteacampanha”,afir- sença das irmãs Lair Moura, agradeceram a instalação
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks